Início » Celular » Google revela novo protótipo do Project Ara e programa piloto em Porto Rico

Google revela novo protótipo do Project Ara e programa piloto em Porto Rico

Emerson Alecrim Por
5 anos atrás

O Google planeja disponibilizar a primeira versão útil do Project Ara até o final do ano. Enquanto isso, a empresa segue "lapidando" a iniciativa. Algumas novidades foram confirmadas nesta quarta-feira (14) durante um evento para desenvolvedores. Entre elas está o lançamento de um programa piloto em Porto Rico.

Projetc Ara - Spiral 2

Como você deve saber, o Project Ara é a proposta de smartphone modular do Google. A ideia é que você possa customizar o dispositivo utilizando "blocos". Cada um deles possui uma função específica: câmera, porta USB, bateria, entre outros.

A companhia quer que os usuários tenham acesso a um conjunto de hardware relevante quando o Project Ara finalmente for lançado, por isso, anunciou a versão 0.2 do Module Developers Kit (MDK), que inclui um protocolo chamado Greybus para facilitar a comunicação entre os módulos e o aparelho em si, além de uma nova forma de conexão dos componentes para dar mais espaço a estes.

Tais mudanças resultaram em um novo protótipo que o Google chama de Spiral 2. As primeiras imagens do modelo foram liberadas em outubro de 2014. Câmera de 5 megapixels, processador Nvidia Tegra K1 e sensores de luz e proximidade estão entre os módulos de referência para esta versão.

A terceira fase do projeto, representada pela Spiral 3, está prevista para começar no terceiro trimestre e incluirá um protótipo com design ainda mais avançado e, claro, a preparação de novos componentes - um deles pode ser um módulo de bateria de alta densidade.

Projetc Ara - Spiral 2

O programa de testes em Porto Rico deve começar um pouco depois, no último trimestre do ano. O Google espera disponibilizar aos usuários dispostos a experimentar o Project Ara de 20 a 30 componentes diferentes.

Ainda não há informação sobre preços, mas como que para assegurar que o país receberá mesmo a fase piloto, a companhia revelou já ter firmado parcerias com duas operadoras locais: Claro e Open Mobile.

Por que Porto Rico? Segundo o Google, pelo engajamento da região com mobilidade - por lá, 77% dos usuários acessam a internet principalmente via celulares - e por sua proximidade com os Estados Unidos.

Se os testes forem bem sucedidos, outros países terão acesso ao Project Ara a partir de 2016.

Com informações: VentureBeat, SlashGear

Mais sobre: ,