Início » Celular » Quanto custa cada pecinha do iPhone 7 para a Apple

Quanto custa cada pecinha do iPhone 7 para a Apple

iPhone 7 de 32 GB tem custo de produção estimado em US$ 224,80

Paulo Higa Por

Sempre que surge um novo iPhone, alguma consultoria calcula o valor dos componentes para descobrir o custo de produção do smartphone da Apple. Não foi diferente com o iPhone 7: segundo as estimativas da IHS Markit, somadas, as peças custam US$ 224,80 para a Apple, considerando o modelo com 32 GB de armazenamento, que é vendido ao consumidor por US$ 649.

iphone-7

Em relação ao iPhone 6s, o custo de produção do iPhone aumentou US$ 36,89 (aproximadamente 18%). Um dos fatores que influenciou no valor foi a capacidade de armazenamento — antes, o iPhone de entrada tinha 16 GB de espaço, agora são 32 GB. A consultoria diz que, apesar do barateamento das memórias NAND no último ano, isso elevou os gastos com materiais.

De longe, o componente mais caro do iPhone 7 é a tela IPS LCD de 4,7 polegadas (1334×750 pixels), que custa US$ 43. Logo depois vem o conjunto de receptores de sinal de celular, que rende US$ 33,90 aos cofres da Intel, TDK, Broadcom e outras fabricantes. O processador quad-core Apple A10 tem custo estimado em US$ 26,90. Uma das peças mais baratas é a bateria de 1.960 mAh, por US$ 2,50 (!).

exploded_view_apple_iphone_7

Esta é a lista de gastos:

  • Processador: US$ 26,90
  • Baseband: US$ 33,90
  • Bateria: US$ 2,50
  • Bluetooth, GPS e Wi-Fi: US$ 8,00
  • Câmeras: US$ 19,90
  • Tela: US$ 43,00
  • Antenas, microfones, conectores: US$ 16,70
  • Circuito lógico: US$ 1,30
  • Carcaça: US$ 18,20
  • RAM e memória flash: US$ 16,40
  • Controladores de energia: US$ 7,20
  • NFC, codec de áudio, sensores: US$ 14,00
  • Cabo, adaptador, fone de ouvido, carregador e caixa: US$ 11,80
  • Montagem, testes e embalagem: US$ 5,00

É um resultado diferente do modelo americano Galaxy S7, por exemplo, que tem custo de produção estimado em US$ 249,55 (vendido por US$ 672). No smartphone da Samsung, a peça mais cara é o processador Snapdragon 820, da Qualcomm (US$ 62), mesmo sendo menos poderoso que o A10 Fusion. A tela Super AMOLED de 5,1 polegadas (2560×1440 pixels) custa aproximadamente US$ 55, segundo a IHS Markit.

Os preços obviamente não incluem os gastos com pesquisa, salários, publicidade, impostos ou mesmo o desenvolvimento do iOS, então a margem de lucro da Apple é bem menor do que parece. Ainda assim, a IHS Markit estima que a empresa ganhe em torno de US$ 250 por unidade vendida — o que explica por que a Apple é dona de 92% do lucro no mercado de smartphones, mesmo respondendo por apenas um quinto das vendas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Dioguinho
o tal do preço de custo amigo.. as lojas pegam por preços mais baratos por estar fazendo o trabalho da apple de vender o smartphone.. assim como acontece com todos os produtos.. só não sei dizer a margem de lucro.. mas é relativa por produto.. nos sites como as vendas são muito grande e a mão de obra mais barata por ser um meio mais fácil de comercializar produtos a margem de lucro é menor porém a demanda é maior do que nas lojas físicas..
Firelezz
mas mesmo sendo criado pela apple, ele conta com custo de desenvolvimento e pesquisa cara
Walter Hugo Nishida Xavier da
"Em relação ao iPhone 6s, o custo de produção do iPhone aumentou US$ 36,89 (aproximadamente 18%). Um dos fatores que influenciou no valor foi a capacidade de armazenamento..." Não consegui achar a estimativa de custos do iPhone 6S, apenas do 6S Plus, mas como possuem a mesma capacidade (16GB) acredito que sirvam de parâmetro. No breakdown do IHS do 6S Plus, o valor das memórias (RAM+FLASH) eram de US$ 17,00 + US$ 5,50 (US$ 22,50). Lembrando ainda que o 6S Plus possui os mesmos 2GB de RAM LPDDR4 que o 7. Como exatamente isso contribuiu como fator para influenciar o valor maior do iPhone 7? Não estou querendo comprar discussão, apenas entender. Sei que não ajustei os preços do 6S Plus pela inflação ou reajuste de partes atualmente (mas para o que estou tentando demonstrar, pouco afeta), mas me parece que os verdadeiros culpados são os novos fones/adaptador (conteúdo da caixa), o sensor biométrico novo e a construção em si (IP67), além claro do processador mais avançado. Nunca consegui me convencer dessa história de que memória flash em celular justifique uma diferença de preço tão discrepante em aparelhos high end (nos baratos isso fica evidente, mas nos mais caros, é complicado...). Link para o breakdown do IHS (e usado pelo 9to5mac) do iPhone 6S Plus: https://9to5mac.files.wordpress.com/2015/09/breakdown.png Link para um comparativo rápido que montei lado a lado: http://i.imgur.com/P8jwMDo.png
joaofla123
Uma coisa que fiquei em dúvida... E as lojas que vendem iphone, diante dos números citados, conseguem lucrar alguma coisa?
Rodrigo Bernardi
"Cabo, adaptador, fone de ouvido, carregador e caixa: US$ 11,80." Enquanto isso ela vende só o fone de ouvido por US$ 29,00. E no Brasil? R$249,00. RISOS!
Keaton
Uma das peças mais baratas é a bateria de 1.960 mAh, por US$ 2,50 (!).USD 100 para substituir... e só 1960mAh?!
Gabriel Antonio
claro que o A10 é mais barato, quem cria é a apple, o s820 vem: projeto, fabricação e licenciamento =)