Início » Gadgets » Microsoft mostra como o HoloLens pode ser usado em cursos de medicina

Microsoft mostra como o HoloLens pode ser usado em cursos de medicina

Por
3 anos atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Microsoft apresentou o HoloLens como uma tecnologia de realidade aumentada que promete fazer diferença em várias áreas, inclusive a educacional. Para reforçar esse recado, a companhia publicou um vídeo que mostra como o dispositivo pode ser usado para auxiliar na formação de médicos e outros profissionais de saúde.

O material foi elaborado com auxílio da Universidade Case Western Reserve de Ohio, Estado Unidos. A instituição vem procurando ferramentas de ensino mais modernas para as suas aulas. O HoloLens apareceu como uma promessa em potencial para tal fim.

Na demonstração, percebe-se que os estudantes conseguem visualizar reproduções tridimensionais de órgãos ou mesmo de corpos humanos inteiros em tamanho real. O futuro médico pode visualizar a imagem a partir de vários ângulos, estudar estruturas internas, ver órgãos trabalhando (o coração batendo, por exemplo) e por aí vai.

É claro que o HoloLens não substitui aulas tradicionais que incluem, entre várias outras atividades, dissecação de órgãos verdadeiros, mas o dispositivo pode ser de grande ajuda na assimilação mais rápida de conceitos ou na compreensão de determinados procedimentos.

Outro detalhe interessante é que o vídeo dá uma noção mais clara do quão limitado será o campo de visão das projeções no HoloLens, um aspecto que vem levantando dúvidas há algum tempo. Em certos pontos do vídeo, as imagens ficam em primeira pessoa, assim, é possível perceber claramente as delimitações da área de projeção.

HoloLens - aula

Muito trabalho deve ser feito para que o projeto chegue efetivamente aos laboratórios de aula, mas tanto a Microsoft quanto os pesquisadores da Universidade Case Western Reserve se mostram otimistas com a ideia.

Obviamente, teremos uma noção mais realista do potencial do HoloLens quando as primeiras unidades do dispositivo forem disponibilizadas — é possível que isso aconteça até o final do ano.

Enquanto o projeto se desenvolve, a Microsoft segue buscando parcerias. Nesta semana, a companhia até anunciou uma espécie de concurso que premiará com US$ 100 mil e kits de desenvolvimento os pesquisadores que apresentarem as melhores ideias de uso do HoloLens.

Com informações: Engadget

Mais sobre: ,