Início » Negócios » Snapchat entra com pedido de IPO por US$ 3 bilhões, mas não para de perder dinheiro

Snapchat entra com pedido de IPO por US$ 3 bilhões, mas não para de perder dinheiro

Por
2 anos atrás

Snapchat

A Snap Inc., companhia responsável pelo Snapchat, apresentou os papéis para a sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). O plano da empresa é sair na bolsa em março e levantar US$ 3 bilhões com a operação. Mas há um problema: os documentos mostram que a companhia tem perdido dinheiro, muito dinheiro. Isso pode dificultar as coisas.

Os documentos para a oferta pública precisam descrever os planos para o futuro da companhia, mas também devem informar qual a situação atual dos negócios. Por conta disso, a Snap acabou evidenciando as suas feridas.

Em 2016, a receita da companhia foi de US$ 404,5 milhões, contra US$ 58,7 milhões do ano anterior. Muito bom, principalmente se levarmos em conta que a empresa tem pouco tempo de existência — a rede social surgiu em 2011. Só que o sangramento foi maior: a Snap registrou despesas no total de US$ 514,6 milhões em 2016, sendo que ela já vinha de uma perda de US$ 372,9 milhões em 2015.

O aumento da receita em 2016 é efeito principalmente da base de 158 milhões de usuários ativos que o Snapchat registrou no término do ano (incremento de 22% em relação a 2015). É um número bastante expressivo. Mas, do último trimestre de 2016 para cá, o registro de novas contas no serviço deu uma esfriada. O problema se deve a um inimigo extremamente poderoso chamado Facebook.

Snapchat

Mark Zuckerberg e sua turma tentaram comprar o Snapchat. Em 2013, eles chegaram a fazer uma oferta justamente no valor de US$ 3 bilhões. Mas Evan Spiegel, cofundador e CEO da Snap, respondeu com um sonoro “não”.

Já que as investidas não estavam dando certo, o Facebook decidiu criar um “clone” do Snapchat usando o Instagram, de fato, o serviço que tinha mais chances de fazer frente à rede social de Spiegel.

Deu muito certo. O Instagram Stories, como é chamado, não tem nem seis meses de existência, mas já registra 150 milhões de usuários ativos. E ainda há bastante espaço para crescimento: o Instagram “normal” possui uma base de 600 milhões de usuários ativos.

Não há números oficiais, mas o sucesso do Instagram Stories vem afetando o Snapchat. A base de usuários ativos não só cresce em ritmo mais lento como vem apresentando menos movimentação: muita gente que já tinha conta no Instagram está simplesmente preferindo ficar nesta rede social para publicar e consumir conteúdo efêmero.

Instagram Stories

Instagram Stories

Estima-se que a audiência do Snapchat tenha caído cerca de 40% nos últimos meses. Algumas mudanças no serviço, como a desativação do avanço automático para o próximo snap, podem ter contribuído para isso, mas a predileção pelo Instagram Stories parece mesmo ser o principal motivo.

Além da captação de US$ 3 bilhões, a Snap espera, para o IPO, ser avaliada com valor entre US$ 20 bilhões e US$ 25 bilhões, dizem fontes próximas à companhia. Mas, diante das circunstâncias, vai ser difícil manter o otimismo em 2017.

Nos trechos dos documentos que dizem respeito aos riscos, a Snap reconhece as perdas operacionais no passado e prevê mais perdas para o futuro, o que sugere que, por ora, a empresa não tem nenhum plano para estancar o sangramento.

Veremos que milagre a Snap fará na bolsa.

Com informações: Reuters

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.