Início » Gadgets » Xiaomi revela Mi Drone por um preço “acessível”

Xiaomi revela Mi Drone por um preço “acessível”

Versão mais básica custa US$ 380, contra US$ 499 da concorrência

Por
3 anos atrás

Depois de muitos rumores, a Xiaomi anunciou nesta quarta-feira (25) o Mi Drone, dispositivo com nome autoexplicativo que visa trazer o notório preço mais baixo da fabricante chinesa para o mercado de drones. São duas versões principais: uma com câmera 1080p e outra com 4K, ambas com capacidade de girar 360º.

mi-drone-5

Os preços são bem menores que outros drones de marcas profissionais: com câmera 4K, o DJI Phantom 3 Professional, por exemplo, está em promoção por US$ 999. A alternativa da Xiaomi custa cerca de US$ 450, enquanto o modelo com câmera Full HD está disponível por US$ 380 (contra os US$ 499 do Phantom 3).

A bateria de 5.100 mAh do Mi Drone, segundo a Xiaomi, permite que o dispositivo fique no ar por até 27 minutos, tempo um pouco maior que o Phantom. Ele tem sensores GPS e GLONASS para posicionamento e rastreamento. Quando a bateria estiver acabando, ele volta para casa para você não perder o seu brinquedinho caro.

Há também um sistema embaixo do dispositivo para detectar o ambiente em que o drone está voando, o que ajuda o drone a se manter estável em baixas altitudes ainda que o GPS não esteja funcionando muito bem. Esse sistema também é importante para evitar que ele se choque com algum objeto próximo.

mi-drone-7 mi-drone-2

Grande parte do design é modular, então você pode desmontar o drone e guardá-lo em uma mochila, por exemplo. O módulo da câmera é removível, assim como os rotores e a bateria.

Assim como nos principais modelos da DJI, o Mi Drone tem alguns modos de voo autônomos, como pouso, decolagem, retorno à origem (ele volta para um ponto específico, como sua casa), órbita e navegação por waypoint. Também é possível criar uma cerca digital para limitar os movimentos do drone, se você estiver preocupado em perdê-lo.

O controle remoto tem o mesmo estilo dos outros, e é possível encaixar um smartphone nele para ver o que o drone está vendo. O alcance chega a 3 km.

mi-drone-3 mi-drone-1

No anúncio, Lei Jun, o presidente da Xiaomi, disse que o drone não é apenas “para crianças ricas”. Com o perfil da Xiaomi de oferecer produtos baratos, eles querem democratizar essa tecnologia e levar drones para quem não tem tanto dinheiro para gastar em algo assim.

O modelo mais barato passará por uma etapa de crowdfunding no aplicativo Mi Home a partir de quinta-feira (26), enquanto a versão com resolução 4K terá um programa de testes aberto para os chineses em meados de julho.

Assim como outros produtos da empresa, a Xiaomi não indicou se há intenção de vendê-lo fora da China, mas é interessante ver esse novo mercado que a companhia está explorando. Será que funciona bem?

Com informações: TechCrunch, The Verge.

Mais sobre: ,