Início » Telecomunicações » D-Link DHP-W221AV: aproveite a rede elétrica para estender o Wi-Fi da sua casa

D-Link DHP-W221AV: aproveite a rede elétrica para estender o Wi-Fi da sua casa

Extensor da D-Link transmite dados pela rede elétrica já existente na sua casa

Por
4 anos atrás

caixa-abertura-final

Existe um ditado (muito sábio, por sinal) que diz que “casa é onde o Wi-Fi funciona”. Pura verdade para os tempos modernos, mas muitas vezes o Wi-Fi não tem bom desempenho mesmo dentro da nossa própria residência. Em construções com paredes grossas, muita laje e até mesmo excesso de objetos, o sinal de internet acaba se comprometendo nos lugares mais distantes do roteador.

A maneira mais comum de melhorar a cobertura Wi-Fi é instalando um repetidor, aparelho que recebe o sinal fraco do roteador e reemite a partir de onde ele estiver ligado. O problema é que nem sempre esses produtos apresentam desempenho satisfatório. Mas… e se usássemos a própria rede elétrica de casa para transmissão de dados? Essa é a proposta do DHP-W221AV, produto da D-Link que estende a rede Wi-Fi através da tecnologia Powerline.

Internet na tomada?

ligado-cabo-ethernet

Isso parece surreal e obra da feitiçaria, mas é real. A tecnologia Powerline (também conhecida como PLC) é interessantíssima pelo simples fato de usar a capilaridade da rede elétrica para transmissão de dados. No caso do produto da D-Link, ele aproveita a instalação interna de um ambiente para expandir a rede Wi-Fi.

A tecnologia não é recente, mas sabe-se lá o motivo de ainda não ter sido utilizada em larga escala para produtos residenciais. Enquanto a energia é fornecida nas frequências de 50 a 60 Hz, o PLC trafega sinais de dados entre 1 MHz e 50 MHz, o que previne interferências entre os dois tipos de transmissões. Para que tudo funcione, é necessário possuir o mínimo de dois equipamentos, um em cada extremidade.

Vale lembrar que para a rede Powerline funcionar é necessário que os dispositivos se encontrem na mesma fase de energia. Dificilmente ele não funcionará dentro de um ambiente residencial, mas o produto não opera em salas comerciais onde cada uma tem seu próprio relógio medidor de energia, por exemplo.

O produto

Testei o D-Link DHP-W221AV, um kit que compreende o adaptador Powerline DHP-208AV e o extensor Powerline Wireless DHP-W220AV. O primeiro produto é uma mini caixinha com apenas uma porta Ethernet e deve ser ligada junto ao seu roteador principal:

frente-adaptador-ethernet-powerline

DHP-208AV

bottom2-adaptador-ethernet-powerline

Já o segundo é uma caixinha um pouco maior, mas ainda assim pequena. Ela recebe o sinal de outro adaptador Powerline e cria uma rede Wi-Fi vinculada à infraestrutura principal. O produto também conta com duas portas Ethernet, para ligar algum dispositivo que não possua Wi-Fi (bastante útil para colocar junto a sua Smart TV que não tem a tecnologia integrada).

frente-inclinada-ap-powerline

DHP-W220AV

bottom-ap-powerline

Também estão incluídos no kit dois cabos Ethernet no padrão CAT5e, com cerca de 50 centímetros cada um. Você pode colocar um cabo maior se precisar, mas gostei desse tamanho porque evita bagunça. Também há um cartão com as configurações padrão e um campo disponível para que você coloque o nome e a senha de sua rede Wi-Fi.

Instalação e configuração

É muito simples configurar o extensor de internet Powerline: basta ligar a caixinha menor no seu roteador e a outra caixa no local onde você deseja expandir o sinal de internet. Se você nem quiser alterar o nome da rede, não precisa: basta digitar a senha do Wi-Fi contida no cartão de configuração e começar a navegar. Para personalizar o nome da rede e senha, entre no endereço 192.168.0.50 e altere os dados.

Cartão de configuração que acompanha o produto

Cartão de configuração que acompanha o produto

configuracao-powerline

configuracao-powerline

Como Powerline é um padrão, tanto o DHP-208AV como o DHP-W220AV funcionam com equipamentos de outros fabricantes. Já utilizo aqui em casa o WD Livewire e nem foi necessário fazer configuração alguma para que todos os dispositivos conversassem entre si. A D-Link também vende o DHP-W220AV de maneira avulsa, sendo uma ótima solução para levar Wi-Fi para mais de um local da casa que esteja sofrendo com a falta de sinal.

Desempenho

O produto funciona incrivelmente bem. A rede Powerline tem capacidade máxima teórica de até 200 Mb/s, o que é algo excelente. O único porém é que o access point possui capacidade máxima de 150 Mb/s no padrão 802.11n em 2,4 GHz — isso é relativamente pouco, uma vez que redes de capacidade maiores estão cada vez mais populares. Parece irrelevante se a capacidade máxima de rede é até 200 Mb/s, mas isso faz bastante diferença com o uso de servidores de mídia domésticos que estejam conectados na rede do Powerline.

É de se esperar de um produto extensor de Wi-Fi que a potência de sinal seja relativamente alta. Não é o caso: por ter um tamanho diminuto, o DHP-W220AV não possui antena grande o suficiente para suprir a demanda de um ambiente muito grande. Durante testes onde o aparelho se encontrava em um ambiente com apenas uma parede de distância do extensor, o sinal caiu de -55 dBm para -84 dBm, enquanto um roteador convencional caiu para de -55 dBm para -68 dBm (quanto maior, melhor). Se você quiser garantir uma cobertura maior, vale aproveitar a porta LAN para ligar outro roteador ou access point.

É muito importante evitar aparelhos estabilizadores, réguas de tomadas, filtros de linhas e benjamins (ou T). Isso pode causar interferência e prejudicar a transmissão de dados (em muitos casos, os extensores nem funcionam). A distância entre as tomadas e a qualidade da rede elétrica do imóvel podem contribuir para uma perda de performance de produtos que usam essa tecnologia. Aqui em casa não tive problemas quanto a isso e consegui obter a velocidade máxima de internet (50 Mb/s) em todos os meus testes.

O mais incrível é o produto funcionou perfeitamente quando liguei uma parte em uma tomada 110 volts e a outra em 220 volts. Parece bruxaria, mas é tecnologia.

Conclusão

kit-powerline

Finalmente alguma fabricante começou a dar mais atenção para a tecnologia Powerline. O produto é muito simples e certamente recomendo para quem quer melhorar a cobertura Wi-Fi de sua residência.

Como todo produto, o kit DHP-W221AV tem seus defeitos: ele poderia ter maior capacidade de transmissão Wi-Fi e fornecer redes em 5 GHz. Tal frequência permite menor interferência com outros dispositivos e redes Wi-Fi vizinhas e já está se tornando um padrão do mercado. A capacidade de sinal em 5 GHz é comprometida, mas ainda é suficiente para melhorar o sinal em um apartamento ou lugar que não é tão grande.

No entanto, suas qualidades acabam prevalecendo: a instalação é tão simples que qualquer pessoa é capaz de fazê-la. Não há muito o que entender sobre o funcionamento do produto – ele simplesmente funciona e é isso que importa.

O kit DHP-W221AV tem preço sugerido de R$ 299,90, mas é facilmente encontrado no varejo por menos de R$ 260. Se você já possuir uma rede Powerline em casa ou quer expandir o sinal em mais de um ambiente, o DHP-W220AV é vendido separadamente e tem preço sugerido de R$ 199,90.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.