Início » Telecomunicações » Em 2015, ainda pagamos por coisas ultrapassadas como roaming doméstico

Em 2015, ainda pagamos por coisas ultrapassadas como roaming doméstico

Por
4 anos atrás

As operadoras ainda estão presas no passado. E uma das provas disso é a existência da tarifa de roaming doméstico, aquela que você paga quando faz ou recebe ligação no celular enquanto está fora da sua cidade. Isso fazia sentido no final do século passado, quando a telefonia celular estava engatinhando no Brasil, mas não no cenário atual. Por quê?

roaming-nacional

Antigamente, as operadoras de telefonia móvel não eram nacionais. Quando você viajava de uma cidade para outra, seu celular precisava se conectar a uma rede de outra operadora para continuar fazendo ou recebendo chamadas. A tarifa de roaming doméstico servia exatamente para isso: sua operadora “compensava” a outra pelos gastos com o cliente alheio.

Mas o cenário mudou muito: hoje, as principais operadoras possuem atuação nacional, ou seja, não faz sentido pagar a tarifa de roaming doméstico porque sua operadora não compensará nenhuma outra durante o deslocamento (a não ser ela mesma). Enquanto no Brasil ainda pagamos roaming nacional, na Europa já existe data para o fim da tarifa de roaming internacional entre os países do bloco europeu.

Para lutar contra a cobrança da tarifa de roaming doméstico, a associação de consumidores PROTESTE criou um abaixo-assinado. O objetivo é alcançar pelo menos 10 mil assinaturas, que serão encaminhadas para a Anatel. Participe: acesse a página do #FimDoRoaming e apoie a luta.

Mais sobre:
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.