Início » Computador » A marca de HDs Maxtor voltou

A marca de HDs Maxtor voltou

Seagate comprou Maxtor em 2006 e deixou a marca sumir do mercado aos poucos

Diego Melo Por

A Seagate decidiu trazer de volta ao mercado a tradicional marca de discos rígidos Maxtor. A confirmação foi feita nesta quinta-feira (1º) pelo AnandTech.

No início do ano, a Seagate começou a vender em vários países equipamentos de armazenamento externos com a marca da Maxtor. Até o momento, a companhia oferece os drives Maxtor D3 Station e Maxtor M3 Station – que, curiosamente, também são vendidos sob o nome da Samsung.

maxtor-hd

Os drives externos Maxtor M3 são vendidos nos modelos com capacidade de 500 GB, 1 TB, 2 TB e 4 TB, com interface USB 3.0. O modelo top de linha do Maxtor M3 é baseado no HD Spinpoint M10P, com cinco discos de 800 GB, 5.400 RPM e 16 MB de cache.

Já o Maxtor D3 Station usa dois HDs de 2.5 polegadas e oferece capacidades de 2 TB, 3 TB, 4 TB e 5 TB (enquanto o Samsung D3 também possui um de 6 TB). Tal qual o M3, ele também usa interface USB 3.0 tanto para energia quanto para transferência de dados. Para ambos os modelos, a Maxtor oferece os softwares AutoBackup e SafetyKey para proteção e backup automático.

maxtor_d3_575px

A Seagate utiliza três marcas para vender seus dispositivos de armazenamento: a LaCie para a linha premium de produtos DAS (Direct-attached storage); a própria marca Seagate para os dispositivos de armazenamento externo; e a Samsung para alguns produtos mais baratos. Segundo a companhia, o plano é transferir gradualmente a linha de HDs externos da Samsung para a marca Maxtor, e continuar evoluindo a linha de produtos “quando fizer sentido”.

Fundada em 1982 e adquirida pela Seagate em 2006, a Maxtor se tornou uma das maiores fabricantes de HD do início dos anos 2000 após a compra da divisão de HDs da Quantum. Mas problemas internos e financeiros, além da falta de uma linha significante de HDs de 2,5 polegadas, fizeram com que a marca perdesse mercado. Mesmo após a aquisição, em 2006, a Seagate continuou a lançar HDs internos e externos com a marca Maxtor por alguns anos, mas, eventualmente, ela foi descartada.

Lá fora, os produtos M3 e D3 são vendidos por vários sites e lojas online, como a Amazon. Apesar de já ter um site em português, ainda não foi possível confirmar se os dispositivos estão disponíveis no Brasil.

Atualização: em comunicado ao Tecnoblog, a Seagate afirmou que a “estratégia de trabalhar com a Maxtor será utilizada apenas na Europa e em alguns países da Ásia, por enquanto”. Por isso, não espere ver HDs da Maxtor nas lojas brasileiras tão cedo — mas ambos os modelos de HDs externos já estão sendo comercializados por aqui com a marca da Samsung.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caio Alexandre

A volta dos que não foram.

Caio Alexandre
A volta dos que não foram.
Marcus Araújo

Faz bem em manter o backup, cara, no seu lugar não faria diferente.

Marcus Araújo

Também já tive problemas com HDs Samsung por volta de 2-3 anos de uso. Realmente, não são confiáveis. Pena que nem todas as marcas de PCs divulguem a marca do HD (quase nenhuma divulga), dei sorte quando comprei um novo notebook e notei que o HD era da WD.

Marcus Araújo
Faz bem em manter o backup, cara, no seu lugar não faria diferente.
Marcus Araújo
Também já tive problemas com HDs Samsung por volta de 2-3 anos de uso. Realmente, não são confiáveis. Pena que nem todas as marcas de PCs divulguem a marca do HD (quase nenhuma divulga), dei sorte quando comprei um novo notebook e notei que o HD era da WD.
Humberto Machado
e na epoca nem tinha backup em nuvem
Humberto Machado

e na epoca nem tinha backup em nuvem

Humberto Machado

Ao ler a palavra "Maxtor" https://uploads.disquscdn.c...

Humberto Machado
Ao ler a palavra "Maxtor" https://uploads.disquscdn.com/images/d9b9a861a7592ab1772245dc7f0ce3b70af9d0fb899d91f3636d189d2524db57.jpg
Portuga Goleta

O HD do meu note samsung morreu com pouco mais de 2 anos de uso (logo após o fim da garantia estendida, oh sorte). Tirei o HD do meu velho CCE e está em perfeito estado até hoje.

Portuga Goleta
O HD do meu note samsung morreu com pouco mais de 2 anos de uso (logo após o fim da garantia estendida, oh sorte). Tirei o HD do meu velho CCE e está em perfeito estado até hoje.
SiouxBR

Pois é... aqui no DF aconteceu a mesma coisa. Todos os lojistas tiveram problemas com a marca, mas pelo que conversei com o pessoal ninguém teve o azar de pegar um lote tão grande com problemas... :(

SiouxBR
Pois é... aqui no DF aconteceu a mesma coisa. Todos os lojistas tiveram problemas com a marca, mas pelo que conversei com o pessoal ninguém teve o azar de pegar um lote tão grande com problemas... :(
doorspaulo

Rapaz, nesse caso foi um belo de um azar. Deve ter pego um lote zicado.
Lembro que, na época, várias empresas aqui da região aboliram a marca, dando preferência para Hitachi e WD.

Exibir mais comentários