telegram-vs-whatsapp

Há um bom tempo venho utilizando o Telegram e o WhatsApp simultaneamente, dependendo do grupo de pessoas com o qual preciso me comunicar. Normalmente, para trabalho e colegas da internet, o Telegram funciona melhor. Já para receber vírus, aqueles vídeos sem noção e mensagens de autoajuda da família, nada mais eficiente que o WhatsApp.

Recentemente notei um fenômeno envolvendo os dois aplicativos: usuários do Telegram convidando seus amigos do WhatsApp para experimentarem o lado do aviãozinho de papel. Eu, inclusive, já fiz isso: consegui convencer meu pai a mudar de lado e hoje em dia a gente só usa o Telegram. 10 pontos para Grifinória!

Só que desde a última versão do WhatsApp, algumas dessas pessoas passaram a reportar que, ao tentar enviar mensagens com URLs que faziam referência ao Telegram para seus amigos do WhatsApp, o texto era enviado sem o link para o site. Resolvi testar eu mesmo para ver se era verdade. Confira:

test_telegram_whatsapp_toadgeek

E se a gente tentar usar variantes do nome do concorrente, tudo funciona normal:

ap_resize

Estranho. Muitíssimo estranho. Muitos começaram a dizer que poderia ser um bug ou falha do sistema ao tentar ler dados do site do Telegram. Curioso que sou, resolvi ver o código-fonte da última versão do WhatsApp. Minha suspeita era que poderia existir alguma expressão regular bloqueando o site do Telegram. E voilá! Dentro do arquivo LinkifyWeb.java, linha 18:

Screen Shot 2015-12-01 at 4.04.24 PM

E onde é que estes chamados “BAD_HOSTS” estão sendo utilizados? No método isBadHost:

Screen Shot 2015-12-01 at 3.28.30 PM

Essa função é executada por outro método, nomeado como hasBadHost, referenciado em outra classe, a MessageSelectionActionModeCallback.java:

Screen Shot 2015-12-01 at 3.30.58 PM

Para quem não entende muito de programação, eu explico: o que o WhatsApp está fazendo aqui é, deliberadamente, filtrar mensagens que possuam referências ao site do concorrente e removendo o link.

Porém, contudo, entretanto, todavia, uma vez que o texto em si é enviado, e qualquer pessoa pode digitar a URL no navegador, me pergunto qual a motivação para uma atitude que pode facilmente ser considerada antiética? Será que a aposta é dificultar a vida de usuários que por ventura tenham preguiça de copiar o texto e abrir o site manualmente?

Será que isso, no fundo, não vai despertar ainda mais a curiosidade de uma parcela desses indivíduos? Difícil saber.

Em suma: não é bug, é proposital. E o que vocês acham desta atitude que o WhatsApp tomou? Acham válido e faz parte da guerra de mercado ou vocês acham que a empresa jogou sujo?

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Carlos Felipe
Tem mais, se vc selecionar a mensagem com telegram, não aparece opção pra encaminhar ou compartilhar com seus amigos.
Pruda
Ta ai uma coisa que eu adoro: quebrar os grandes oligopólios... Detestei quando o F.. do Fuckunberg comprou o Whattsapp... #Partiu telegram
Wagner
Isso mesmo! E agora acaba de sair a versão web: https://web.telegram.org
Keaton
Esse conteúdo eu acabo deixando de lado. O Twitter também não é lá muito util, só foi útil foi para entrar em contato com o PayPal USA para resolver um problema. (O PayPal Brasil é bastante ineficiente)
Matheus Gonçalves
Mas e o conteúdo que só é publicado nas redes sociais? Facebook eu pulo, mas Twitter hoje é essencial. E você só precisa seguir quem for interessante =)
Keaton
Para conteúdos, prefiro o bom e velho RSS de sites previamentes selecionados. Se um site passa a me desagradar, apenas removo do RSS. No RSS não tem a aporrinhação de 300 pessoas e seus jogos pentelhos, nem mesmo aquelas milhões de citações de terceiros, enfiadas em imagens roubadas dos autores com "copyright" da pessoa ou site que "criou". Até dá para filtrar, já tentei, mas é muito tempo desperdiçado só para gerenciar essas tralhas. Mais uma vantagem do RSS: também não tem a aporrinhação de "Me adiciona no feici" de parente e conhecidos. (não seria um problema se as pessoas não ficassem entulhando o feed com inutilidades)
Fabiano Silva
Eu uso somente o Telegram, o whatsapp deixei de usar faz tempo. Mas se for listar apps de conversação, ele fica muito atrás da maioria. O Viber é melhor nas ligações, o Hangouts é mais prático, O Skype é mais atrativo, ou seja, espaço tem pra todos. Isso só faz o whatsapp cair ainda mais no meu conceito.
Rodrigo Oliveira
Sempre falo pra utilizarem... e sinceramente não muda nada no meu cel ter skype, telegram, viber, whatsapp e etc instalado... então deixo todos instalados e já era. Mas sinceramente gostaria que pegasse a moda telegram... 1000x melhor que o limitado whatsapp
Matheus Gonçalves
Fiquei curioso: pq não? São ferramentas muito interessantes pra consumo de conteúdo.
Matheus Gonçalves
Opa, pode contar sempre com isso nos meus textos. Não será uma tradução. A idéia é sempre levar um ponto de vista diferente sobre o assunto.
abraaocaldas
hahahahahhaha
Thiago Machado
Pondo assim posso concordar contigo, um cliente pode trocar qualquer informacao que quiser dentro do mercado
Tafarel Carvalho
É comum ver apenas traduções de outros portais, e raro alguém criar e buscar algo novo , parabéns, agora eles que vão traduzir do português para o inglês. kkk
Basquens
Fora tudo isso ainda da para perceber que o whatsapp não se importa em vasculhar as suas msgs. No minimo invasão de privacidade isso, em uma época que todos se preocupam com dados criptografados uma empresa identificar o que você está escrevendo é no minimo estranho.
Basquens
Hoje em dia eu uso os dois apps, e sempre tento migrar as pessoas com que eu mais converso pro telegram.
Exibir mais comentários