Há dois anos, a Tag Heuer anunciava seu primeiro smartwatch de luxo com Android Wear. Esta semana, ele ganhou um sucessor com design modular, software atualizado e preço salgado.

O Tag Heuer Connected Modular 45 custa US$ 1.600 e pode ser personalizado em diversos aspectos antes da compra, com diferentes cores e materiais para a caixa do relógio, pulseiras, fivelas e abas (parte onde se fixa a pulseira).

E quando o smartwatch se tornar obsoleto? Nesse caso, a empresa permite trocar a caixa do relógio (ou o dispositivo todo) por um modelo mecânico – o Calibre 5 ou o cronógrafo Heuer-02T.

A tela AMOLED de 1,39 polegadas é redonda sem o “pneu furado” do Moto 360, tem resolução 400 x 400 (287 ppi), e possui um anel ao redor que contém todas as antenas necessárias para Wi-Fi e Bluetooth. O relógio de 45 mm também conta com um sensor de luz ambiente: há um tubo de luz saindo do cristal de safira que chega à parte interna.

Por dentro do corpo totalmente de metal, temos o processador Intel Atom Z34XX, 512 MB de RAM e 4 GB de armazenamento. Você encontrará GPS embutido e NFC para pagamentos, mas nada de 4G nem monitor de frequência cardíaca.

São 13,2 mm de espessura. A bateria de 410 mAh tem duração média de até 25 horas. Ele é a prova d’água até 50 m, e há uma membrana para proteger o microfone.

Quanto ao sistema, temos aqui o Android Wear 2.0 com todas as suas novidades: uma interface mais intuitiva, Play Store para instalar apps sem usar o smartphone, Google Fit capaz de detectar exercícios automaticamente, suporte a pagamentos pelo Android Pay, entre outros. Também é possível personalizar o mostrador da Tag Heuer; são quatro mil possibilidades diferentes.

E segundo o The Verge, o Connected Modular 45 terá uma assistente pessoal da Intel. Ela terá lembretes por geolocalização, ativados quando você chegar em casa ou no trabalho; e será capaz de entender o contexto de perguntas. O recurso ainda não está pronto, mas virá em uma atualização futura e aparecerá em outros dispositivos também.

O módulo do relógio estará disponível nas cores prata e preto; as pulseiras serão de borracha, couro, titânio ou cerâmica, em diferentes cores; e será possível escolher alguns adornos, como ouro rosé e até diamantes. O modelo básico sai por US$ 1.600, mas quanto mais customizações, mais o preço aumenta.

O Tag Heuer Connected Modular 45 já está disponível para compra nos EUA, Reino Unido e Europa ocidental, Japão, Hong Kong, Austrália, Malásia e Cingapura.

Com informações: Engadget, The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Mickael Fernandes
Comprei um chinês completão, com android full (dá para instalar o que você quiser, respeitando a limitação do hardware), gps, leitor de batimentos, etc por R$280, hehe. Pelo que vi por aí, ele é relativamente bem conhecido e parece ser muito bom. Se entregar metade do que promete - e já vi que entrega mais -, pelo preço, está ótimo.
Gertrudes, a Lhama Morta

Quem tinha os smartwatches baratos e interessantes infelizmente morreu (Pebble) :(

Tem os chineses que pras funções bem básicas quebram o galho hahah

Gertrudes, a Lhama
Quem tinha os smartwatches baratos e interessantes infelizmente morreu (Pebble) :( Tem os chineses que pras funções bem básicas quebram o galho hahah
jesse moreira
Show! mas não vêm para o Brasil e se viesse eu não poderia comprar ($$$)! Mas desejo que quem puder comprar seja muito feliz com ele(s).
Mickael Fernandes
Gosto bastante da Tag Hauer, mas não pagaria esse preço num Smartwatch da marca, iria em um modelo comum justamente pela tradição. Porém gosto de relógios inteligentes, cogitaria se fosse bem mais barato.
Marsupial radical
Nem eu. Não consigo achar os benefícios pra desembolsar um dinheiro tão absurdo em algo que faz tão pouco, de forma tão simples.
Seraph

Não consigo gostar desse tipo de tecnologia...

Henrique Seraph
Não consigo gostar desse tipo de tecnologia...
Ricardo - Vaz Lobo
Está em primeiro lugar da minha lista dos desejos!