Firefox Focus

A Mozilla disponibilizou, nesta quinta-feira (26), o Firefox Focus em português do Brasil e em outros 26 idiomas. O navegador foi lançado oficialmente em novembro do ano passado, mas, na ocasião, somente em inglês. E o que ele tem de diferente em relação ao Firefox “normal”? Foco em privacidade, mais do que estamos habituados.

Disponível apenas para iOS e tendo sido lançado originalmente em 2015 como um bloqueador de conteúdo para a plataforma, o navegador tem como público-alvo os usuários que ficam incomodados (ou preocupados) ao se depararem com um monte de anúncios de um produto depois de uma visita a uma loja online, por exemplo.

Para evitar esse e outros tipos de problemas, o navegador bloqueia rastreadores (trackers) usados por serviços de publicidade e redes sociais, assim como pode barrar pop-ups e atuar como bloqueador de anúncios.

Firefox Focus

Além disso, o Firefox Focus não armazena dados críticos, como senha ou número de cartão de crédito, e exibe um botão na barra de endereços para que o usuário possa apagar rapidamente seu rastro de navegação — cookies, histórico e por aí vai.

Um recurso que chama atenção é a integração com o Safari. Determinadas páginas podem impedir a exibição do conteúdo se o tracker existente ali for bloqueado, por exemplo. Se isso acontecer, é possível abrir a página no navegador da Apple e fazer o Firefox Focus atuar como um bloqueador de rastreadores ali.

A Mozilla também se preocupou com leveza e facilidade de uso. O Firefox Focus tem interface bastante limpa e os seus recursos podem ser localizados rapidamente.

Em contrapartida, o navegador não oferece algumas comodidades. Não dá para sincronizar favoritos ou abrir múltiplas abas, por exemplo.

O Firefox Focus pode ser baixado na App Store. É digrátis.

O fim da privacidade

Um navegador como esse mostra que a preocupação com o assunto é crescente. Ou deveria ser: a privacidade não pode ser tratada como algo banal. É por isso que discutimos o assunto no Tecnocast 057.

No episódio, conversamos sobre o que empresas e governos estão fazendo com os nossos dados. Se você pensa que não tem nada a esconder, vai mudar de ideia depois de ouvir a conversa. Aperte o play para conferir 😉

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

NoobIsrael
Eu queria mesmo era que o FF aceitasse extensões no iOS, como acontece no Android.
msr

wow this is very nice and good features mobogenie apk

REINALDO CUNHA

Muito obrigado mesmo pelo post. Anda insuportável navegar sem ser afogado por anúncios. Vou testar

REINALDO CUNHA
Muito obrigado mesmo pelo post. Anda insuportável navegar sem ser afogado por anúncios. Vou testar
Rafael
Ele é o navegador padrão, mas se você instala após do Google e tem o Chrome instalado, por exemplo, todos os links desses após serão abertos no Chrome. Pega o Inbox e testa que você vai ver. Agora em termos de vantagem, aí vai da preferência pessoal.
Molinex

Primeiro, por que não pra android?
Segundo, tem que reescrever o Gecko, tá pesadão no pc, e no smart da minha mina (mais toscão), nem abre...

Molinex
Primeiro, por que não pra android? Segundo, tem que reescrever o Gecko, tá pesadão no pc, e no smart da minha mina (mais toscão), nem abre...
Leonardo Feelckins

firefox sendo firefox, melhor navegador

Leonardo Feelckins
firefox sendo firefox, melhor navegador
Kodos Otros

Pois é, esse é uma das limitações que me fazem ter distância desse SO.

Kodos Otro
Pois é, esse é uma das limitações que me fazem ter distância desse SO.
Daniel Soares
Não sei se é bem isso, acho que é mais por não ser prioriadade escrever essa parte do sistema. Eles já permitem sumir com apps nativos, uma hora poder definir apps padrão chega. Espero pelo menos.
Renan Rufino

Um "solução" é o JailBreak e o tweak pra isso

Renan Rufino
Um "solução" é o JailBreak e o tweak pra isso
Gertrudes, a Lhama Morta

Po, isso deve ser bem chato. E pior que a única justificativa que eu vejo pra isso é tentar prender a pessoa no ecossistema deles (tendo um Mac pra syncar pelo Safari, por exemplo).

Exibir mais comentários