Início » Carro » Uma olhada no Android Auto: mais entretenimento e segurança no carro, mas com ressalvas

Uma olhada no Android Auto: mais entretenimento e segurança no carro, mas com ressalvas

Por
3 anos atrás

androidautoreview_abre

Se existe uma coisa na tecnologia que eu venho aguardando há bastante tempo é a integração das funções que temos nos smartphones com os carros. Não, eu não sou aqueles caras bitolados que enxergam o carro como opção única, que são contra transportes públicos, bicicletas, meios limpos de locomoção ou compartilhamento de automóveis, muito pelo contrário.

Mas, eventualmente, gosto de pegar meu carro e ir viajar e visitar cidades ao redor de Atlanta e de estados vizinhos. Nas road trips eu uso bastante GPS, claro, além de encher o smartphone de músicas, podcasts e audio-livros. Costumo fazer playlists temáticas com música country para visitas às montanhas do Tennessee e fazendas do Alabama, por exemplo. Ou Samba-Rock para viagens à Flórida, que é o estado brasileiro mais próximo aos Estados Unidos.

São viagens relativamente curtas e que não custam muito dinheiro. A relação custo-benefício da experiência é muito boa, recomendo.

No entanto, ficar mexendo no celular enquanto você está dirigindo não é a coisa mais segura do mundo. Não seria legal, portanto, poder ter acesso aos seus aplicativos principais, com a interface conhecida do sistema operacional móvel, mas na tela do carro, sem tirar as mãos do volante nem os olhos da estrada?

Pois bem, é exatamente esse o propósito do Android Auto. Assista:

No vídeo acima você confere quais funções estão disponíveis na plataforma e como ele roda por cima do software da fabricante do automóvel. Com algumas falhas ainda, é verdade, mas nada que prejudique sua usabilidade.

Confira algumas imagens do review:

Screen Shot 2016-03-10 at 2.24.09 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.23.32 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.22.50 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.25.24 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.26.06 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.26.46 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 2.27.11 PM

Quais carros já são compatíveis com o Android Auto?

Oficialmente, a ferramenta está disponível em 11 países: Austrália, Canadá, Alemanha, Espanha, França, Irlanda, Itália, México, Nova Zelândia, Reino Unido e Estados Unidos.

Todos os testes foram feitos num Spark LT 2016, da Chevrolet, que é considerado um dos carros mais baratos dos Estados Unidos. Mas a ideia do Google é oferecer a ferramenta para todo tipo de veículo, dos populares aos luxuosos. Você encontra a lista completa com veículos compatíveis neste link.

Screen Shot 2016-03-10 at 2.38.28 PM

No Brasil essa realidade é um pouquinho mais complicada, mas com um futuro de boas notícias. Vamos por partes…

Centrais multimídia geralmente podem se tornar um fator de distração. Além disso, estes produtos não são regulamentados pelo Contran. De acordo com a resolução 242 do órgão, de 22/07/2007, “fica proibida a instalação, em veículo automotor, de equipamento capaz de gerar imagens para fins de entretenimento”. Nos equipamentos oficiais a saída foi permitir rodar aplicativos que, comprovadamente, não atrapalhem a direção.

Superada essa barreira judicial, a Volkswagen, por exemplo, passou a oferecer uma solução chamada Composition Touch que, apesar de espelhar a tela do Android no display do carro, não é exatamente o Android Auto.

Screen Shot 2016-03-10 at 3.02.40 PM

Screen Shot 2016-03-10 at 3.03.26 PM

Já o novo Gol, com App-Connect, virá equipado com o Android Auto e o Apple CarPlay. É o que dá a entender a campanha abaixo:

Esse veículo deve estar disponível no Brasil em 2017. O Fox 2016 e o Novo Passat também possuem modelos que já vem com a plataforma instalada de fábrica. No caso do Fox, a liberação do Android Auto deve acontecer em breve.

Entrei em contato com a assessoria de imprensa da Volkswagen para buscar uma atualização sobre as datas oficiais e outros eventuais modelos compatíveis, mas eles não nos responderam até a publicação desse texto.

A Ford é outra fabricante que prometeu levar carros com esse tipo de tecnologia para o mercado brasileiro ainda em 2016. Foi o que eles disseram durante a apresentação da terceira geração do SYNC, na Campus Party. É de fato uma tendência mundial e o Brasil certamente não vai ficar fora dessa, não é mesmo?

Toad, mas e o Waze? Funciona?

É como eu disse no vídeo, depende muito do que você entende por “funcionar”. O áudio sai nas caixas de som do carro, mas sem vídeo. E isso se você iniciar a operação do aplicativo antes de conectar o smartphone ao carro. Então… eu diria que não, não funciona.

Segundo a conversa que tive com o representante comercial da Chevrolet, aparentemente existe um receio por parte das fabricantes de permitir o uso do Waze, uma vez que esse aplicativo permite avisar sobre radares ou que policiais estão patrulhando as rotas. Isso é considerado uma ilegalidade, de certa forma. Mas a briga é boa e espero que esse app esteja disponível o mais rápido possível, nem que seja sem essas funções tidas como controversas.

Aliás, já viram como ficou o novo Waze?

O aplicativo do Android Auto para o smartphone está disponível para download na loja Google Play desde dezembro do ano passado, e é bom citar que o app requer um Android 5.0 ou superior.

Vocês gostaram do Android Auto? Comprariam um automóvel com essa função?

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.