Início » Gadgets » 10 eletrônicos que valem a pena importar dos EUA com o site QWINTRY

10 eletrônicos que valem a pena importar dos EUA com o site QWINTRY

Por
23 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Comprar eletrônicos nos Estados Unidos tem algumas vantagens: além dos preços, que costumam ser menores que os praticados no mercado brasileiro, você tem acesso a produtos que ainda não foram lançados — ou de empresas que nem possuem representação por aqui. O problema é que a maioria das lojas não envia diretamente para o Brasil, dificultando bastante o processo.

Nesses casos, uma opção é utilizar os serviços da Qwintry, um redirecionador de encomendas que fornece um endereço nos Estados Unidos para você fazer compras online na loja que quiser. Ao fazer o pedido, basta fornecer esse endereço do armazém da Qwintry, que fica em Delaware — um dos poucos estados americanos onde o imposto sobre vendas é 0%. Geralmente, as lojas solicitam o seu endereço nos EUA na seção shipping address (endereço para envio).

Exemplo de endereço nos EUA, fornecido pela Qwintry

Sempre que uma encomenda sua chega ao armazém da empresa, você recebe uma notificação por e-mail e pode até mesmo pedir para testarem o eletrônico antes dele ser enviado — assim, se ele tiver algum defeito, você não precisa devolvê-lo do Brasil para os Estados Unidos, o que sairia muito mais caro e demorado. Você pode fazer compras em várias lojas e pedir que a Qwintry te mande tudo de uma vez para o seu endereço no Brasil, economizando no frete.

Existem inúmeros produtos que valem a pena importar dos Estados Unidos mesmo com os impostos de importação. Lojas como a Amazon, Apple Store, Best Buy, eBay e BH Photo Video estão entre as mais procuradas. Fizemos uma seleção de 10 produtos bem vantajosos, comparando os preços aproximados do Brasil. Confiram:

1. iPad Air 2 32 GB

Nos Estados Unidos: US$ 399 (R$ 2.010 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 3.199 (loja oficial da Apple)
Economia: R$ 1.189 (–37%)

2. MacBook Pro de 15 polegadas

Nos Estados Unidos: US$ 2.399 (R$ 13.375 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 18.499
Economia: R$ 5.123 (–28%)

3. PlayStation 4 Pro – 1 Terabyte


Nos Estados Unidos – Amazon: US$ 439 (R$ 2.200 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 2.800
Economia: R$ 600 (–21%)

4. PlayStation VR


Nos Estados Unidos – Amazon: US$ 399 (R$ 2.000 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 3.000
Economia: R$ 1.000 (–33%)

5. Xbox One S 500 GB

 

Nos Estados Unidos: US$ 249 (R$ 1.250 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: ainda não foi lançado.

6. Parrot AR.Drone 2.0

Nos Estados Unidos: US$ 299,99 (R$ 1.512 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 3.284,10 (loja oficial da Apple)
Economia: R$ 1.772,10 (–54%)

7. Babá eletrônica Motorola MP332.0

Nos Estados Unidos: US$ 99 (R$ 490 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 790
Economia: R$ 300 (–38%)

8. Aspirador de pó automático Irobot Roomba 620 Vacuum


Nos Estados Unidos – Amazon: US$ 290 (R$ 1.460 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 1.800
Economia: R$ 338,40 (–19%)

9. Apple Watch serie 1

Nos Estados Unidos: US$ 269 (R$ 1.356 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 2.199 (loja oficial da Apple)
Economia: R$ 843 (–38%)

10. Fone de ouvido Sennheiser Momentum On-Ear

Nos Estados Unidos – Amazon: US$ 125 (R$ 630 – valor com impostos, importado com a Qwintry)
No Brasil: R$ 999
Economia: R$ 369 (–37%)

A Qwintry não cobra anuidade nem taxa para receber, despachar ou consolidar (juntar) pacotes, por isso, é considerada um dos redirecionadores mais baratos do mercado. Você só paga o empacotamento (de US$ 3 a 5) e o frete do Serviço postal dos Estados Unidos (USPS), que está disponível em três modalidades (do mais econômico ao mais rápido) e permite adicionar seguro à encomenda. Todos os envios têm código de rastreamento para você saber onde sua compra está.

A empresa também pode te ajudar se você tiver alguma dificuldade, não falar inglês ou se a loja em que você quer comprar não aceita cartões do Brasil. Basta enviar o link do produto para o serviço de compras assistidas “Ajude-me nas compras!”, que a Qwintry faz a compra para você. Você pode pagar em reais com cartão de crédito brasileiro ou internacional, transferência bancária e, até mesmo, boleto bancário.

Para saber mais detalhes e começar a comprar nos Estados Unidos, acesse o site da Qwintry. Acompanhe também as dicas de outros produtos que valem a pena importar dos EUA na fanpage da Qwintry no Facebook, onde você também pode tirar as suas dúvidas com o suporte ao cliente completamente em português, e no Instagram.

  • Artur Benchimol

    Wow

  • Alberto Prado

    A maior parte só vale a pena mesmo são produtos em que a marca tem status ou que não exista no Brasil.
    Se pega por exemplo um Galaxy S7 flat vc acha com bastante frequência aqui por R$ 2100 parcelado. Já teve até por R$ 1790,00. Lá no EUA ele tá entre 450 e 480 dólares fora frete (se não fora gratuito) e a despesa com esse serviço. Aí compara com o PS4 Pro custa 439 dólares e já bate os R$ 2100 com o custo do serviço. E tem que paga a vista.

    • Reginaldo Ribeiro

      PS4 na caixa pesa muito, mas muito mais que a caixa do s7 com um Smartphone de 150 gramas

      • Alberto Prado

        Mas não muda o fato em si. Pode compara com qualquer outro produto que não venda além de a marca tb. É só fazer a conversão e compara S7 BR com S7 EUA.
        USD$ 450 x R$ 3,15 = 1417,50 + 60% de taxa de importação R$ 2.268.
        E nem levo em consideração IOF que via ter que paga no cartão + o custo do serviço de Box e alguns estados até chegam a cobrar IPI + ICMS.

  • Carlos Taylor

    também podemos usar esse serviço para aqueles sites como o playfulbet que dão prêmio e alguns só estão disponíveis para o EUA..

  • Flavio Carmo

    Então, em uma conta rápida, o valor pago em Reais, com imposto e frete, ao comprar pela qwintry é apox. 5x o valor em dólar. Exemplo: comprei um produto de U$ 200 custará aproximadamente R$ 1000, dependendo do peso?

  • Fábio

    O maior entrave de compras nos EUA é que o parcelamento em boa parte dos casos não é viável.
    Aí só no cache, e que dependendo da loja que for comprar no Brasil, se consegue bons descontos.

  • Matheus

    Confiável?

  • Cazalbé

    Desculpe a ignorância…
    Essa empresa já cobra a taxação, certo?
    Então os produtos chegam mais rápido em minha casa?
    Esse tipo de remessa tem prioridade na Receita Federal ao chegar no Brasil ou eles ficam na fila iguais os que chegam pelo aliexpress, gear best, outros… ?

    • Assunção Jr

      Boa pergunta.

    • Bruno Stecanella

      No site deles tá explicando, a taxação é feita aqui, nos correios como qq outra encomenda que vc receba e sabemos bem como é o critério à caralha da receita federal para taxar esse tipo de coisa…

      • Ranner Barbosa

        se qualquer empresa que trabalhe com esse tipo de serviço, conseguir pular essa taxação que ja é praticamente “certa” hoje nos correios, ai sim valeria a pena :/

        • Julio da Gaita

          serviço conhecido como contrabando ? sim acho palhaçada isso tbm, mas num pode né colega… mas se souber como avisa aí… .)

    • LessTech

      Se trouxer via correios eles verificam as dimensões do pacote e fazem uma verificação não invasiva do conteúdo (raio-x). Quanto maior o pacote, maior a probabilidade de ser tributado. A depender do conteúdo e dos dados declarados na invoice haverá tributação, ou não.

      Se for via courrier (entrega expressa) haverá a cobrança de imposto, pois será tratada como uma importação formal.

      • Thiago Silva

        Por exemplo, se eu comprar o Xbox ali, naquele valor, serei cobrado com mais uma taxa aqui no Brasil? Tipo, 1.250 + taxas?

        • LessTech

          Não, os R$ 1.250 que eles mencionam já contempla os impostos.

          Normalmente é cobrada uma taxa fixa dos Correios (não lembro do valor, mas não chega a R$ 20) + impostos que giram em torno de 60% em cima do valor aduaneiro (valor do produto + frete, em dólares).

          Só tenha em mente que os R$ 1.250 que eles mencionam podem variar de acordo com a cotação do dólar do dia que for feito o registro de importação pela Receita Federal. Você pode pagar mais ou menos que isso.

          😉

  • Luis Henrique

    No mercado livre sai mais barato

    • DumbSloth87

      Exatamente, fui ver o iPad na Mercado Livre tá R$1850, bem mais barato!

      • Rafael Costa

        No Mercado Livre não colocam a importação. Esse aqui é o preço dele 100% legal.

        • Abraão Pereira de Sousa

          E os impostos, são legais?

          • PPKX XD ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

            Super legais, divertiiiiiidos

          • Nathan

            Nossa, que vantagem.
            “Olha aqui meu iPad com preço 100% legal!”

          • Julio da Gaita

            na Apple até o preço é divertido…rs

          • Jorge Luis

            os impostos são legais. O que não é legal é a falta de aplicação deles e a nossa preguiça de cobrar dos que deveriam fazer esse dinheiro retornar ao povo em forma de serviços. O brasileiro médio não liga para isso.

          • Abraão Pereira de Sousa

            “brasileiro médio”… : /

        • Jorge Luis

          Isso quer dizer que se eu comprar lá fora e por acaso não for taxado, eu estou fazendo algo ilegal?

    • Vitor Mateus Teixeira

      Não esqueçam de avaliar a procedência do produto no Mercado Livre! Tem carga roubada! Mas tem produtos comprados em leilões.

  • Keaton

    “A-DO-RO” – Correios e a Receita Federal, provavelmente…

  • Jack Silsan

    Esse post tem utilidade pública. Poderiam falar de outras empresas tipo essa Qwintry (se que é que há outras).
    Poderiam ter falado do preço dos Surfaces e de vários smartphones, tipo o Pixel. Muita gente sonha com esses aparelhos. Mas pelo menos dá pra imaginar o preço deles

    • Thiago Bernardo

      Tem algumas. Outra conhecida é a MyVipBox

    • felipelsp

      MyVipBox eh do Carlinhos Troll.. endereço fica na Flórida

    • Abraão Pereira de Sousa

      É post patrocinado mano..

      • Magnosama

        É desse tipo de publicidade que precisamos.

    • Myvipbox do Carlinhos Troll.

    • tem também a envios diretos.

    • LessTech

      Há outras. Já usei a da shipito.com, mas há outras.

  • Raph4 (Raphael Corrêa)

    Não esqueçam que muitos estados brasileiros cobram ICMS sobre produto + frete + imposto da RFB = em SC essa taxa efetiva fica na casa de 90% do valor da compra.

  • Lucas Bernardes

    Vale bastante a pena. Eu costumava comprar coisas da (aliexpress, gearbest e afins), porém desde o ano passado tenho usado esse site e tenho gostado bastante.

    • Abraão Pereira de Sousa

      Quer contar o caminho das pedras?
      Qual sua experiência geral…?

    • Cazalbé

      Conta aê sua experiência

    • Wand

      Tipo de comentário pra promover o site…

      • Lucas Bernardes

        Não preciso promover nada, amigo. Só dei a letra que é confiável para quem pretende comprar.
        Tô ai minha ultíma compra:
        http://prntscr.com/ejylvu
        http://prntscr.com/ejylba

        • Wand

          Isso, agora sim é um user que comprou e mostrou que a coisa funciona além da teoria…Não quis insultar, só partilhar do seu xp.. 😉

          • Lucas Bernardes

            haha tranquilo mano.

          • Julio da Gaita

            que treta heim, mas vlw pela info… .)

  • Não entendi como isso pode ser vantajoso. Vejam bem para um captador de guitarra que eu gostaria de comprar…
    O Global Shipping da Amazon sai mais barato que o frete da Qwintry. Considerando que o preço de “imposto Brasil” sugerido pela Amazon é real e o mesmo se fosse pedido pela Qwintry e que o Global Shipping da Amazon é mais barato, então é mais negócio comprar pela Amazon.
    Vejam na imagem a comparação dos preços:

    Talvez valesse a pena se o PRODUTO tivesse o “desconto Delaware”, já que lá não há imposto de venda… mas se o produto ta vindo de outra parte do US pra Delaware então vai ter imposto não é? Nunca vi um site de compras online dizer no carrinho: “Opa, vc está comprando pra Delaware? Então peraí deixa eu diminuir o preço pra você”.

    Não sei isso vale a pena mesmo. Nem entendi como o Tecnoblog fez os cálculos pra demonstrar isso. Seria legal eles dizerem como chegaram a essa diferença de valores…

    https://uploads.disquscdn.com/images/8cbddb168658424851b4761dae2cf7991f0609eb08e6266902985d2af8f9626a.png

    • felipelsp

      A ideia eh vc ter um endereço americano para sites q não enviam para fora dos EUA!!! Agora se tiver opcoes de entrega ai sim vale a pena ir pelo site

      • Mas eles citam a Amazon no texto.

        • Marsupial radical

          Porque tem vários produtos na Amazon que não são enviados pra cá.

          • Cazalbé

            A maioria dos produtos na Amazon não são enviado para o Brasil ;(

    • tuneman

      já ouviu falar nos Malagoli? =P

    • TJ

      Oi Erickson,
      Amazon sempre manda tudo por serviço expresso e a taxa de imposto fica por volta de 95%.

      Nas suas compras de até US$ 500, se você usar um redirecionador de encomendas e utilizar USPS (serviço postal dos EUA), a taxa de imposto será de 60%, se sua encomenda for tributada.

  • daniel

    Se eles mandam por UPS já vem sempre taxado, não? Essa taxa já tá inclusa nesses cálculos da postagem?

    • Eduardo Alvim

      Observar que USPS é uma coisa, UPS é outra. O primeiro é o correio estatal americano, que é o modo de frete utilizado pela anunciante. O segundo é uma empresa privada, concorrente da Fedex, por exemplo.

    • TJ

      Oi Daniel,

      Nas suas compras de até US$ 500, se você utilizar USPS (serviço postal dos EUA), a taxa de imposto será de 60%, se sua encomenda for tributada. Os cálculos no artigo assumem frete zero mais incluem os impostos (veja meu comentário em cima).

      Se é usado um serviço expresso (UPS, DHL) a taxa de imposto é sempre aplicada e fica por volta de 95%.

  • _KJ

    Uehhh, entendo, entendo o motivo da matéria.
    Massss, não temos para onde fugir (a não ser de fato fugir, se planejar e vazar) mas essa “era” findou-se em meados de julho/2014 quando o dólar começou a passar da barreira dos R$2,25, dali pra frente já eras, ainda mais com a RFB que cai matando mais do que nunca, Correios que conseguiram piorar os serviços, etc.

    Na Playfields, por exemplo, o PS4 Pro 1Tb está R$1.9K e o X1S + BF1 por R$1.3K. E é só chegar com a grana e sair com o game embaixo do braço, ali na hora e em localização fácil e nobre, não precisa ir lá na Cracolândia Walking Dead pros manos te puxarem pelo braço gritando “Preysteichon Preysteichon”.
    Mas enfim, é uma boa opção para produtos que de fato não temos disponível em nosso mercado. Eu só conhecia o MyVipBox e este em um estado com 0% talvez seja mais interessante.

    • Amigo, onde fica essa playfields?

      • _KJ

        Na Augusta.

    • Julio da Gaita

      opa bom saber.. e a garantia?

  • Magnosama

    Que matéria incrível.
    Muito obrigado mesmo.
    <3

  • Henrique Seraph

    O que ferra amais é a taxa de importo que varia muito…
    Comprei um Smart, o Ulefone Power, e o esperado era 200 Reais…

    Paguei R$389 para retirar, e isso pega de surpresa… se os correios informassem antecipadamente o valor a pagar seria ótimo

  • Esses valores aí está incluso o frete também?

  • Diogo Nóbrega

    O estagiário esqueceu os comentários abertos…

  • Odilon Costa Neto

    Não da pra comparar o preço do EUA e da Banania assim. Voces estão falando da diferença de valores como se fossemos embolsar a diferença, mas a verdade é que o frete pro Brasil e a put.. a obra da dignissima Receita Federal fazem esses produtos chegarem por um valor bem diferente no final das contas.

  • Marcos

    Ahhhh achei a discreta barrinha “Publieditorial”… tava achando muito puxa saco mesmo. Nada contra a vcs ganharem uma grana, mas a identificação de propaganda é muito sutil.

  • BassVix

    A Amazon faz um negócio do mesmo jeito, não é?
    Você compra lá e eles já embutem o valor das taxas, mas não sei como então chega aqui pulando o pente fino da Alfândega. 8-0

    Mais heim, alguém tem o e-mail desse José Silva, estou querendo comprar e usaria ele como laranja. rsrs

  • TJ

    Os cálculos aqui não incluem o preço do frete. E todos os envios contemplados são feitos por USPS (serviço postal dos EUA). Nesta modalidade de envio, a taxa de imposto é mais baixa, mais é importante ressaltar que a encomenda pode demorar 1-2 meses ou mais para chegar.

    No caso de MacBook Pro, o cálculo é errado, pois incide ICMS além de imposto de importação.
    Preço: US$ 2,399
    Frete: 0 (vamos supor)
    Imposto de Importação: US$ 1439
    ICMS: US$ 791
    IOF: US$ 153
    Cotação de dólar em 1 de março de 2017: 3,09
    O preço final é BRL 14,776, BRL1,400 acima do valor dado no artigo. Sem incluir o valor do frete.

    Para calcular impostos de importação ou acessar mais informações sobre o processo de importação, acesse lojasdoexterior.com.br