O Google planeja disponibilizar a primeira versão útil do Project Ara até o final do ano. Enquanto isso, a empresa segue “lapidando” a iniciativa. Algumas novidades foram confirmadas nesta quarta-feira (14) durante um evento para desenvolvedores. Entre elas está o lançamento de um programa piloto em Porto Rico.

Projetc Ara - Spiral 2

Como você deve saber, o Project Ara é a proposta de smartphone modular do Google. A ideia é que você possa customizar o dispositivo utilizando “blocos”. Cada um deles possui uma função específica: câmera, porta USB, bateria, entre outros.

A companhia quer que os usuários tenham acesso a um conjunto de hardware relevante quando o Project Ara finalmente for lançado, por isso, anunciou a versão 0.2 do Module Developers Kit (MDK), que inclui um protocolo chamado Greybus para facilitar a comunicação entre os módulos e o aparelho em si, além de uma nova forma de conexão dos componentes para dar mais espaço a estes.

Tais mudanças resultaram em um novo protótipo que o Google chama de Spiral 2. As primeiras imagens do modelo foram liberadas em outubro de 2014. Câmera de 5 megapixels, processador Nvidia Tegra K1 e sensores de luz e proximidade estão entre os módulos de referência para esta versão.

A terceira fase do projeto, representada pela Spiral 3, está prevista para começar no terceiro trimestre e incluirá um protótipo com design ainda mais avançado e, claro, a preparação de novos componentes – um deles pode ser um módulo de bateria de alta densidade.

Projetc Ara - Spiral 2

O programa de testes em Porto Rico deve começar um pouco depois, no último trimestre do ano. O Google espera disponibilizar aos usuários dispostos a experimentar o Project Ara de 20 a 30 componentes diferentes.

Ainda não há informação sobre preços, mas como que para assegurar que o país receberá mesmo a fase piloto, a companhia revelou já ter firmado parcerias com duas operadoras locais: Claro e Open Mobile.

Por que Porto Rico? Segundo o Google, pelo engajamento da região com mobilidade – por lá, 77% dos usuários acessam a internet principalmente via celulares – e por sua proximidade com os Estados Unidos.

Se os testes forem bem sucedidos, outros países terão acesso ao Project Ara a partir de 2016.

Com informações: VentureBeat, SlashGear

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

SR 71 Pássaro Preto

Essa nova era dos smartphones... Só esperando pra ver!...

Anthony Fernando
Essa nova era dos smartphones... Só esperando pra ver!...
Maxnoob

Eu acho o projeto do puzzlephone tambem muito promissor

http://www.puzzlephone.com/...

Marno
Eu acho o projeto do puzzlephone tambem muito promissor http://www.puzzlephone.com/wp-content/uploads/2014/backview.png
Deibson Oliveira

E se a nova base for compatível com os módulos da base anterior?

Deibson Wagner
E se a nova base for compatível com os módulos da base anterior?
Alexandre Santos
É isso aí! Estou acompanhando esse projeto há um tempo. Acho que vai ser uma revolução, alterar só as partes que você precisa!
Ademar Abiko Jr.
É aquele negócio. Não vai ser um iPhone da vida (até pq o design ainda tá feio), mas tem por onde ser uma opção sustentável. Tudo vai depender dos preços dos componentes (pq a graça é poder ficar trocando as peças várias vezes ao longo do ano, dependendo da atividade).
Gabriel_Queiroz
Eu acredito nesse projeto! Quero muito essa nova Era, onde os celulares vão ser vendidos como Computadores, cada usuário configura de acordo com seu uso.
Antony
"Não sabendo que era impossível, foi lá e fez" - Jean Cocteau
Anakin

Pensei nisso tb, quanto tempo essa base vai ter suporte? Sei la, prefiro trocar de celular com o foco naquele que eu gosto. Mas deve ter quem se amarre no projeto.

Dereck Bolsanelo
Pensei nisso tb, quanto tempo essa base vai ter suporte? Sei la, prefiro trocar de celular com o foco naquele que eu gosto. Mas deve ter quem se amarre no projeto.
Juan Lourenço
Isso vai acontecer em um momento ou outro, mas se dobrar o ciclo de vida já está ótimo
Rodolpho Freire
Até o novo módulo lançado não for compatível com sua base e você tem que comprar a base 2.0 para continuar atualizando.
Anakin

Nunca levei fé nesse projeto, a ideia até que é legal, mas sei la, eu não compraria. Mas o video esta muito legal xD

Exibir mais comentários