Início » Aplicativos e Software » Eis uma maneira fácil de economizar na assinatura do Dropbox e pagar em reais

Eis uma maneira fácil de economizar na assinatura do Dropbox e pagar em reais

Você pode economizar quase 50% na mensalidade do Dropbox com esta dica simples

Paulo Higa Por

Com o dólar insistindo no patamar de 4 reais, qualquer serviço com mensalidade cobrada em moeda estrangeira parece caro demais. Isso vale para o Dropbox, por exemplo, que vende um plano de US$ 9,99 para oferecer 1 TB de espaço adicional na nuvem. Em dezembro, com os impostos e taxas do cartão, isso significou um gasto de pouco mais de R$ 45 para mim.

dropbox-pro-android

O que nem todo mundo sabe é que há uma maneira de pagar a assinatura do Dropbox em reais, evitando a variação maluca do dólar e, de quebra, economizar um bom dinheiro todo mês. A dica é válida para qualquer pessoa que tenha um smartphone ou tablet com Android (ou possa pegar um emprestado) para instalar o aplicativo do Dropbox e assinar o plano pago por meio do Google Play.

Funciona assim: nas configurações do Dropbox para Android, você encontrará a opção “Fazer upgrade da conta”. Tocando nele, há duas opções de pagamento: Google Play, que usará o sistema de pagamentos do Google para processar a compra, e Cartão de crédito, que opera como se você assinasse o Dropbox Pro diretamente da página do serviço. Ao escolher o Google Play, você irá se deparar com esta tela:

dropbox-pro-google-play

Isto é, o Google Play irá debitar mensalmente no seu cartão o valor fixo de R$ 25,45 pela assinatura do Dropbox, o que é quase 50% menos que os US$ 9,99 cobrados se o pagamento tivesse sido processado pelo próprio Dropbox, dependendo da cotação do dólar no dia. Como esta é uma transação nacional, intermediada pelo Google Play, você também foge do imposto do governo de 6,38% para compras internacionais.

Pelos meus testes, só é possível comprar o Dropbox Pro usando o Google Play se você não tiver uma assinatura ativa — caso já seja pagante, cancele o plano, espere até o final do mês e depois faça a assinatura. Além disso, créditos do Google Play, como aqueles comprados em padarias e bancas de jornais, ou ganhos em pesquisas do Google Opinion Rewards, também não foram aceitos como método de pagamento.

Boas economias.

Leia maisComparativo: os melhores serviços de armazenamento de arquivos na nuvem

Mais sobre:
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.