Início » Telecomunicações » Governo planeja tributar setor de internet

Governo planeja tributar setor de internet

Por
4 anos atrás

Em meio a uma queda brusca de arrecadação, o governo está procurando maneiras de equilibrar as contas públicas. A internet não deverá escapar ilesa: o ministro da Fazenda Joaquim Levy afirmou estar em discussão um plano para tributar o setor. Esses impostos não se referem à mensalidade da sua conexão, e sim aos serviços online, como portais de conteúdo, hospedagem de sites e até mesmo serviços de entretenimento.

Ministro da Fazenda Joaquim Levy

De acordo com reportagem da Exame, Levy ressaltou que vários provedores mantêm operações fora das fronteiras e que está sendo discutido como essas empresas deverão ser tributadas. O ministro defende: “cada vez que a economia vai para uma direção, temos que discutir uma maneira correta de tributar essa direção”.

Como grande parte dos serviços online se baseia em operações no exterior, muitas empresas pagam menos impostos aqui no Brasil. O custo de operação no país é muito alto: basta comparar a mensalidade de um serviço de hospedagem de sites aqui e nos Estados Unidos.

Ainda não é certo o momento em que essa nova tributação começaria, mas Levy adianta que isso está em estudo desde o início do ano e as conversas serão retomadas com maior força durante o segundo semestre. É natural que as empresas repassem o imposto para o consumidor, portanto, aguarde um aumento nos preços das assinaturas de serviços de streaming de vídeos e músicas.