O anúncio do Android M nesta quinta-feira (28) durante a conferência Google I/O foi acompanhado de outra novidade importante: o Google Now vai ficar mais inteligente graças a uma função complementar chamada Now on Tap.

A funcionalidade será possível porque o Android M permitirá ao Google Now analisar as tarefas executadas no dispositivo móvel. Dessa forma, a ferramenta poderá aprender os hábitos do usuário para realizar, quando necessário, ações correspondentes.

Now on Tap

Um exemplo dado pelo próprio Google: suponha que, ao ouvir uma música do DJ Skrillex em uma app de streaming, tenha batido a curiosidade de descobrir o nome real do artista. Você pode então acionar o Google Now e perguntar “qual o nome verdadeiro do cantor?”. O serviço entenderá que você se refere à música sendo executada naquele momento e exibirá a informação no Chrome ou em cards.

Outro exemplo: imagine que você tenha recebido um convite por email para ir ao cinema assistir ao filme Tomorrowland. Acionando o Google Now, o serviço será capaz de identificar o nome da produção no meio da mensagem e exibir informações relacionadas, como links para críticas e horários das salas de cinema mais próximas.

Now on Tap

O acionamento do Now on Tap é fácil: basta apertar e segurar o botão Home por alguns instantes. Ao fazê-lo, o Google tentará exibir automaticamente informações relacionadas ao app em uso naquele momento. A contextualização também funcionará se você pronunciar o comando “Ok, Google” a partir de qualquer tela.

Se você ficou interessado, vai precisar de paciência. O Now on Tap será disponibilizado junto ao lançamento do Android M, ou seja, deve aparecer somente no final do ano. Até lá, o Google deve seguir liberando mais informações sobre o assunto.

Ah, não custa deixar a resposta aqui: o nome verdadeiro de Skrillex é Sonny John Moore.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Diogo Ribeiro Novaes
Pois é. O Android Marshmallow já está no Moto X, mas nada de Now on Tap em Português.
Vitor
Aqui no meu Moto X 2gen faz diferença nenhuma (e sim, eu desliguei o Moto Voz). Nos 2 Moto G 2gn do meu pai e no Moto G 1gen do meu irmão tbm não vi nada de diferente. E no Moto E da minha mãe fica a mesma coisa também... Sim, Motorola dominou a casa de uns meses pra cá.
eumermo

usando os atalhos de acessibilidade, é possível que o google now consiga ler o que tá na tela até no jelly bean. A google não vai ignorar esse público gigante, acredite, vai rolar em versões anteriores do android.

eumermo

usando os atalhos de acessibilidade, é possível que o google now consiga ler o que tá na tela até no jelly bean. A google não vai ignorar esse público gigante, acredite, vai rolar em versões anteriores do android

Minatonami
usando os atalhos de acessibilidade, é possível que o google now consiga ler o que tá na tela até no jelly bean. A google não vai ignorar esse público gigante, acredite, vai rolar em versões anteriores do android.
Minatonami
usando os atalhos de acessibilidade, é possível que o google now consiga ler o que tá na tela até no jelly bean. A google não vai ignorar esse público gigante, acredite, vai rolar em versões anteriores do android
Jairo ☠️

Eu desativei e meu consumo de bateria melhorou muito.

jairo
Eu desativei e meu consumo de bateria melhorou muito.
Vitor
Ué, o Google Now já fica ligado o tempo todo mesmo (tanto que pode ser ativado de qualquer tela)... Ficar ligado e analisando o conteúdo da tela não deve fazer muita diferença.
Jairo ☠️

Boa evolução do google now , mas é um xupim de bateria.

jairo
Boa evolução do google now , mas é um xupim de bateria.
Antony
"A funcionalidade será possível porque o Android M permitirá ao Google Now analisar as tarefas executadas no dispositivo móvel."
Marcos Oliveira
Mitou!
Lucas Carvalho
Será que irão liberar isso pras versões anteriores do Android?
Christopher Domiciano
Boa! ahuahauhau
Exibir mais comentários