Início » Internet » Encurtador Uiop.me desaparece da web

Encurtador Uiop.me desaparece da web

Avatar Por

O principal encurtador de URLs brasileiro é o Migre.me, da Kingo Labs, que anunciou recentemente a adoção de insígnias para cada usuário. Existem os outros, sem tanta expressividade, mas que tentam fazer um bom trabalho. O Uiop.me é um desses era um desses.

Como você pode ver na imagem acima, a conta do Uiop.me foi suspensa. Isso significa que todos os links criados pelo encurtador, sem exceção, não estão mais funcionando. Por exemplo, o link http://uiop.me/14iN publicado numa promoção do blog Point das Promoções no mês passado, leva para a mesma página Account Suspended (Conta Suspensa).

Aparentemente, o programador responsável pelo site abandonou o projeto e a empresa de hospedagem que o apoiava optou por encerrar o serviço, uma vez que nenhuma manutenção era feita e já estava ficando inviável manter o Uiop no ar.

Esse é um dos riscos que corremos todos os dias ao depender de um encurtador de URLs para levar o usuário de uma página a outra. De modo geral, em blogs, o ideal é colocar o link completo, para evitar esse tipo de coisa. Deixe os encurtadores para usar em redes sociais, em que há limite de caracteres.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Paulo Roberto
Opa, eu uso há algum tempo o http://clipe.me Creio que porque é simples e não demanda tanta mão de obra especializada ele esta no ar há algum tempo e até agora não deu problemas para mim. Está em português, tem como personalizar a url, colocar senha e limitar o número uso. Eu, pessoalmente, recomendo.
Willian Cima
Amigos, é que essas empresas que criam encurtadores, focam somente nisso. A Kingolabs (migre.me) cria diversas aplicações pro Twitter, logo, ela tem grande chance de se manter no mercado. É só inovar sempre :)
Jonny Ken
Olá tplayer Depois que praticamente reestruturamos todo código e o BD, nunca mais tivemos problemas! Desenvolvemos mecanimos mais eficientes de apuração de problemas e também um servidor extra para os redirecionamentos continuarem caso o servidor principal não dê conta. Abraços Jonny
Marcio Melo
Deve ter sido minha a culpa, utilizei em uma promoção no meu blog e depois de 1 semana o serviço some do mapa? Me digam os encurtadores que vocês gostam para eu não usar! hehehe
tplayer
Não sei como está o Migre.me hoje, mas fui obrigado a abandona-lo um tempo atrás por causa da grande instabilidade e downtime.
tplayer
Eu como dono de mashup(http://citweet.com.br) integrada ao twitter sei bem como é difícil arcar com os custos e manter o serviço no ar. Mas o mercado é assim, quem não cresce desaparece.
Linka Brasil
Eu uso o Migre.me que dificilcimente tem erros.
Hernani
Utilizem o encurtador do Google, esse vocês podem ter certeza que não irá falir tão cedo
BrOwNeR
Não conhecia esse encurtador.. Qd precisei, usei o Migre.me, mas como foi falado na reportagem, melhor usar o link completo mesmo.
O Onisciente
Encurtadores de URLs e Twitter foi o casamento perfeito! Nossos tweets são tão efêmeros quanto nossas URLs encurtadas.
Henrique
Acontece... as coisas não duram para sempre...
Alexandre
Poderiam ao menos ter disponibilizado o banco de dados e transferência do domínio caso alguém estivesse interessado em continuar o serviço... uma pena.
Thássius Veloso
Como tudo na internet, os encurtadores de URLs também vivem seu ápice e depois declinam. Lembro que usamos durante muito tempo o TinyURL, depois migramos para o Bit.ly e agora estamos usando constantemente o Migre.me. Dá trabalho manter-se no mercado por muito tempo.
Eduardo Tello
Por isso eu uso o meu encurtador particular... Servidor pago e tals. Ou, posso montar aqui no meu PC mesmo um encurtador e direcionar pra alguma url na internet pra que todos possam acessar, assim nunca ficaria offline (apenas quando desligasse o server aqui) :D Infelizmente, todos podem desaparecer do nada, já que não existe um lucro, pelo menso não um que possa fazer o serviço ir pra frente.