Início » Internet » Google+ não será mais vinculado ao YouTube e a outros serviços do Google

Google+ não será mais vinculado ao YouTube e a outros serviços do Google

Emerson Alecrim Por

O Google iniciou a semana com um anúncio há muito tempo esperado: a integração (forçada) do Google+ com outros produtos da empresa deixará de existir. A decisão vale principalmente para o YouTube. O serviço será desvinculado da rede social nas próximas semanas.

A decisão prova que o Google mudou mesmo o foco dado ao Google+, movimento que, se analisarmos bem, começou há mais de um ano, quando Vic Gundotra, principal nome por trás do serviço, saiu do Google. Desde então, a companhia passou a dar sinais de que o Google+ já não tinha mais tanta prioridade.

Em setembro de 2014, por exemplo, a abertura de contas no Gmail deixou de levar automaticamente à criação de um perfil na rede social. No próximo sábado,  1º de agosto, o Google+ Photos será descontinuado. Em seu lugar entra o Google Fotos (outra manobra prevista desde o ano passado).

Google+

Mas, para muita gente, é mesmo o fim do vínculo do Google+ com o YouTube que interessa. O Google integrou ambos os serviços há cerca de dois anos sob o argumento de privilegiar comentários relevantes e, principalmente, combater as "trollagens" que apareciam ali. No final das contas, a obrigação de usar o Google+ para realizar ações no YouTube acabou desagradando meio mundo.

No comunicado oficial, a companhia destacou que, no decorrer dos próximos meses, você só precisará ter uma conta no Google (seu cadastro no Gmail, por exemplo) para criar canais no YouTube, compartilhar conteúdo e realizar outras tarefas que, antes, exigiam perfil no Google+.

Para quem criou um perfil na rede social apenas para usufruir desses serviços, a companhia também promete disponibilizar meios para viabilizar a eliminação da conta.

São medidas, no mínimo, sensatas. A obrigatoriedade de um perfil no Google+ sempre foi vista como uma tentativa do Google de ter números para fazer frente ao Facebook, por mais que a companhia negasse. A estratégia pegou mal e não funcionou: o Google+ está cheio de contas pouco participativas.

Mas há gente que utiliza a rede social com alguma frequência. Se é o seu caso, uma boa notícia: essas mudanças não significam que o Google+ será descontinuado, pelo menos não de imediato. O serviço será mantido, mas com foco em outras características, como compartilhamento de conteúdo.

Com informações: TechCrunch

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Alice Olivia

Vamos perder a conta e os vídeos postados no youtube? tenho medo de perder tudo

Alice Olivia

Vamos perder a conta e os vídeos postados no youtube? tenho medo.

Alice Olivia

Isso muda a minha conta no youtube? continuarei acessando ela normalmente? vou perder meus vídeos?

gilear silva

O que vai acontecer com as comunidades criadas e postas no youtube elas sao indenpendestes ou serao extintas

Denis Rodrigues
Eh fácil comentar e se esconder atrás de um nome que não permite de identificar. Me manda seu endereço e conversamos melhor sobre como ser babaca.
Juliana Tavares
Eu adoro o G+, não tem aquela palhaçada de convite pra jogos e tem comunidades assim como o Orkut. Ele é uma mistura da Facebook com o Orkut.
Lineu Camargo
Já comentei em outro lugar, vou comentar aqui de novo: Google + não é ruim , só que ninguém usa, então ¯_(?)_/¯ Na boa, gastaram meio bilhão de US$'s e saporra não vai pra frente.
Rony Furtado
Uma coisa é fato: Quem critica o Google+ é pq não aprendeu e nem quis aprender a mexer.
Renan Carneiro
Penso o mesmo!
João

A verdade é que quem acessa os outros serviços não quer + saber de rede social, tanto G+ qto Facebook.

Joaomanoel
A verdade é que quem acessa os outros serviços não quer + saber de rede social, tanto G+ qto Facebook.
Leonardo D Monkey
haha finalmente Bob vitória https://www.youtube.com/watch?v=VPJPIF4DBE8 pesquise "google plus meme" e vai em imagens ehauehua
kadu

Não fui eu que levei para o extremo, foi você.

Imagine se eu fosse um usuário do Badoo e dissesse "Quem não gosta do Badoo e das ferramentas que ele oferece deve ter tanta intimidade com a internet quanto o pessoal que sobe vídeo na vertical".

É exatamente no mesmo tom que você adotou, como se eu fosse superior aos usuários que não usam o Badoo e quem não usa é n00b que sobe vídeo na vertical.

kadug
Não fui eu que levei para o extremo, foi você. Imagine se eu fosse um usuário do Badoo e dissesse "Quem não gosta do Badoo e das ferramentas que ele oferece deve ter tanta intimidade com a internet quanto o pessoal que sobe vídeo na vertical". É exatamente no mesmo tom que você adotou, como se eu fosse superior aos usuários que não usam o Badoo e quem não usa é n00b que sobe vídeo na vertical.
Terra Nova
AEHAEHAHEAHAHAE
Exibir mais comentários