A Mozilla lançou nesta semana a versão 38 do Firefox Developer Edition, como o nome indica, uma variação do navegador voltada a desenvolvedores. O principal atrativo do lançamento é a inclusão de uma versão de 64 bits do browser para Windows, o que sugere que os usuários finais da plataforma terão acesso à novidade em breve.

O Firefox tem versões de 64 bits no Linux há algum tempo. O mesmo vale para o OS X. No Windows a história é diferente. Problemas no desenvolvimento fizeram a Mozilla desistir do Firefox de 64 bits para a plataforma no final de 2012. Um mês depois, a organização retomou o projeto da versão, mas desde então surgiram poucas novidades.

No Firefox Developer Edition é possível encontrar recursos que a Mozilla testa antes de implementar na versão final do navegador. É uma estratégia coerente: a organização obtém feedback de quem explora mais a fundo os atributos do browser e, ao mesmo tempo, os desenvolvedores podem descobrir como suas aplicações se comportam em relação aos recursos existentes ali.

Firefox Developer Edition

Firefox Developer Edition

Como a versão de 64 bits apareceu primeiro no canal para desenvolvedores, fica fácil presumir que o Firefox baseado nessa arquitetura está bem próximo dos usuários finais.

O fato de a própria Mozilla ter explicado em seu comunicado que as versões de 32 bits têm como maior desvantagem o endereçamento de até 4 GB de RAM indica o quanto a organização está focada no assunto.

Não é por menos: na arquitetura de 64 bits, o browser pode lidar com muito mais memória, característica fundamental em uma época em que sites e serviços web ficam cada vez mais carregados de funcionalidades.

O Firefox Developer Edition traz ainda novos recursos ligados à API WebRTC, usada para comunicação via vídeo, voz e texto a partir navegador. Todas as novidades estão descritas aqui. O download da versão pode ser feito nesta página (o link inclui as edições para Linux e OS X).

Com informações: The Next Web

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Paulo Henrique Brumatti
Com a morte do Aurora, o Developer Edition utiliza a mesma base que a versão Beta, ou seja, é atualizada a cada 6 meses com o código mais estável da versão Nightly. Nightly -> Beta / Developer -> Release
Newton Carneiro
o poque tão difícil de achar o mesmo ,e pior ainda em poder configurar ele ,será que ele realmente bate de frente com os grandes ,ou será que sua tecnologia de ponta assusta os grandes ,na verdade nossa linha Mozilla Firefox e a melhor do mundo ,
Portillo Rodrigo
Isso só mostra a desatualização deste site. Pois o Developer Edition tem versão 64 bits para Windows há mais de um ano. Bastava olhar direto no FTP público ao invés de esperar aparecer no site. https://download-installer.cdn.mozilla.net/pub/firefox/nightly/latest-mozilla-aurora-l10n/
Antony
A Nightly é atualizada diariamente, com base nas últimas alterações de código (isso serve não somente para o Firefox, qualquer build Nightly sempre será assim) e portanto é o código mais instável. Nightly -> Aurora -> Developer (Beta?) -> Release
shaolinmaru
Obrigado, Emerson
Denis Padua
Será que a versão final do Firefox vai ter esse visual? Achei bem bonito.
Emerson Alecrim

A versão Developer tem como base o Firefox Aurora, pelo o que eu saiba, então em relação aos recursos do navegador em si, muda pouca coisa.

emersonalecrim
A versão Developer tem como base o Firefox Aurora, pelo o que eu saiba, então em relação aos recursos do navegador em si, muda pouca coisa.
Vitor Mikaelson
Waterfox e pcxFirefox era 64bits há algum tempo já. Vamos ver quem vai ganhar em desempenho.
shaolinmaru
Qual seria a diferença entre a Developer Edition e as Nightly?
Bruno Aquino
Uso a versão 64 Bits no Ubuntu, o Chrome ultimamente esta consumindo muito recurso.