Início » Mobile » O mercado brasileiro de smartphones encolheu em 2016

O mercado brasileiro de smartphones encolheu em 2016

Estudo prevê queda de 10% no volume de vendas de dispositivos móveis no país neste ano

Por
16/12/2016 às 16h19
A nova extensão do Tecnoblog está pronta.Baixe Agora!

Um estudo publicado pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) prevê que o mercado brasileiro de dispositivos móveis vai encolher em 2016.

Segundo a associação, o mercado de telefones celulares deve encerrar o ano com uma retração de 10% em volume, devido à queda de 11% na venda de smartphones. No entanto, o faturamento geral crescerá cerca de 2%, puxado, principalmente, pela venda de produtos de valor mais alto.

De acordo com o relatório, o declínio foi decorrente da recessão que afetou o país nos últimos dois anos. O crescimento do desemprego reduziu a renda disponível, aumentou o endividamento das famílias e fez com que os consumidores ficassem mais cautelosos com relação a novas compras.

A Abinee ainda sugere que as vendas de tablets no país irão despencar de maneira impressionante, com previsão de queda de 32% nas vendas. Também sofrerão quedas significativas as vendas de desktops (37%) e de notebooks (30%). O faturamento do setor de informática diminuirá 23%, a maior queda entre os segmentos que compõe a indústria eletroeletrônica nos últimos anos.

A associação também divulgou que o faturamento da indústria eletroeletrônica em geral sofreu queda de 8% neste ano. O segmento de informática perdeu o posto de maior gerador de receita do setor, que agora é do segmento de telecomunicações (que também encolheu 3% nesse ano).

Um outro estudo, realizado pela IDC, também apontou que 2016 não está sendo fácil para o mercado de informática no Brasil, com uma previsão de queda de 31% nas vendas de PCs em relação a 2015.

Mais sobre: ,
  • Melocoton Loko

    Crise, dolar, impostos e também os smartphones amadureceram, não há mais necessidade de trocar com tanta frequência, meu smartphone tem mais de 3 anos e faz tudo que um usuário normal precisa, embora meio lento e com umas travadas em aplicativos mais pesados.

    • Camargo

      Pois é, eu so estou com meu lumia porque não estou trabalhando pra comprar outro celular! Pois estou sofrendo com ele faz dois anos

  • Arley Martins

    Se tiver grana o ideal é trocar a cada 2 anos, se não tiver, troque quando tiver ou fica sem. Meu ponto de vista.

  • Recessão?
    Acho que o Brasileiro esta sendo mais esperto e vendo que seu dinheiro não é capim.
    Os preços estão absurdamente altos!

    • Marco Antonio

      Não acho que mais espertos, acho que está mais difícil comprar mesmo, se estivesse na mesma estariamos comprando do mesmo jeito

  • Wendel Schelhan

    Eu gostaria de ter acesso a um dado de difícil acesso: o mercado de importações para China cresceu? Pois vamos combinar que muita gente anda fazendo isso como alternativa à porcaria que é nosso mercado de smarts.

    • palatoqueimado

      Acho que nem é necessário um dado pra constatar algo que se percebe com frequência nos últimos meses pela internet: comentários, vídeos, reviews, e indicação de vários usuários online sobre alternativas chinesas de produtos, que podem ser compradas com a facilidade do pagamento por boleto bancário. Não tenha dúvidas sobre a explosão das importações da China. Entretanto, não creio que isso tenha sido suficiente para impactar o setor, trazendo os resultados negativos dessa notícia.

  • Keaton

    Ou o pessoal finalmente notou que não precisa comprar um celular a cada 6-12 meses…. vai saber…

  • Marcio Vianna

    E vai encolher ainda mais.

  • GHOC

    Fusca a preço de Ferrari

  • Rodrigo Cerqueira

    Encolhe mais que tá pouco! Moto G tá quase 1000 Temers… Tá de brincadeira.