Início » Jogos » Nintendo planeja lançar cinco jogos para smartphones até 2017

Nintendo planeja lançar cinco jogos para smartphones até 2017

Por
4 anos atrás

Nintendista que sou, fiquei feliz ao saber que a Nintendo vai ingressar no mercado de jogos para smartphones. A estreia será tímida, é verdade, mas consistente: a companhia revelou a intenção de lançar cinco jogos inéditos até março de 2017, mês de encerramento de seu ano fiscal.

É pouco? Provavelmente. Mas é um começo. A Nintendo é uma empresa centenária – fará 126 anos em setembro, para ser exato – e, como tal, viu a indústria de games nascer, crescer e, no meio do caminho, superar adversidades. Tamanha experiência a fez resistir à ideia de explorar outras plataformas, mesmo em momentos de crise. É por isso que a chegada da companhia ao universo dos smartphones é tão marcante.

Nintendo

A decisão se deve ao atual momento da Nintendo no mercado. Não bastasse a forte concorrência com Sony e Microsoft, a empresa viu smartphones e tablets incomodarem o segmento de consoles portáteis.

Para você ter ideia da situação, a companhia apresentou o relatório financeiro de seu último ano fiscal nesta semana. É a primeira vez, em quatro anos, que a Nintendo obteve números favoráveis – US$ 350 milhões de lucro, aproximadamente.

“Vocês podem considerar cinco jogos um número pequeno, mas isso se deve ao nosso objetivo de tornar cada título um sucesso”

Foi na apresentação dos números que o CEO da Nintendo Satoru Iwata prometeu os cinco títulos. O executivo só não relevou quais serão eles, mas não está descartada a possibilidade de franquias como Mario, Pokémon e Zelda serem exploradas.

Seja lá qual for a franquia, podemos esperar jogos caprichados, como é hábito da Nintendo. “Vocês podem considerar [cinco jogos] um número pequeno, mas isso se deve ao nosso objetivo de tornar cada título um sucesso e também porque queremos operacionalizar cada um deles por um período expressivo após o lançamento”, afirma Iwata.

Satoru Iwata e seus funcionários

Satoru Iwata e seus funcionários

Prova contundente da preocupação com a qualidade está na equipe que desenvolverá os jogos. Sem citar nomes, Iwata revelou que um dos líderes dos trabalhos será um importante produtor de Mario Kart 8 – podemos apostar um cogumelo verde em Hideki Konno.

A quantidade limitada de jogos também permitirá à Nintendo conhecer, com calma, os pormenores do segmento de smartphones. Para essa missão, a empresa fechou uma parceria de desenvolvimento com a DeNA Co., um dos mais importantes estúdios de games mobile do Japão.

Para os ansiosos de plantão (tipo eu), a espera será um castigo, mas pelo histórico de bons jogos da Nintendo, deve valer a pena. Felizmente, o primeiro título não deve demorar tanto assim: Iwata espera que o lançamento ocorra até o final do ano.

Vale frisar que essa nova jornada não representa o fim das plataformas próprias da Nintendo. A companhia já está até trabalhando em seu console de próxima geração, o NX (nome provisório). Detalhes sobre o projeto devem ser liberados a partir de 2016.

Com informações: The Verge

Mais sobre: , ,