Início » Telecomunicações » Um monte de gente pode ficar sem sinal de celular em Brasília a partir de terça-feira

Um monte de gente pode ficar sem sinal de celular em Brasília a partir de terça-feira

Torre de celular que será retirada pelo governo do Distrito Federal tem sinal repetido por outras seis antenas

Lucas Braga Por

O serviço de celular no Brasil já não tem boa fama: são diversas áreas de sombra, congestionamento, quedas na ligação e na internet. Para piorar, o governo do Distrito Federal irá retirar uma torre de celular que fica no Setor Sudoeste, em Brasília. A medida ocorrerá por conta de uma lei local que proíbe a instalação de torres e antenas de celular a menos de 50 metros de uma escola.

Não é a primeira antena que será retirada em Brasília: a primeira foi no Guará, cidade-satélite, devido a uma fiscalização do Ministério Público para cumprir a lei que existe desde 2004. A diferença é que a região da antena a ser retirada desta vez tem grande concentração de pessoas: a torre é utilizada atualmente pelas operadoras Claro e Oi, e outras seis antenas se conectam nela para expandir o sinal por Brasília.

antena-celular-telecom-torre

Com isso, estima-se que centenas de milhares de pessoas sejam afetadas pelo “caladão”. Foram contabilizadas conexões de mais de 95 mil clientes de apenas uma operadora até a torre principal. O prazo para retirada é na segunda-feira (5), mas a antena deve ser arrancada na terça-feira (6) pelo governo local. O Ministério Público entende que os equipamentos de transmissão podem trazer danos à saúde.

Conforme apurado pelo TeleSíntese, a antena se localiza numa praça numa região onde deveria ter uma escola, mas não tem. E no futuro, outras antenas também deverão ser retiradas caso não haja alguma providência: no total, 31 antenas foram consideradas em situação irregular pelo Ministério Público. A esperança para que o “caladão” não aconteça está em uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, que está em tramitação no STF, mas não tem previsão de julgamento.

Celular é um serviço tão essencial que chega a ser absurda toda essa situação. As legislações locais complicam tudo isso: cada cidade possui uma regra diferente, e muitas vezes as operadoras precisam recorrer à Justiça para instalar uma nova antena. Numa época em que se discute até a popularização de femtocells, pequenas antenas para melhorar o serviço em locais fechados ou com grande concentração de pessoas, é inacreditável que queiram diminuir o número de antenas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Mas GARANTO que nos presídios os celulares vão continuar funcionando perfeitamente!

Mago Erudito
Mas GARANTO que nos presídios os celulares vão continuar funcionando perfeitamente!
Nandu
E, por lei, deveriam citar o autor da imagem. Mas...
eminempower
Claudio Roberto Cussuol
E morar ao lado da torre, pode? Tipo a criancinha passar 5 horas na escola prejudica, mas dormir embaixo de uma, tudo bem? Se fosse levar essa paranoia em consideração, não poderia existir torre EM LUGAR NENHUM.
Anakin
me lembra tatooine ;D
dimmebd

Excesso de regulamentação e legisladores incapacitados dá nisso.
Que merda de País, PQP!

LifelessNewt
Excesso de regulamentação e legisladores incapacitados dá nisso. Que merda de País, PQP!
LuisPauloLohmann
Foi a primeira coisa que eu pensei! Se esses caras acreditam mesmo que as antenas fazem mal à saúde, então elas não deviam existir em lugar nenhum, certo?
abraaocaldas
Existem n estudos que mostram que não existem evidências que ondas eletromagnéticas causam problemas.
Keaton
Proibido por lei? Mas só dentro da sala de aula, certo?
Souza
60 pra espaço para antenas e o lote
Wellington Gabriel de Borba
Na escola em que trabalho tem, mas só para nós professores. Celular é proibido por lei.
Wellington Gabriel de Borba
Além dessa proibição de torre fazer mal as pessoas não ter respaldo científico nenhum, em 30 anos de pesquisa a respeito de celular não ter estudo provando isso, MP, CREA, GDF, e afins apoiando leis que prejudicam as pessoas quando na verdade elas deveriam respaldar o interesse público.
Keaton
Nunca vi. lol
Exibir mais comentários