A Microsoft anunciou nesta quarta-feira (25) a demissão de até 1.850 funcionários como parte da reestruturação do negócio de dispositivos móveis. A notícia chega uma semana após a empresa vender a divisão de celulares básicos e liberar a marca Nokia para utilização por uma companhia finlandesa, que planeja lançar smartphones e tablets com Android.

microsoft-logo

A maioria dos funcionários demitidos trabalha na Microsoft Mobile Oy, com escritório na Finlândia, responsável por desenvolver os smartphones Lumia; até 1.350 devem ser mandados embora. A mudança também vai impactar outros 500 empregos em todo o mundo. Segundo o comunicado, a intenção é concluir a reestruturação até julho de 2017.

Em nota, o CEO Satya Nadella diz que a Microsoft planeja "focar os esforços em smartphones onde a empresa apresenta diferenciação", como companhias e usuários que valorizam segurança, gerenciamento e o recurso Continuum, do Windows 10 Mobile. O chefe da divisão de Windows e dispositivos, Terry Myerson, enviou carta aos funcionários informando que as estratégias da Microsoft com relação aos aplicativos universais, smartphones Windows e serviços continuam inalteradas.

Na semana passada, com o anúncio da venda da divisão de celulares básicos e a transferência de 4.500 funcionários, a Microsoft declarou que continuaria dando suporte aos Lumias existentes, sem fazer menção a novos aparelhos, o que criou especulações de que o Lumia 650 seria o último Lumia da Microsoft. A esperança do Windows 10 Mobile ficará por conta do suposto Surface Phone, que deverá ser lançado apenas em 2017.

O negócio de celulares e smartphones da Nokia foi comprado pela Microsoft em setembro de 2013 pelo equivalente a R$ 17 bilhões. Desde então, a companhia passou por reestruturações com o objetivo de reduzir os gastos. A maior delas aconteceu em julho de 2014, quando 18 mil funcionários da Microsoft, sendo 12,5 mil vindos da antiga Nokia, foram demitidos.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

João Silverado
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Cara, procura um psiquiatra, vc tá precisando. Sério mesmo.
androskci veloski
ENTÃO É UMA MAGRELA TIPO TRAVEQUINHA TRANS? DEVE MAMAR NA ROLA TAMBÉM
João Silverado
Gordo? kkkk. Não peso nem 70kg, hahhhaa. Depois de 21 dias resolvr vir chorar? Para meu.
androskci veloski
VSF Gordo otário, serviu em você otário e burro!
João Silverado
E a carapuça serviu hein
androskci veloski
A começar por você!
Paul Gomes

eu falo disso no site que vou deixar o link aqui em baixo
https://www.agenciadepublic...

Daniel San
Foram tipos diferentes de fracasso. O da Microsoft falhou como modelo de negócio. O Google Glass falhou como conceito. Além do mais a Nokia levou a Microsoft a um prejuízo record de 7,5 bilhões de dólares e à demissão de 8 mil funcionários. O fracasso do Google Glass foi só uma "marolinha" perto disso.
João
O interesse da Microsoft era nas patentes que a Nokia possuía, pois foi uma das pioneiras do ramo!
Edgard Sayeg Junior
Eu tenho um Lumia 820, nunca me deu problema desde que comprei, isso já faz desde o lançamento. Pra mim foi um balde de agua fria. Uma fez fui a um loja da Samsung ver o Galaxy S5 e o vendedor detonou o Windows Phone. Com menos de 5 minutos mexendo no Galaxy S5 que era o top de linha o mesmo travou. Uso o Windows Phone pela segurança que tem e o hardware bem dimensionado, já tinha ciência que tinha pouco software. Porém tinha os que eu precisava, não adianta ter 1000000 de software se vai usar no máximo 10 software isso é só marketing enganoso para meu olhar. Agora os software que usava não está mais disponível aí fica uma laguna e um desânimo com a plataforma. Já passou da hora de trocar de celular e já não tem nem previsão do 950. Com isso vou ter que abandonar a plataforma e cair no IOS ou androide um S7 já seria a minha escolha.
Eliézer José Lonczynski
E eu usando Windows Insider e reportando bugs since 2012, muito obrigado Microsoft.
Douglas B

Eu acredito sim que a Microsoft faz smartphones que façam toda a diferença desde o WP 7... mas o mercado simplesmente não quer algo diferente de Android e iOS simplesmente pela questão dos aplicativos. E é IMPOSSÍVEL pra QUALQUER empresa conseguir trazer TODOS os aplicativos de TODAS as empresas com TODAS as funcionalidades da noite pro dia... isso só iria acontecer com o crescimento da plataforma. Mas mesmo que os Lumias já tivessem 90% dos apps importantes, o boca-a-boca, a mídia, se deram ao trabalho de impedir que as pessoas adquiram o aparelho divulgando que o mesmo é "uma merda" e "não tem aplicativo NENHUM" (como se o aparelho viesse sem uma loja de apps e tudo). Já vi muita gente que só queria o básico de aplicativos, mas não comprou o Lumia que ela gostou simplesmente pq o vendedor e uns amigos fanboys do Android disseram que é péssimo e não tem apps.

Douglas Baião
Eu acredito sim que a Microsoft faz smartphones que façam toda a diferença desde o WP 7... mas o mercado simplesmente não quer algo diferente de Android e iOS simplesmente pela questão dos aplicativos. E é IMPOSSÍVEL pra QUALQUER empresa conseguir trazer TODOS os aplicativos de TODAS as empresas com TODAS as funcionalidades da noite pro dia... isso só iria acontecer com o crescimento da plataforma. Mas mesmo que os Lumias já tivessem 90% dos apps importantes, o boca-a-boca, a mídia, se deram ao trabalho de impedir que as pessoas adquiram o aparelho divulgando que o mesmo é "uma merda" e "não tem aplicativo NENHUM" (como se o aparelho viesse sem uma loja de apps e tudo). Já vi muita gente que só queria o básico de aplicativos, mas não comprou o Lumia que ela gostou simplesmente pq o vendedor e uns amigos fanboys do Android disseram que é péssimo e não tem apps.
Douglas B

Eu critiquei pq ele disse que foi um dos 10 PIORES FRACASSOS tecnológicos dos últimos não sei quantos anos. É um fracasso? Talvez... Mas um dos 10 maiores?? Ah vá! Foi só pra causar treta mesmo. O Google Glass, por exemplo, foi muito mais fracassado e nem entrou na lista. Mas o povo adora tacar pedra gratuitamente na Microsoft e vangloriar o Google e a Apple, fazer o que né?

Douglas Baião
Eu critiquei pq ele disse que foi um dos 10 PIORES FRACASSOS tecnológicos dos últimos não sei quantos anos. É um fracasso? Talvez... Mas um dos 10 maiores?? Ah vá! Foi só pra causar treta mesmo. O Google Glass, por exemplo, foi muito mais fracassado e nem entrou na lista. Mas o povo adora tacar pedra gratuitamente na Microsoft e vangloriar o Google e a Apple, fazer o que né?
Exibir mais comentários