Início » Segurança » Tecnocast 057 – O fim da privacidade

Tecnocast 057 – O fim da privacidade

Por
1 ano atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Você pagaria 500 dólares por ano para utilizar o Google? E se eu te dissesse que é mais ou menos esse o valor dos seus dados para a empresa? A internet só existe como conhecemos hoje por conta desse modelo “grátis”, mas seria impossível desenvolver serviços de qualidade sem recursos. Ou seja, de alguma forma, alguém precisa pagar a conta.

Nesse episódio conversamos sobre o que empresas e governos estão fazendo com os nossos dados. Se você pensa que não tem nada a esconder, vai mudar de ideia depois de ouvir esse Tecnocast. Dá o play e vem com a gente!

Participantes

Caixa Postal

Mande a sua mensagem: [email protected]

Links Citados

Oferecimento: HP

Quase todas as empresas se preocupam com a segurança dos PCs. Sempre tem antivírus, quase sempre tem firewall, e quase sempre a rede esta protegida, com as permissões bem configuradas. Só que nem todas as empresas estão protegendo suas impressoras.

E é estranho, porque nessas impressoras passam um monte de documentos confidenciais. Informações financeiras, planos estratégicos, dados de funcionários, contratos, enfim.

Muitas vezes a impressora é até mais importante que o PC, porque uma pessoa mal-intencionada não precisaria nem ficar vasculhando a rede e procurando alguma informação importante. Documentos importantes podem ser interceptados por hackers quando são enviados para impressão.

Por isso, as impressoras HP LaserJet contam com uma série de recursos de segurança para manter os dados da sua empresa protegidos. A gente já falou de duas específicas, e vale a pena dar um panorama geral.

Primeiro: toda vez que a impressora liga, o HP Sure Start verifica o BIOS e checa se está tudo bem com os suprimentos, os componentes, e se ninguém mudou o firmware da impressora sem autorização, o que poderia levar a um vazamento de dados.

Além disso, enquanto a impressora está ligada, outro recurso fica sempre verificando as configurações para ver se está tudo de acordo com as políticas pré-estabelecidas pela empresa. Isso evita que malwares tentem atacar a impressora, já que esse recurso também pode corrigir tudo automaticamente.

E por último, com o HP Access Control, os trabalhos de impressão ficam mais protegidos, já que permite uma série de opções de autenticação de usuários e criptografia dos arquivos. Ele diminui a carga na fila de impressão e a necessidade de vários servidores (ou seja, reduz o custo).

Todas essas tecnologias protegem as impressoras da HP. 60% das empresas já tiveram violação de dados envolvendo impressoras, e as empresas perdem em média quase 8 milhões de dólares por ano só com multas, perdas de negócios e danos na reputação por causa de vazamentos.

Saiba mais em www.hp.com.br/seguranca.

Tecnogrupo

Participe da discussão! Acesse o grupo do TB no Facebook para debater sobre o tema desse episódio.

 Assine o Tecnocast

Edição e Sonorização

O Tecnocast é editado por Rádiofobia Podcast e Multimídia.

Arte da Capa

Arte da capa por Ilustrata.