Estamos utilizando os dispositivos de forma diferente, e essa mudança está fazendo vítimas no mundo da tecnologia. Grandes empresas estão se reinventando e lançando novas categorias de produtos para tentar se adaptar ao mobile first.

031

No episódio de hoje vamos conversar sobre esses devices e debater o papel de cada um deles. Clica no play e vem com a gente!

Participantes

Guia Semanal

Caixa Postal

Mande a sua mensagem: [email protected]

Tecnogrupo

Participe do grupo de discussão do TB no Facebook.

Assine o Tecnocast

Edição e Sonorização

O Tecnocast é editado por Rádiofobia Podcast e Multimídia.

Arte da Capa

Arte da capa por Paulo Moraes.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ricardo Ferreira
Também vi umas novidades legais aqui: https://www.youtube.com/watch?v=EvOfpa6wJyY Pelo menos foi traduzido
ThiagoDMG
O pessoal do Blog Fstoopers fizeram uma comparação bem bacana e completa entre o SurfaceBook e o MacBookPro. Muito bacana e interessante. Analisando o design, funcionalidade, conforto e também posteriormente colocando as duas maquinas pra rodar programas mais parrudos como softwares de edição de imagem e vídeo (photoshop e premiere pro). Vale a pena ler/assistir: https://fstoppers.com/gear/surface-book-vs-macbook-pro-15-macbook-twice-fast-93596
Pedro Zanini Pretto
Tecnocast ótimo, mais uma vez. Parabéns! Tenho um Acer de 15" comprado ao final de 2010, com um i5 de primeira geração, 4Gb de RAM e uma ótima e útil saída HDMI . Um note imtermediario para a época, com preço de intermediário. Tive de trocar o HD dele a cerca de 2 anos (culpa minha, ja que dei um soco no note, bem em cima do HD, em um momento combinado de pressa enorme em mim e do note com preguiça de trabalhar) e a bateria infelizmente já não segura mais carga a um bom tempo. A 1 ano e meio tive de abrir toda a carcaça dele e passar pasta térmica no processador, já que o bichinho parecia uma torradeira, e o desempenho saltou consideravelmente. Hoje ele voltou a esquentar demais, ficando bem lento quando está superaquecido, então acho que vou precisar passar pasta térmica novamente (acho que a que coloquei anteriormente é de má qualidade, pois foi muito baratinha. Alguma recomendacão, por acaso?). Fora o caso de superaquecimento costumeiro, que devo resolver com nova aplicação de pasta térmica, o velho Acer ainda me atende muito bem. Pouco uso ele ultimamente, já que passo o dia todo trabalhando em cima de um e a noite o que mais quero é distância do computador. Pro meu uso atual e condições financeiras, ainda me atende plenamente. Penso em trocar o HD por um SSD, caso compatível, e em dar um upgrade na RAM daqui a um tempo. Não vejo nenhuma necessidade em comprar um note novo, já que um com valor abaixo de 3k não apresentaria grandes novidades.
Astrobaldo Jr
Acho que isso pode complementar esse podcast ou quem sabe até servir de reflexão para o próximo sobre nuvem. Abraços. http://www.androidcentral.com/examining-possibilities-android-only-strategy-across-phones-tablets-laptops-and-desktops
Firmino Gomes
Vdd. os únicos HP que ainda tão funcionando da HP com mais de 3 anos são os Pavillion Pro Book. O resto com 2 anos pifa.
Firmino Gomes
Lembra dos fornos elétricos chamado AMD-K6-2? Eram até razoáveis em desempenho, mas aquele maldito chip exposto :(
Firmino Gomes
Tenho um CCE comprado no carrefour i3 1a. geração de Novembro de 2011 , e custou 899 com uma mochila. Só a bateria que morreu, o resto tá funcionando. PS: teclado se fudeu também, mas a máquina em sí tá OK. E afirmo com toda certeza. CCE é melhor que Toshiba.
Taichou12
Tenho um notebook da samsung de 4 anos, 8G de memória, um i5 de segunda geração e 500G de HD. Ainda me atende muito bem, ainda mais agora com o windows 10 ta voando baixo.
Antonio Francisco de Souza
Estou aqui pensando qual será o próximo "boom". Em algum momento dentro dos próximos 5 anos empresas loucas sem saber o que fazer para balancear vendas de notebook e celulares que viram desktop e até notebooks.
Antonio Francisco de Souza
O Ubuntu Linux touch mobile pode ser celular e desktop numa boa. E já tem essa ideia há 2 anos.
Antonio Francisco de Souza
Um celular que faz tudo e o que será do notebooks?
Antonio Francisco de Souza
Gente. São 5 anos. Comprei em 16 de agosto de 2010. Então já fez 5 anos.
Antonio Francisco de Souza
Comprei um Itautec há 6 anos atrás e até hoje não deu problema. Ventoinha e bateria original de fábrica. Digo porque são parte que dão problema primeiro. Quando comprei disseram: nossa, logo você comprou essa porcaria? Os Dell, HP e Sony Vaio deles da época já deram um monte de problemas. Meu Itautec? perfeito. Por isso que acho uma absurdo alguém ficar dizendo. Tem que comprar um Surface Book pois o resto é lixo. Depende. Vai do uso da pessoa. E a "grande maioria absoluta" não precisa disso tudo.
Leandro Alves Calegalim
Quem não teve um Pentium II 200 Mhz de processador não sabe nada do que é um PC desktop lento....então pensa bem antes de dizer que qualquer pc atual é lento ou tachar desktop como ruim
Leandro Alves Calegalim
Igual a ideia do Ricardo, não troco meu desktop por um Smart. Acho péssima a ideia de fazer transição, ou sequer pensar de tirar os desktops de mercado. O PC de mesa sempre fez mais tarefas que um Smart. Sempre gostei de trocar placas, fazer upgrade, e isso tem resultados no uso do computador. Não posso fazer gravações de analógico para digital em um Smart, jogos pesados, a liberdade de usar o bom teclado e mouse. Touch é para quando está fora de casa, ver whatsapp, bater foto, aquela função inovadora de "telefonar" á outros. Espero que o mercado no geral não faça a besteira de não investir em computadores de mesa, pois são mais robustos, coisa que smarts já não são.
Exibir mais comentários