Início » Celular » Retorno à tradição: BlackBerry Classic tem teclado físico e formato convencional

Retorno à tradição: BlackBerry Classic tem teclado físico e formato convencional

Emerson Alecrim Por

Smartphones com teclado físico ainda fazem sentido? A BlackBerry aposta que sim: nesta quarta-feira (17), a companhia anunciou oficialmente o BlackBerry Classic, aparelho que tenta aliar esta característica com recursos mais atuais.

O modelo é o primeiro lançamento desde o BlackBerry Passport, mas está longe de ser tão ousado no design quanto este. Tal como os rumores que antecederam seu anúncio apontavam, a novidade resgata, até certo ponto, a fórmula que fez a BlackBerry ser mundialmente conhecida - o "Classic" no nome não é mera casualidade.

BlackBerry Classic

A tela, quadrada, possui 3,5 polegadas e resolução de 720x720 pixels (294 ppi). A fabricante não cometeu o erro de não incluir sensibilidade a toques, a despeito da existência do teclado "qwerty" e dos botões auxiliares.

Internamente, há um processador dual-core Snapdragon S4 (MSM8960) de 1,5 GHz acompanhado de 2 GB de RAM. Também há 16 GB para armazenamento interno de dados, suporte a microSD de até 128 GB, câmera frontal de 2 megapixels e câmera traseira de 8 megapixels capaz de gravar vídeos com 1080p.

A bateria, de 2.515 mAh, tem 22 horas de uso "misto", segundo a empresa. A princípio, a autonomia está dentro dos padrões de hoje, assim como o pacote de conectividade, composto por USB 2.0, Wi-Fi 802.11n, Bluetooth 4.0, NFC, 3G e 4G.

BlackBerry Classic

No BlackBerry Passport, o usuário pode fazer rolagem de tela arrastando o dedo sobre o teclado, mas este recurso, infelizmente, não está presente no Classic. Em compensação, o botão central que faz as vezes de um trackpad voltou.

Orquestrando tudo está o BlackBerry OS 10.3.1, que inclui o BlackBerry Assistant (assistente de voz similar ao Siri ou ao Google Now) e o catálogo da Amazon App Store, que oferece mais de 240 mil aplicativos.

Tecnicamente, o BlackBerry Classic não é mais do que um "retorno às origens". Este ponto não diz respeito só ao desenho icônico do aparelho, mas também ao público-alvo: assim como o Passport, o novo modelo é focado no segmento corporativo, sob a forma de uma opção um pouco mais em conta, porém.

Haverá boa aceitação? Veremos. O preço não é muito convidativo, considerando o hardware do smartphone, mas pode sofrer baixas nos próximos meses: nos Estados Unidos, o BlackBerry Classic está em pré-venda por US$ 449. Ainda não há informação sobre lançamento no Brasil.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

LekyChan
mas ele tem o a amazon app store, isso quer dizer que ele roda apps android
Porto Velho
A Nokia quebrou por insistir no Symbian, que já estava morto a muito tempo. O Windows Phone a fez ter lucros depois de sai lá quantos anos.
Emanuel Schott
A Nokia quebrou por insistir no Symbian, que já estava morto a muito tempo. O Windows Phone a fez ter lucros depois de sai lá quantos anos.
Rafael Rocha
Hum. Definitivamente, eu compraria. Um aparelho com boa câmera, bom hardware e teclado físico, não existe mais hoje no mercado (infelizmente).Não digo que seria meu único aparelho, mas poderia enfim substituir o C3-00 que, por questões práticas, ainda mantenho em uso.
Rafael Gomes Rocha
Hum. Definitivamente, eu compraria. Um aparelho com boa câmera, bom hardware e teclado físico, não existe mais hoje no mercado (infelizmente).
Não digo que seria meu único aparelho, mas poderia enfim substituir o C3-00 que, por questões práticas, ainda mantenho em uso.
Paulo Sergio Ribeiro
Mesmo que o publico alvo seja o mercado corporativo, acho que o termo mais adequado é o mercado saudosista. A configuração é muito modesta para os padrões atuais e o S.O é tão proprietário quanto um iphone. O android é um legítimo plug and play. Comprou,ligou, entrou no Google play, já era. Tá conectado com o mundo. No Blackberry o processo é mais burocrático e caro.
Lucio717
Não confundi. Só se preço com plano for 99 dólares que ele tem alguma chance pq por 499 nunca nesse planeta
Antony
Aqui vai sair pelo menos umas 3x o preço do Moto G, com esse hardware. É de dar risada.
Doug Soares
Por que deveria ter o preço do Moto G se o hardware é bem melhor? Óbvio que esse não vai ser o preço se lançarem no Brasil, mas acho 800/1100 reais o preço mais justo pra essas especificações.
Doug Soares
Sim, mas em planos de operadoras dos EUA talvez saia por 99 dólares, já que ele não é um flagship (que normalmente custam 200 dólares em planos de operadora)
Portuga Goleta
Igual ao classic sem o físico fica parecendo um Galaxy Y
Adam Lewis Charger
Igual ao classic sem o físico fica parecendo um Galaxy Y
Yago G. Oliveira
Sempre tive vontade de ter um Blackberry, meus olhos brilharam novamente. Porém, ainda acho a Blackberry muito dispersa em seus mercados.
YagoG.
Sempre tive vontade de ter um Blackberry, meus olhos brilharam novamente. Porém, ainda acho a Blackberry muito dispersa em seus mercados.
Yago G. Oliveira
Esses US$449 é o preço de um desbloqueado?
YagoG.
Esses US$449 é o preço de um desbloqueado?
Airon de Souza (Nash)
A Blackberry perdeu uma ótima oportunidade de lançar uma versão igual ao classic, só que SEM o teclado físico. Quem gosta desse elemento, o compraria, quem não gosta, poderia manter o design mais utilizado atualmente. Na minha opinião, isso organizaria a linha de produtos deles E mostraria um diferencial - adaptar-se às necessidades do cliente.
Wendel Schelhan
A Nokia estava em maus lençóis com o Simbian e aderiu ao WP. Desde então só registrou prejuízos e vendas baixas até que a Microsoft resolveu salvá-la..
É uma boa empresa? Sem dúvida. Mas é neste ponto que quero chegar: as excelentes câmeras PureView, construção excepcional e bom hardware não fizeram as vendas alavancar.
Les Claypool
Não confunda valores de aparelhos subsidiados nas operadoras com valores dos aparelhos unlocked.
Lucio717
Esse preço aí já o fez ser natimorto
Lucio717
Morta? Muito pelo contrário. A nokia tanto se atualizou que chamou a atenção de nada menos que a Microsoft. Removeram a divisão de celulares? Sim, mas Isso não a matou, mas sim incorporou-a, se ela não tivesse se reinventado aí sim estaria falida
Wendel Schelhan
A Nokia também "se atualizou" e está morta.
Não é tão simples assim. O BBOS é um excelente sistema operacional, o hardware dos BB são bons e os serviços de altíssima qualidade. Mesmo assim não vende.
Diego Vieira
Blackberry já era, ou faz como a Nokia e se atualiza, ou vai morrer.
Alisson Santos
Meu pai é um dos que preferem teclado físico. Como ele deve ter muitos que comprariam um aparelho desses.
Alisson Silva
Meu pai é um dos que preferem teclado físico. Como ele deve ter muitos que comprariam um aparelho desses.
Vitor Aleksandr
Uma otima opção, otimo aparelho, otimo em tudo!! So peca (e muito) pelo preço.
Ao preço de Moto G valeria, e muito, a pena! Mais que isso é ilusão

Ai depois as empresas não sabem porque estão no buraco...