Início » Computador » Windows 10 vai emular aplicativos x86 em processadores ARM

Windows 10 vai emular aplicativos x86 em processadores ARM

PCs com chips da Qualcomm serão lançados em 2017 e terão suporte a softwares da área de trabalho clássica

Por
1 ano atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Microsoft anunciou nesta quinta-feira (8) em seu evento anual sobre hardware, o WinHEC, que os processadores ARM da Qualcomm vão suportar o Windows 10 e os softwares da área de trabalho clássica, também chamados de Win32.

winhec

De acordo com a Qualcomm, serão anunciados computadores com o processador da empresa em 2017, oferecendo suporte a Gigabit LTE, aprendizagem de máquina, recursos de segurança de hardware superiores, Windows Hello e suporte a caneta — tudo isso sem ventoinhas e bateria de longa duração, segundo a empresa.

Os programas ou jogos compilados para a arquitetura ARM vão rodar nativamente, e a novidade é que os softwares originalmente compilados para x86 serão emulados. Qualquer software poderá ser executado e nenhuma modificação será necessária. Os programas terão o mesmo acesso e não serão isolados. Tudo vai simplesmente funcionar.

Suporte a dados e eSIM

A Microsoft também revelou que o Windows vai suportar eSIM, que nada mais é que um chip de operadora integrado. Com o eSIM, será possível trocar de operadora ou plano de internet pela Loja do Windows, já que os chips são, tecnicamente, embutidos no dispositivo.

Windows RT?

Em 2012, a Microsoft anunciou o Windows 8 em processadores ARM. Alguns dispositivos com a nova arquitetura surgiram, como o Surface RT com Nvidia Tegra e o Nokia Lumia 2520 com Snapdragon 800, mas com a falta de aplicativos modernos na Loja do Windows e sem a possibilidade de aplicativos da área de trabalho clássica, o resultado final foi um fiasco total.

A Microsoft registrou bilhões de dólares de prejuízo com o Surface RT e logo lançou uma versão x86, rodando programas comuns.

Surface Phone?

É impossível não mencionar a suposta lenda: o Surface Phone. Com o Windows em processadores ARM rodando programas Win32, talvez a ideia não seja mais tão maluca. Há diversos rumores (de fontes críveis) que a Microsoft está trabalhando em smartphones focados no Continuum e rodando programas Win32. Apesar da Microsoft não ter anunciado nada específico no evento, com o anuncio de hoje, isso se torna perfeitamente possível.

Em entrevista ao The Verge, o chefe do Windows, Terry Myerson disse que está pensando em dispositivos com telas pequenas, telas grandes, dispositivos sem telas, VRs e que os lançamentos dependerão das fabricantes.

Há alguns meses, na Microsoft Ignite, evento voltado para o mercado corporativo, a empresa anunciou melhorias notáveis no Continuum, indicando que não pretende abandonar o mercado mobile tão cedo.

Mais sobre: , , , ,