O polêmico serviço de transporte Uber lançou nesta sexta-feira (12) uma nova modalidade de serviço no Brasil: o uberX, com tarifa 30% menor que a do UberBlack. Com a novidade, o Uber passa a competir diretamente com os táxis comuns em preço, atraindo mais usuários e acirrando ainda mais a rivalidade com os taxistas, que já organizaram protestos contra o aplicativo nos últimos meses.

Segundo o Estadão, o serviço mais acessível estará disponível somente em São Paulo nesta fase inicial. O Uber já opera em outras três cidades, Brasília, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, através do UberBlack, que possui uma frota composta por sedãs pretos, com câmbio automático, ar-condicionado e fabricação a partir de 2010.

uberx-brasil

No uberX, os carros serão mais populares: o Uber aceitará veículos compactos, de qualquer cor, de modelo a partir de 2008. As exigências para ser um motorista, no entanto, continuam as mesmas: é necessário ter carteira com autorização para exercer atividade remunerada, seguro que cubra passageiro e motorista, e passar por checagem de antecedentes criminais.

Nos meus testes, a oferta de carros do uberX ainda se mostrou bastante limitada em relação ao UberBlack, que conta com menos de mil veículos em São Paulo. Na região da Avenida Paulista, o tempo estimado de chegada era de 19 minutos para o uberX e apenas 4 minutos para o UberBlack. Apesar disso, a tarifa parece compensar:

uberx-app

uberX:

  • Tarifa base: R$ 3,00
  • Preço por minuto: R$ 0,35
  • Preço por quilômetro: R$ 1,43

UberBlack:

  • Tarifa base: R$ 5,00
  • Preço por minuto: R$ 0,40
  • Preço por quilômetro: R$ 2,42

Táxi comum, bandeira 1:

  • Bandeirada: R$ 4,50
  • Preço por minuto (parado): R$ 0,55
  • Preço por quilômetro: R$ 2,75

Táxi comum, bandeira 2:

  • Bandeirada: R$ 4,50
  • Preço por minuto (parado): R$ 0,55
  • Preço por quilômetro: R$ 3,58

Em uma simulação, do número 900 da Avenida Paulista para o Terminal Barra Funda, as estimativas de preços foram: de R$ 18 a 24 (uberX), de R$ 28 a 33 (UberBlack), R$ 28,56 (táxi comum, bandeira 1) e R$ 35,30 (táxi comum, bandeira 2) — os dois últimos usando o Tarifa de Táxi. O uberX, portanto, pode ser mais barato que o táxi comum em São Paulo, como já ocorre em outros países.

Isso vai dar o que falar.

Uber e a economia compartilhada

Comentários

Envie uma pergunta