Início » Telecomunicações » Brasil é o 8º do mundo em número de hotspots Wi-Fi

Brasil é o 8º do mundo em número de hotspots Wi-Fi

São mais de 84 mil hotspots em cafés brasileiros

Por
4 anos e meio atrás

Wi-Fi

O número de hotspots Wi-Fi no Brasil cresceu 189% na passagem de 2013 para 2014. Com isso, ele ocupa a oitava posição no ranking de países com maior disponibilidade de Wi-Fi, de acordo com um levantamento da empresa iPass. Em meio a nações da Europa e da Ásia, além dos Estados Unidos, estão os hotspots brasileiros.

Existem no país 1,6 milhão de hotspots, considerando-se toda sorte de estabelecimento: cafés, lojas, hoteis, aeroportos, transporte público e por aí vai. A contagem da iPass considera até mesmo 45 aeronaves de companhias aéreas nacionais que oferecem o chamado Wi-i inflight, ou seja, durante o voo – e provavelmente por preços proibitivos.

São mais de 84 mil hotspots em cafés brasileiros, segundo iPass

São mais de 84 mil hotspots em cafés brasileiros, segundo iPass

Ao contrário do que eu imaginava, os franceses lideram o ranking de países mais conectados quando o assunto são os acessos por Wi-Fi. Existem por lá perto de 14 milhões de hotspots. Já os Estados Unidos, em que qualquer esquina tem uma conexão aberta, aparece na segunda posição, com 9,9 milhões de hotspots.

O top 10 ainda tem mais alguns países da Ásia e da Europa. Nenhuma nação africana entra no levantamento. Na lanterna aparece a Alemanha com 935 mil hotspots. Pouco.

O CEO da iPass, Evan Kaplan, disse à Forbes que os próprios consumidores preferem os estabelecimentos com Wi-Fi e, devido a isso, os empreendedores estão fazendo investimentos para melhorar a estrutura de conexão sem fio. Resta saber o que eles chamam de “infraestrutura“. O que mais tem no Brasil são lojas que compram um roteador doméstico, ligam na tomada, e acham que isso é oferecer Wi-Fi. Ok, é um começo, mas a gente sabe que as necessidades de um comércio são diferentes das de uma residência.

Outro ponto abordado por Kaplan é a importância que as operadoras de telefonia dão ao precioso Wi-Fi. Ao investir em redes Wi-Fi, as teles desafogam as redes 4G/3,5G/3G. Já falamos sobre isso aqui no TB em outras ocasiões.

Em especial nos Estados Unidos existe outro fenômeno que pode elevar o número de hotspots Wi-Fi num futuro próximo. Algumas operadoras estão convertendo consumidores residenciais no que chamam de “provedores de hotspot comunitário”. Ou seja, você tem o seu roteador, mas de alguma forma, pessoas próximas também conseguem usá-lo, o que faz com que ele atenda uma área maior.

Atualmente existe um hotspot Wi-Fi para cada 150 pessoas no planeta. Até 2018 a previsão é de que este número passe para somente 20, segundo a iPass.

O mapa completo do crescimento do Wi-Fi foi publicado no site da iPass.

Mais sobre: ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.