Início » Telecomunicações » Período de consulta pública do Marco Civil da Internet está aberto no CGI

Período de consulta pública do Marco Civil da Internet está aberto no CGI

Avatar Por
Crédito da foto: Gustavo Lima/Câmara

Crédito da foto: Gustavo Lima/Câmara

A Lei 12.965/2014 que estabelece e regulamenta o uso da Internet no Brasil, também conhecida como Marco Civil da Internet, foi sancionada pela presidente Dilma em abril deste ano, depois de um longo, demorado e difícil debate. Algumas áreas da lei ainda precisam ser regulamentadas com precisão e é agora que este processo começa, com a abertura do período de contribuições pelo CGI, o Comitê Gestor da Internet no Brasil.

Um dos tópicos que gerou bastante controvérsia foi a neutralidade da rede e este (acredito eu) pode ser o tópico que mais deve receber contribuições nos próximos dias. A neutralidade da rede é um conceito que diz que nenhuma operadora de internet pode favorecer o envio de um tipo de dado em detrimento de outro. Todos os dados trafegados na rede devem ser tratados com neutralidade. E é isso que o CGI.br deve ouvir dos cidadãos: o porquê deste aspecto ser importante para a internet funcionar bem como uma ferramenta útil para todos.

marco-civilAs operadoras, no entanto, tem outras ideias. Desde a época em que o Marco Civil ainda estava em debate, muitas gastaram tempo e provavelmente dinheiro em um lobby a favor dos seus interesses, que vão de encontro à neutralidade da rede. Elas querem, por exemplo, liberdade para criar planos de acesso à internet que contemplem apenas alguns serviços, como YouTube ou Google. Um modelo de negócios bastante similar ao que já existe na TV a Cabo, por exemplo.

Dentre as demais áreas que também devem receber contribuições estão a proteção aos registros, dados e comunicações privadas, a guarda e registros de conexão e a guarda e registro de acesso às aplicações de internet, além das definições técnicas e de termos relevantes ao Marco Civil da Internet.

As contribuições para o Marco Civil da Internet podem ser feitas por qualquer pessoa ou entidade através do site MarcoCivil.cgi.br e até o dia 31 de Janeiro de 2015. Todas as contribuições feitas também estarão disponíveis neste link.

Além do CGI, a Anatel também deve abrir em breve uma consulta pública similar à do CGI, mas com foco na neutralidade da rede. Ainda não há uma data, no entanto, para quando esta pesquisa será aberta. De fato, segundo o Teletime, ela está até um pouco atrasada.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

dezraj
Hahaha! Boa!
Luto MalCriadoRJ
O que computação gráfica tem haver com marco civil da internet? bad tummms!