Início » Celular » Quanto custa cada pecinha do iPhone 7 para a Apple

Quanto custa cada pecinha do iPhone 7 para a Apple

iPhone 7 de 32 GB tem custo de produção estimado em US$ 224,80

Paulo Higa Por
3 anos atrás

Sempre que surge um novo iPhone, alguma consultoria calcula o valor dos componentes para descobrir o custo de produção do smartphone da Apple. Não foi diferente com o iPhone 7: segundo as estimativas da IHS Markit, somadas, as peças custam US$ 224,80 para a Apple, considerando o modelo com 32 GB de armazenamento, que é vendido ao consumidor por US$ 649.

iphone-7

Em relação ao iPhone 6s, o custo de produção do iPhone aumentou US$ 36,89 (aproximadamente 18%). Um dos fatores que influenciou no valor foi a capacidade de armazenamento — antes, o iPhone de entrada tinha 16 GB de espaço, agora são 32 GB. A consultoria diz que, apesar do barateamento das memórias NAND no último ano, isso elevou os gastos com materiais.

De longe, o componente mais caro do iPhone 7 é a tela IPS LCD de 4,7 polegadas (1334x750 pixels), que custa US$ 43. Logo depois vem o conjunto de receptores de sinal de celular, que rende US$ 33,90 aos cofres da Intel, TDK, Broadcom e outras fabricantes. O processador quad-core Apple A10 tem custo estimado em US$ 26,90. Uma das peças mais baratas é a bateria de 1.960 mAh, por US$ 2,50 (!).

exploded_view_apple_iphone_7

Esta é a lista de gastos:

  • Processador: US$ 26,90
  • Baseband: US$ 33,90
  • Bateria: US$ 2,50
  • Bluetooth, GPS e Wi-Fi: US$ 8,00
  • Câmeras: US$ 19,90
  • Tela: US$ 43,00
  • Antenas, microfones, conectores: US$ 16,70
  • Circuito lógico: US$ 1,30
  • Carcaça: US$ 18,20
  • RAM e memória flash: US$ 16,40
  • Controladores de energia: US$ 7,20
  • NFC, codec de áudio, sensores: US$ 14,00
  • Cabo, adaptador, fone de ouvido, carregador e caixa: US$ 11,80
  • Montagem, testes e embalagem: US$ 5,00

É um resultado diferente do modelo americano Galaxy S7, por exemplo, que tem custo de produção estimado em US$ 249,55 (vendido por US$ 672). No smartphone da Samsung, a peça mais cara é o processador Snapdragon 820, da Qualcomm (US$ 62), mesmo sendo menos poderoso que o A10 Fusion. A tela Super AMOLED de 5,1 polegadas (2560x1440 pixels) custa aproximadamente US$ 55, segundo a IHS Markit.

Os preços obviamente não incluem os gastos com pesquisa, salários, publicidade, impostos ou mesmo o desenvolvimento do iOS, então a margem de lucro da Apple é bem menor do que parece. Ainda assim, a IHS Markit estima que a empresa ganhe em torno de US$ 250 por unidade vendida — o que explica por que a Apple é dona de 92% do lucro no mercado de smartphones, mesmo respondendo por apenas um quinto das vendas.

Mais sobre: ,