Início » Celular » Cabify é o concorrente do Uber que estreia em São Paulo com cobrança diferenciada

Cabify é o concorrente do Uber que estreia em São Paulo com cobrança diferenciada

Serviço de transporte individual não possui tarifa dinâmica e não considera tempo gasto na corrida

Paulo Higa Por
3 anos atrás

O Uber, que já sofre a concorrência dos serviços de táxi preto, ganha mais um rival nesta segunda-feira (6) em São Paulo. O Cabify, de origem espanhola, também oferece transporte individual de passageiros por meio de aplicativo, mas com diferenciais relevantes: não possui tarifa dinâmica e cobra somente por quilômetro percorrido, independente do tempo gasto.

O Cabify permite que o usuário reserve uma corrida com antecedência, o que pode ser útil para quem precisa ir a um compromisso com hora marcada e não quer correr o risco de não conseguir chamar um motorista. No entanto, a corrida sai mais cara: além da bandeirada mais alta, a tarifa mínima de uma corrida agendada é de R$ 25,00, contra apenas R$ 7,00 de um pedido em tempo real.

cabify

As tarifas de bandeirada do Cabify dependem do horário. No horário de pico, de segunda a sexta das 6h às 9h e das 16h às 20h, elas são mais altas:

  • Bandeirada: R$ 0,50 em horário normal ou R$ 3,00 em horário de pico;
  • Bandeirada por reserva: R$ 3,50 em horário normal ou R$ 6,00 em horário de pico.

Além disso, há uma cobrança por quilômetro:

  • Primeiros 10 km: R$ 2,50 por km;
  • De 10 a 25 km: R$ 2,00 por km;
  • Depois de 25 km: R$ 3,00 por km.

Se o motorista precisar aguardá-lo por mais de 3 minutos, há uma cobrança de R$ 0,40 por minuto de espera.

cabify-sp

Por enquanto, o Cabify informa apenas as tarifas do Cabify Lite, uma espécie de concorrente do uberX, com veículos mais econômicos. A Veja São Paulo diz que a empresa planeja lançar ainda este ano o Cabify Executivo, que possui carros mais sofisticados, para concorrer com o UberBlack e os serviços de táxi preto da capital paulista.

No Cabify Lite, segundo a Exame, “praticamente todos os sedãs se enquadram, somente alguns modelos hatch entram no serviço e carros simples, como Celta e Uno, ficam de fora”. As regras, portanto, são mais rígidas que as do Uber: nas últimas semanas, presenciei veículos como Uno e Palio prestando serviço no uberX; no início das operações, esses carros não eram aceitos.

Os preços do Cabify são bastante competitivos. Simulei um trajeto da Rua Funchal, no bairro da Vila Olímpia, até a Avenida Paulista, uma distância de 8 km. O UberPool, que compartilha sua corrida com outros usuários, foi o mais barato de todos, claro, mas o Cabify Lite apresentou preço semelhante ao do uberX:

  • UberPool: R$ 16,34 (sem tarifa dinâmica);
  • uberX: R$ 21,79 ou mais (sem tarifa dinâmica);
  • Cabify Lite: R$ 20,50 (ou R$ 23,00 em horário de pico);
  • 99Top: R$ 23 a R$ 31 (com 15% de desconto);
  • UberBlack: R$ 27 a R$ 36 (sem tarifa dinâmica);
  • Táxi comum: R$ 28,44 (ou R$ 34,99 em bandeira 2).

O Cabify está disponível para Android e iOS. Por meio do código "CabifyChegou", a empresa oferece R$ 20 de desconto na primeira corrida.

Mais sobre: ,