Início » Negócios » Nokia processa Apple por violação de patentes

Nokia processa Apple por violação de patentes

Apple cita "fracasso da Nokia como fornecedora de telefones celulares" e diz que conduta é ilegal

Por
2 anos atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Apple se envolveu em outro processo por violação de patentes, mas desta vez não é com a Samsung. A Nokia anunciou nesta quarta-feira (21) que entrou na justiça contra a empresa de Cupertino por não pagar os royalties que deve à companhia finlandesa. O processo corre nos Estados Unidos e na Alemanha, mas a Nokia já prometeu entrar com outras ações em breve.

Em comunicado, a Nokia afirma que a Apple aceitou em 2011 uma licença que cobre algumas patentes dos finlandeses, mas não quis negociar o pagamento de outras propriedades intelectuais que são utilizadas nos produtos da maçã. Estão em jogo 32 patentes, abrangendo tecnologias como “display, interface de usuário, software, antena, chipsets e codificação de vídeo”.

Nokia

A Nokia diz que investiu 115 bilhões de euros em pesquisa e desenvolvimento nos últimos 20 anos, e que detém “dezenas de milhares de patentes que cobrem muitas tecnologias importantes utilizadas em smartphones, tablets, PCs e dispositivos similares”. Vale lembrar que, apesar de ter vendido sua divisão de celulares para a Microsoft em 2013, a Nokia manteve a posse de suas patentes.

Nas palavras do chefe de patentes da Nokia, Ilkka Rahnasto: “Depois de vários anos de negociações tentando chegar a um acordo para cobrir a utilização da Apple dessas patentes, estamos tomando medidas para defender nossos direitos”.

O caso dá sinais de que pode se estender por bastante tempo, como aconteceu na briga entre Apple e Samsung nos tribunais. Segundo a Bloomberg, a Apple havia entrado com um processo nesta terça-feira (20) contra um grupo de empresas detentoras de patentes, que estariam conspirando junto com a Nokia como parte de um “plano para extorquir, de forma injusta e anticompetitiva, receitas exorbitantes da Apple e de outros fornecedores inovadores de celulares”.

Tem mais: a Apple cutuca a Nokia no processo, publicado pelo Patently Apple. Segundo a empresa, a conduta é ilegal e “acontece no contexto do fracasso da Nokia como fornecedora de telefones celulares”. A Apple explica que “em 2011, a Nokia permanecia como uma grande fornecedora, mas, devido a sua incapacidade de inovar, estava enfrentando expectativas de mercado tão terríveis que acabou saindo do mercado”.

Aguarde os próximos capítulos.

Mais sobre: , , ,