Início » Computador » Xeon E7–8894 v4 é o processador mais caro que a Intel já produziu em massa

Xeon E7–8894 v4 é o processador mais caro que a Intel já produziu em massa

24 núcleos, 48 threads, 2,4 GHz, 60 MB de cache L3 e até 3 terabytes de RAM por processador

Por
40 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Além de revelar os primeiros detalhes dos Coffee Lake, a Intel está renovando sua linha de processadores Xeon para servidores. Esses chips não costumam ser baratos, mas o Xeon E7–8894 v4 conseguiu quebrar todos os recordes: com preço sugerido de US$ 8.898, o equivalente a R$ 27.737, ele é o processador mais caro que a Intel já produziu em massa.

O preço, que é tão alto quanto o número do modelo do processador, vem acompanhado de outras especificações impressionantes. O Xeon E7–8894 v4 possui 24 núcleos de CPU (48 threads) que operam a uma frequência de 2,4 GHz, podendo chegar a 3,4 GHz em modo turbo. São nada menos que 60 MB de cache L3 e um TDP não tão absurdo de 165 watts.

Ele é voltado para servidores de alto desempenho e tem controlador de memórias DDR3–1600 e DDR4–1866 em quad-channel, sendo capaz de suportar até 3 terabytes de RAM por processador. Sem a ajuda de controladores especiais de terceiros, você pode montar um pequeno monstrinho com até oito Xeon E7–8894 v4 — isto é, se tiver pelo menos 222 mil reais para gastar só nos pequenos pedaços de silício.

O novo processador tem quebrado uma série de recordes em benchmarks, de acordo com a Intel. No SPECint_rate_base2006, um servidor da Lenovo com oito chips Xeon E7–8894 v4 alcançou 7.210 pontos, um número muito fora da nossa realidade — um Core i5 ou i7 de 6ª geração para desktops costuma fazer algo entre 150 e 250 pontos nesse teste.

Mais sobre: ,
  • Trovalds

    É o medo da concorrência que cada vez mais incomoda. nVidia já tem soluções de co-processamento que dão surra fácil na Intel em alguns segmentos. Apesar da concorrência ter valores ainda mais proibitivos.

    • abraaocaldas

      o hardware a nvidia tem o problema é o software, nem todo dev está acostumado com cuda.

    • Sergio Rasa

      Pois é ! Mas NVidia tem soluções para essas mobos desses servidores ?

  • Vitor Freire

    Pronto! Fechou! A Apple tem tudo para atualizar sua cafeteira; já faz um tempo que seu filtro pegou com mosca.

    • André#

      A lixeirinha

  • Eurijunior Sales

    O mais legal foi o link da matéria! Kkkkkk

  • Marcos Vinicius Fraga

    Com um processador desse já dar para converter filmes pro formato HEVC em Full HD, um filme de 1 hora leva 16 horas no meu i7 para ser convertido, nesse aí deve levar uns 3 minutos kkkkkk

    • William Lima Crisostomo

      Não consegue acelerar a conversão com GPU ? Vi uns encoders que usam NVAPI que aparentemente funcionam bem.

    • doorspaulo

      Caramba, eu fazia isso com uma GTX 560M no note, e ia bem rápido utilizando CUDA, além de deixar o processador livre para poder utilizar o note.

      Procure uma VGA de entrada, para isso, vale muito a pena!

  • Guilherme Laporti

    Será que gargala um SLI de 1080? Kkkk

    • Sergio Rasa

      Kkkk boa pergunta? Pagar u$ 8.900 por uma CPU que engasga;já pensou ? E outra; e esses 3 terabytes de ram ?

  • Zé das Covi

    Dou 2 meses pra algum HUE meter isso ae em um pc ~~Gamer top ~~ que rode Crysis no HIGH em 720p

  • Sergio Rasa

    Faltou citar que placa suporta esse monstro.

  • Mario Junior ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

    Lembrando que a AMD está vindo ai com o Napples para o segmento de servidores, com 32 cores e 64 threads.

  • Ligeiro

    Fico imaginando que este tipo de processador pode servir para a PF finalmente quebrar algumas senhas pendentes… :p

  • AllastroS48

    junta com a Nvidia Quadro M6000 e com certeza vai rodar Crysis em 4K com o anti-aliasing e filtro ansiotrópico no talo

  • AllastroS48
  • bot

    ah isso ai é brinquedo de criança a Nasa e essa China tem coisa mais séria kk