Início » Brasil » Uber lança categoria intermediária melhor que UberX no Brasil

Uber lança categoria intermediária melhor que UberX no Brasil

Por
16/03/2017 às 09h41
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

O Uber lança nesta quinta-feira (16) uma nova categoria para seu serviço no Brasil. O UberSelect é descrito como “luxo a um preço acessível”, e já estreia em 14 cidades.

A empresa promete carros mais confortáveis a um preço, em média, até 20% maior que o do UberX. É também uma chance de os motoristas com veículos melhores ganharem mais dinheiro em cada corrida.

O UberSelect estará disponível a partir das 12h nestas cidades: São Paulo, Campinas, Santos, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Campo Grande, Vitória, Recife, Salvador, Fortaleza, Porto Alegre e Curitiba.

Ele aparece como uma opção depois que você atualizar seu app:

Por que usar um nível intermediário do Uber? Bem, você deve ter notado que a qualidade dos carros no UberX vem caindo ao longo do tempo, à medida que essa categoria se populariza. Assim, talvez você queira um pouco mais de conforto sem pagar a tarifa do UberBlack.

O serviço já existe nos EUA desde 2015, e faz algumas exigências ao motorista: ele deve ter nota alta e um veículo high-end de modelo recente. No Brasil, o UberSelect exige apenas carros com ar-condicionado, 4 portas e 5 lugares, de modelo 2012 ou mais recente. (O UberX tem requisitos quase iguais, aceitando veículos de ano 2008 ou mais novos.) Esta é a lista completa:

Em São Paulo, o custo da viagem é calculado assim: preço-base de R$ 3,30, mais R$ 0,28 por minuto e R$ 1,53 por quilômetro. O preço mínimo é de R$ 8, assim como a taxa de cancelamento. Os valores são diferentes de acordo com a cidade.

Na tabela abaixo, comparamos o UberSelect com os serviços que concorrem com o UberX (99 Pop, Easy Go, Cabify Lite) e com o UberBlack (99 Top e EasyPlus+):

Em São Paulo, calculamos o custo para viajar da Av. Rebouças, 1000 até a Av. Paulista, 1000; no caso do Rio, analisamos quanto custa ir da Av. Atlântica, 1000 até a Av. Vieira Souto, 500.

Atualizado às 15h54

Mais sobre: ,
  • Marcos

    Muito falha a lista de carros da categoria. Está incluso HB20S, Nissan Versa e não está incluso o Toyota Etios Sedan, sendo que este possui muito mais espaço interno que os primeiros citados.

    • Allan Ferreira

      Desculpe amigo, mas o Etios Sedan é horrível e nem se compara com os carros que você citou, já tive o desgosto de dirigir um e olha… mais plástico e duro do que Uno.

      • veegh

        Concordo com sua opinião. O Etios, tanto o sedan quanto o hatch só tem lata. É horrível o acabamento interno. Você enxerga o cano o freio de mão.

      • Marcos

        Só que em espaço interno e conforto é muito superior. Trabalhei no Uber com um Etios Sedan e sempre ouvia que era o mais espaçoso que tinham andado.
        Tenho 1,80, e sobra espaço tranquilo para alguém da mesma altura atrás.

        • Mas se você quer passar a sensação melhor, precisa de acabamento interno melhor, nesse caso o Etios não passa, você entra e vê aquele monte de lata e um meio de painel de black piano forçado, parece chinês.

        • Lira

          Tenho um logan, e acontece a mesma coisa, tenho 1,86 e sobra espaço normalmente atrás, pra alguém do mesmo tamanho.

      • marcgtsr

        pode ser feio q doi, mas é muito mais confortável q esse hyundai

    • veegh

      Deve ser porque o Etios tem só lata e nenhum requinte interno.

    • Reinaldo RT

      na lista, só constam os melhores carros. etios é o lixo da toyota, o engana trouxa.

      • Marcos

        Sedan Compacto mais vendido, deve ser um lixo mesmo pra tanta gente comprar. Melhor custo x benefício da categoria, mas deve ser um lixo mesmo, se tu tá dizendo.

        • Reinaldo RT

          o mais vendido é o hb20s. o etios é o maior porta-malas da categoria. Fora isso, perde em tudo pro hb20, versa, cobalt…
          O espaço interno do versa é o dobro de conforto, um homem adulto consegue cruzar as pernas e não só sobrar espaço.
          Etios é uma porcaria, querido por alguns, detestado por muitos, por mim, inclusive.

          • Marcos

            HB20S é classificado como sedan de entrada, assim como o Versa.

  • Henrique Queirós

    o 99 está ganhando um espaço enorme… e logo logo chega uma aplicação focada em carona aqui no Brasil… e aí quero ver como vão lidar..

    • Filipestalen

      Que venha! Mais concorrencia, melhores serviços e preço justo!

  • Ricardo – Vaz Lobo

    Daqui À pouco, motoristas das diversas categorias do Uber vão estar espancando uns aos outros por falta de rumo da empresa.

    • Anderson

      Acho que é isso que a empresa está querendo fazer.

  • lista de carros aceitos

    • Felipe Ventura

      Obrigado, atualizamos o post!

    • Diego F. Duarte

      So n entendi o seguinte… Os kras aceitam o Fiat Stilo mas nao aceitam o Siena q e duma categoria superior (mas aceitam o Linea q e basicamente uma versao mais “rica” do Gran Siena).

      WTF de tabela e essa?

      Sem contar q pela tabela, basicamente pegaram o UberSUV e jogaram tudo dentro do Select no BR. WTF

      • Carlos Alves

        Siena não é categoria superior ao Stilo. Mas ainda assim está errado porque foi descontinuado no Brasil em 2010, no maximo tem versão 10/11.

        • Diego F. Duarte

          Falha minha… Mas ainda tem o Gran Siena q entraria na categoria de Sedan (inclusive ele era aceito no Black por isso). Mas se n me engano, o Stilo e basicamente um modelo esportivo.

          Mas bem, eu deixei de tentar entender mta coisa do Uber tem tempos, lol.

          • Daniel Madeira

            Não, velho! O Gran Siena está longe de ser aceito na categoria Black. Confira a lista. O único Fiat lá é o Freemont!

          • Lira

            Gran Siena 15 com os bancos de couro é aceito no Black.

          • Diego F. Duarte

            Sim, tecnicamente qualquer Sedan 12 p cima com banco de couro e aceito. A tal lista q ele flw eu ja tinha visto e e bem do inicio da operacao do Uber no BR. So q isso ja mudou um bucado.

          • Matheus De Bassi Bernardi

            Aqui em bsb não é aceito no Black não… E tem mais, aqui eles não estão nem cadastrando carros no Black.

          • Diego F. Duarte

            To ligado, tem umas cidades tipo RJ e SP tb q fecharam o Black tem um tempo.

            Motivo? Nao sei

          • Wag Mir

            ja voltou a cadastrar. motivo deve ser saturação

          • Wag Mir

            Siena até onde eu sabia, nunca foi black

            talvez em outra cidade, em SP naum

      • Alexandre Jesus

        cara stilo foi só até 2011 n caia na pegadinha e outra gran siena está longe de chegar aos pés do estilo com teto solar e do Linea Absolute. mesmo sendo um carro bom também.

    • Mickael Fernandes

      Hahaha, quero ver os “A”s, Cayennes, “Q”s, “S”s, “RS”s e “X”s no serviço. Qual será a lista do Uber Black? São carros melhores ainda? Haha.

      E JAC motors no Select?

      • Diego F. Duarte

        Sobre o JAC, faz total sentido. Nao e pq e Chines q deixa de ser Sedan ou Hatch. Na vdd, o prb dos chineses no Brasil foi a porca cadeia de distribuicao deles no inicio, mas hj e mais tranquilo de achar peças, e os carros melhoraram um bucado.

        Na vdd eu acho vários modelos da JAC e da Cherry MTO confortaveis, tho…

        • Mickael Fernandes

          Não mencionei a nacionalidade, amigo. Só sei que andei e achei a qualidade bem aquém para se estar num serviço como esse – que diz ter carros de gamas melhores que o UberX – e ainda ao lado de outros carros que, na minha opinião, não deveria estar na lista também justamente por estarem algumas categorias acima.

          Faço eng. mecânica, tenho veículos por paixão e hobby. Sei como está a situação dos chineses. Perceba que não citei o EC7, pois já andei e gostei. Também gosto da Lifan e, pelo preço, cogitei seriamente comprar um Lifan X60 (inclusive moro no mesmo condomínio de um dos responsáveis pela importação das partes da marca).

          A questão de design, conforto é subjetivo. Meu problema é com a qualidade e segurança. E, no que tange essa matéria do TB, a categoria/luxo.

          • Luciano Fernandes

            acho que nunca andou em um jac t5 ou j5 para falar que o carro nao tem conforto amigo. tive um j5 e tenho um t5 agora. e tambem tenho um onix na garagem, a jac é muito mais conforto que o onix 1.0 meu por exemplo. ale de beleza. mas a quem nao goste!

          • Mickael Fernandes

            No T, como motorista, não mesmo. Nos J, já.

            Comparar um Jac a um Onix não o torna um suprasumo. Nesse caso, para mim é bem óbvio que o Jac é superior, categorias diferentes, aliás.

  • Cortana

    A Uber anda tão cheia de frescuras e exigências com os motoristas, mas não se reflete na qualidade real. A cada dia vemos carros piores e motoristas cada vez mais despreparados.
    Os taxistas voltaram a ser melhores com o 99.

  • Pierre Diniz

    Então é mais fácil eles criarem uma categoria nova pra prestar o serviço decente que o UberX DEVERIA oferecer do que subir as exigências pra ingressar no UberX e passar a régua nos que não prestam?

    • Anderson

      A UBER não está nem aí para os parceiros dela. O que ela quer, na verdade, é encher a conta bancária de grana, e só.

    • Wellington Nascimento

      EXATAMANTE. Quem é Uber X, mas tem carro bom, com poucos anos de rodagem, atende todos os requisitos de conforto e etc, mas não é dos modelos do Select, fica prejudicado. Era melhor ter mais critério para aceitar carros do X do que criar uma categoria que vai canibalizar a outra.

      • Matheus De Bassi Bernardi

        Pois é cara, rodo em um new fiesta e minha nota é 4.97… Me lasquei nessa história

        • Wellington Nascimento

          Rodo num Gol G6 14, High Line.. 4,9 de média também… Ferrou

          • Gustavo Henrique Rocha

            Não acho que deva se preocupar. O X ainda é mais barato e creio que constinuará a ser o mais utilizado.

          • Wellington Nascimento

            Não tenho tanta certeza amigo..
            Desde ontem quando começou a valer o SELECT, ouvi relatos de colegas que ficaram 2Hrs ou mais aguardando por um chamado do Uber X.. Enquanto outros do SELECT alegaram grande movimento…

            Talvez seja pela novidade, e tal, mas creio que não. A diferença de preço é muito pouca. (primeiro falaram ate 20%, ma hoje recebi um e-mail que falava 10%).

            Enfim, vamos aguardar..
            Uso Uber como complemento de renda, mas quem depende unica e exclusivamente do UBER como renda, vai penar.

          • Gustavo Henrique Rocha

            É, vamos aguardar e ver no que vai dar. Ontem em uma curta distância no Rio de Janeiro vi que dava uma diferença de mais de R$ 2,00. Para curtas distâncias concordo que muda pouco mas para longas ainda acho que o X continuará sendo a principal escolha.

          • supernathan

            Vocês são praticantes e beneficiários do livre mercado, mas aí o mercado fica mais livre ainda e vocês reclamam? Haha
            Ou aceita auto regulamentação do livre mercado ou aceita regulamentação estatal e impostos, dispensar os dois não é uma opção haha

      • Grego Ioannis Vatos

        Tem espaço pra todo mundo. Nao é isso que vocês clandestinos falam pros taxistas? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
        a uber lancou o x pra fuder o black e agoras lanca esse select pra fuder o x kkkkkkkkk

  • Diego F. Duarte

    Ou seja… Um Cabify mais caro.

    Pq n lancaram o UberSUV aki logo?

  • Raposão do Ártico

    Que viadagem.

  • Leandro Gonçalves

    Pra mim,pouco importa o carro. Lógico,não quero andar numa lata de sardinha barulhenta. Mas tendo o basico dignamente,ta ótimo. Prezo pelo preço acessivel ,eficácia e bom atendimento.

    Mas cada qual é cada qual .Sempre ha mercado pra tudo. E ha os que preferem mais requinte na viagem .

    • Anderson

      Você disse tudo.

    • Ed

      Não entendo o mimimi contra os Palio, Gol e Fox no UberX. Ele é justamente a categoria popular, ué
      Na real, não consigo achar desconfortável um veículo de no máximo 8 anos de idade, com 4 portas, limpo e com ar condicionado ligado.

      • Carla Guedes

        Quando se tem ar condicionado ligado

        • Ed

          Até hoje ainda não peguei nenhum carro com ar desligado. Talvez minha cidade seja muito quente, rs

        • supernathan

          Se tá desligado é só pedir pra ligar.

      • Leandro Gonçalves

        Exato. Penso o mesmo.

  • Cortana

    A Uber fica nessa frescura de agua e balinha, eu não quero nada disso, Uber não é buteco. Quero carro novo, limpo e ar ligado, só. Mas ultimamente está difícil na Uber.
    Estou abandonando e usando o 99.

    • Ed

      Água e balas não são obrigatórios, ar condicionado é. Se estiver desligado você pode pedir para ligarem.

      • Anderson

        Ed, não adianta explicar. Esse tipo de passageiro acha que UBER é limusine. Antes, com os táxis, muitos reclamavam, não pegavam e preferiam ir de ônibus ou metrô. Hoje, mesmo com alguns carros considerados ruins, isso é culpa da UBER, que não possui critérios para selecionar os seus parceiros, algumas pessoas acham que devem depositar essa culpa nos ombros dos motoristas.

        • Diego F. Duarte

          Sim, agua e bala nunca foi obrigatorio. Isso era meio q uma cortesia que inventaram aqui, mas n existe em nenhuma outra operacao do Uber no mundo. O problema e q agora a galera inventou q precisa disso pro servico ser bom.

          Cara, apenas va do ponto A ao B, se tem bala ou n, n interessa.

          • Anderson

            Exatamente. Só que você sabe o brasileiro como é, se acha o top dos tops e desvirtua o serviço.
            Para você ter noção, após o passageiro embarcar, eu pergunto se aceita balinha, o tipo de música que quer ouvir e se ele deseja que eu ligue o ar condicionado, muitos dizer que não preciso ligar. Quanto a água, eu percebi que é muito raro alguém pedir, então não me preocupo em oferecer, sendo que para os que pedem, eu educadamente respondo que não disponho disso no carro, uma vez que é opcional.
            Iniciada a corrida, eu o conduzo com toda segurança e tranquilidade do ponto A ao ponto B e no final peço que não deixe de me avaliar. Não sei por que, diversos passageiros me avaliam mal, mesmo sabendo que não houve, pelo menos da minha parte, nenhum fato desagradável durante todo o trajeto, o que faz com que a minha média de avaliações caia consideravelmente, o que é injusto.

          • Ed

            Não faço ideia se é por isso, mas talvez as pessoas não apreciem que alguém lhes peça para avaliar. Na minha cidade o Uber estreou há apenas uns 2 meses, eu usei meia dúzia de vezes e até agora ninguém me pediu pra avaliar, mas eu avalio todos mesmo assim, rs

            Aqui alguns dispõem de balas, outros não, e água é bem raro. Ninguém oferece nada, apenas deixam ali no console para quem quiser pegar. Talvez tenha a ver com a cultura do local também, já que aqui as pessoas em geral não gostam muito de ser abordadas.

            O ar estava ligado em 100% das vezes porque a maioria dos passageiros prefere assim, então quem acha que está muito gelado que peça pra desligar, rs.

          • Anderson

            Isso não tem nada a ver. Na verdade, a própria UBER nos informa para agir assim, não pedindo para receber uma avaliação cinco estrelas, mas para que o passageiro não esqueça de avaliar a corrida após ela ser encerrada. Obviamente, cada região possui uma cultura diferente, o que pode, ou não influenciar na maneira como cada usuário avalia o serviço, mas considero um exagero alguém dar nota baixa para um motorista pelo fato de ele ter dito: “Por favor, não deixe de me avaliar após a corrida, sua avaliação é muito importante para mim.”
            Quanto as balas e água, há passageiros que, por incrível que pareça, esperam o motorista oferecer. Se, por um acaso, ele não o fizer, existe, a partir daí, a possibilidade de ele ser mal avaliado, uma vez que deixou de perguntar se a pessoa queria ou não.

  • Sacanagem não estrear em Ribeirão Preto também.

    • GuiMCFantoni 96

      Porque é uma cidade pequena perto das capitais

    • Reinaldo RT

      logo entra. A uber vai a pinceladas.

  • Carlos Alves

    Minhas ultimas experiências com UberX no Rio não foram nada melhores do que com taxis. Os carros não são melhores, inclusive já peguei Palio e Clio que são bem apertados e não podem ser taxi no Rio, e os caras seguem o GPS cegamente sem conhecer o caminho. Só restou o preço mais em conta mesmo.

    • grande_dino_2

      A parte do “seguem o GPS cegamente sem conhecer o caminho” foi o argumento do secretário municipal dos transportes de SP contra usar o serviço também.
      E esse é um ponto interessante da diferença entre taxistas e uber.

      A primeira categoria, em tese, conhecem (ou tem de conhecer) bem a cidade e, eu pelo menos, até hoje nunca peguei um taxista que tenha usado o GPS. Muitos andam com um no carro hoje em dia, mas nunca vi sendo usado.
      A segunda categoria, em contrapartida, custa menos (em tese também), mas dependem mais do GPS, o que pode ser mais perigoso porque ele tem que dividir a atenção entre os comandos do GPS e o que está acontecendo no trânsito.

      • Anderson

        Eu dirijo UBER para complementar minha renda no fim do mês e lhe digo: faço uso do GPS e dirijo ao mesmo tempo, sem correr nenhum tipo de risco, uma vez que, como de costume, sigo a risca um dos maiores mandamentos do bom motorista, que é conduzir o veículo com o máximo de atenção. OK, vez ou outra, já que não sou perfeito, aliás, ninguém é, me distraio entre uma conversa é outra, mas nada que faça de mim um possível causador de acidentes. Então, não generalize.

        • grande_dino_2

          Meus parabéns.

      • Reinaldo RT

        Não, meu filho, não é nada disso.
        Taxistas também usam o gps (waze na maioria). Os que não usam e “dizem” que conhecem os caminhos (mentira maior impossível) são os mais mal intencionados, já que ganham mentindo pro passageiro dizendo ser o melhor caminho, quando sempre é o pior. Em SP, são 2,75 por km a mais rodado e 0,55 por cada minuto a mais.
        Uber usa quase que obrigatoriamente o gps (waze), salvo raras situações de exceções por vários motivos: são monitorados pra segurança dele e do passageiro, porque o valor pro passageiro é fixado de acordo com o trajeto pré-analisado do aplicativo (waze), pro passageiro não correr o risco com trajetos adicionais obscuros como fazem os taxistas, pra que o tempo informado de chegada informado ao passageiro seja cumprido etc.
        Por favor, se não conhece, faça perguntas pra que alguém que entenda poder ajudá-lo a entender também, mas jamais use a subjetividade pra tentar argumentar ou justificar o que sequer imagina.
        Não caia na pilha dos desavisados inconsequentes pra não se tornar um estúpido igual.

        • grande_dino_2

          Vamos lá, separar as vozes.

          O que diz o secretário do transporte de SP (fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2017/03/1866575-secretario-de-doria-diz-a-vereadores-que-nao-usa-uber-por-qualidade-ruim.shtml )

          “São dependentes do GPS, do Waze”, disse o secretário, no início do mês. “Não conseguem virar uma esquina sem se distrair olhando para o celular, o que diminui a qualidade da segurança.”

          Eu concordo com isso?
          Não sei. Nunca usei uber, nunca precisei.
          Comentei a fala desse secretário porque vai ao encontro do que disse o Carlos Alves.

          O que eu disse que acho interessante.
          A diferença entre taxi e uber.
          Na minha experiência, nunca peguei um taxi que usasse GPS (seja gps automotivo, tipo TomTom, seja aplicativo, tipo Waze).
          E, pelo menos há uma época, taxistas precisavam, até onde eu saiba (posso estar enganado também), conhecer a cidade para conseguir o alvará. Claro que com a farra dos aluguéis de alvará esse requisito pode ter mudado. Mesmo assim eu nunca peguei um taxi onde o taxista usasse um GPS.

          Sobre o uber, eu falo sobre o uso de GPS baseado em relatos alheios, que eu imagino tenham alguma acurácia. Não vejo motivos pelos quais as pessoas iriam ficar mentindo sobre motoristas do uber usando o GPS o tempo todo.
          Mas a questão do uso do GPS é que ele é um fator extra de distração no carro. Muitos podem dizer que o GPS não distraí, que são atentos no trânsito e tudo mais, mas é o mesmo argumento dos que conversam no celular enquanto dirigem. Parece que não afeta, mas num olhar mais atento, fica claro que tem um efeito em alguns motoristas.

          Se o uso do GPS pelo uber é um fator que dá mais segurança tarifária ou não, são outros quinhentos que eu nem entrei e fica, suponho eu, claro que quando eu menciono a segurança, estou falando sobre segurança no trânsito, e não outros tipos de segurança (tarifária ou sequestros, ou sei lá).

          • Reinaldo RT

            Caro, o secretário não dirige, tem um motorista. Não tem competência e capacidade de avaliar.
            Você tem carro? Se sim, usa o waze? Sente-se como uma ameaça ao trânsito ao seguir os caminhos do aplicativo?
            Eu uso e nunca olho a tela do celular, pois há uma “voz” que diz vire à direita; vire à esquerda…
            Passageiro entra no carro e enfia a cara no celular. Sequer olha pela janela pra saber se tá chovendo ou sol. São poucos os simpáticos que resolvem bater um papo e descontrair pra tornar a viagem mais agradável.
            Como disse, não caia na pilha dos desavisados, pois são estúpidos.
            São 9 milhões de usuários mas só uns 200 palpiteiros.

          • grande_dino_2

            O secretário passou a vida toda tendo motorista, nunca aprendeu a dirigir é?
            E o que faz alguém ter competência e capacidade para avaliar? Saber fazer? Se for, você deve jogar fora a avaliação de muita gente sobre muitas coisas.

            E vamos lá novamente.

            Carro? Uso, não com tanta frequência.
            Uso gps/waze quando dirigo? Não, estudo o caminho antes e vou na raça. Ou vou com um “co-piloto”.
            E parabéns se você nunca se distraí com o GPS. Muitas pessoas também diziam que falar no celular e dirigir ao mesmo tempo também não era distração. Muitas pessoas também acreditam que conseguem digitar uma mensagem no celular enquanto dirigem sem se distrair (enquanto está parado no semáforo).

            Mas confesso que não tenho dados mostrando que o GPS é um fator de distração relevante na direção. Assim como não tenho dados mostrando que não é. Apenas exemplos anedóticos mostrando que pode ser, assim como exemplos anedóticos mostrando que pode não ser. Conclusivo? Não.
            Claro, concordo que sabendo usar e usando bem, dá para se diminuir os possíveis riscos, uma vez que se diminuiu o nível de distração. Mas disso para “a maioria dos motoristas sabem como usar e usam bem o GPS” é um grande salto.

            O fato do passageiro sequer reconhecer que existe um motorista significa o que exatamente? Qual a lógica desse seu argumento? O passageiro não querer saber do motorista tem alguma relação com o motorista ser bom ou ruim? Ou você está dizendo que o secretário provavelmente é um desses passageiroa que não querem saber do motorista e, portanto, o argumento dele é inválido e provavelmente foi usado apenas como forma de diminuir a credibilidade do uber?
            Talvez ele seja um desses, talvez não.

            Não sabemos, mas isso não afeta em nada a segurança de se dirigir dependendo de um GPS.

            E tem 9 milhões de usuários, com 200 palpiteiros. O que não quer dizer que esses 200 palpiteiros não tenham razão ou que o que eles palpitem não seja o que uma boa parcela dos outros 8.999.800 usuários pensem.

          • Reinaldo RT

            meu filho. o maps e o waze, principalmente este por ser o mais usado, já que de acordo com o trânsito indica alternativas, são diferenciais que entraram com mais força na vida do cidadão de uns 4 ou 5 anos pra cá.
            Antes, alguns usavam aqueles aparelhos de gps que só dava a rota, e eram poucos. As facilidades da internet e fugir do trânsito tornaram o waze imbatível.
            O secretário é um mané, fala sem conhecimento, duvido que ele tenha usado o waze mais que o trajeto da casa dele até a escolinha do neto, se é que já usou algum dia.
            Ele não tem capacidade mesmo, nem muito menos competência pra falar alguma coisa. Quem pode dizer é só que usa todos os dias e mais que trajetos esporádicos até o mercado, ou até a balada de local desconhecido.
            Sua declaração é puramente tendenciosa e política, provavelmente por ter algum interesse financeiro em não aceitar que a Uber ganhe essa concorrência (sabe exatamente os motivos dele ter dito isso, né? tá iterado nos fundamentos da reportagem, imagino).
            O uber (ou similares, já que tb existe a 99pop, easgo, cabify, etc.) é aprovada por mais de 70% dos usuários e o waze nunca foi questão de discórdia, exceto pelas palavras esdrúxulas e sem nenhum sentido desse político. Ao contrário, os usuários ADORAM o waze por causa do trauma que os taxistas causaram por décadas sempre roubando do passageiro e dando voltinhas pra ganhar mais. Com o waze acabou a mamata, além do próprio passageiro poder indicar o caminho preferido e orientar o motorista, se for sua vontade.
            dos 200 palpiteiros, por amostragem, 150 discordam das palavras imbecis desse sem vergonha, logo, diminua sua conta pra 8999950.
            Vou repetir, meu filho. Já que vc não usa o waze, não caia na pilha dos inconformados que tentam convencer que o pior e 2x mais caro é melhor, pois não é. E as estatíticas de usuários que usam os aplicativos, cada dia maior, tá aí pra confrontar esse estúpido desse secretário.
            Não seja mais um deles.

    • Burnerman_X

      E com multiplicador alto, nem isso resta as vezes.

      • Reinaldo RT

        caro, quero acrescentar que preço dinâmico de 3x na uber ainda é cerca de 40% mais barato que taxi, para o mesmo trajeto na mesma hora.
        Por favor, informe-se melhor.

        • Lucas Ribeiro

          lolwut

    • Anderson

      Cara, a UBER oferece um serviço de CARONA PAGA, e não de táxi. Pelo que vejo, você, assim como muitos usuários, ainda não compreendeu o objetivo do serviço e como ele funciona.

    • Reinaldo RT

      Taxistas também usam o gps (waze na maioria). Os que não usam e “dizem” que conhecem os caminhos (mentira maior impossível) são os mais mal intencionados, já que ganham mentindo pro passageiro dizendo ser o melhor caminho, quando sempre é o pior. Em SP, são 2,75 por km a mais rodado e 0,55 por cada minuto a mais.
      Uber usa quase que obrigatoriamente o gps (waze), salvo raras situações de exceções por vários motivos: são monitorados pra segurança dele e do passageiro, porque o valor pro passageiro é fixado de acordo com o trajeto pré-analisado do aplicativo (waze), pro passageiro não correr o risco com trajetos adicionais obscuros como fazem os taxistas, pra que o tempo informado de chegada informado ao passageiro seja cumprido etc.
      Por favor, se não conhece, faça perguntas pra que alguém que entenda poder ajudá-lo a entender também, mas jamais use a subjetividade pra tentar argumentar ou justificar o que sequer imagina.
      Não caia na pilha dos desavisados inconsequentes pra não se tornar um estúpido igual.

      • Carlos Alves

        Falei de experiência própria, não analisei o mercado de transporte. Quando eu digo para um taxista o local certo com uma boa referência ele sabe pra onde ir. Conheço bem os picaretas que rodam por aí, mas por não morar em área de turismo e ter o sotaque local não sou o alvo desses caras. Já aconteceu do Maps ficar recalculando rota e o Uber passar duas vezes no mesmo lugar, e ia fazer o retorno de novo, até que eu e o outro passageiro intercedemos.

        A experiência de quem faz o mesmo caminho todo dia conta muito, as vezes o Waze aponta uma rota que naquele momento é a melhor mas você sabe que pelo horário a chance de complicar rápido é grande.

    • Lira

      Ele segue o GPS, pq o GPS da a rota que o passageiro selecionou.
      Quando for assim, ajude o motorista, diga que tem um caminho mais rápido e indique-o.
      Pra ele é bom e pra você tb.
      Quanto mais rápido a viagem for feita, melhor experiência pros dois.

      • Carlos Alves

        A maioria pergunta e eu mesmo escolho seguir o Waze, o que acontece é que como não conhecem o caminho acabam caindo nas armadilhas do transito, tipo perder uma saída que fica mal sinalizada (sempre acontece na Linha Vermelha), cair em uma faixa que é mais lenta por causa de ponto de ônibus. Tem que avisar os caras o tempo todo. Só uma vez o próprio motorista percebeu que o Waze apontava um trajeto sem muito sentido (sair da via expressa para depois retornar mais a frente), aí me perguntou o que fazer.

        • Ed

          O Waze é excelente para ver os congestionamentos, acidentes, etc, mas acho a elaboração das rotas dele bizarra. Ele cria rotas com excesso de conversões, trânsito por ruas estreitas e subestima o tempo do trajeto. Acho as rotas do Google Maps melhores, e a estimativa de tempo dele mais precisa.

  • Reinaldo RT

    Pro passageiro é melhor porque ao chamar um carro saberá que está num carro mais novo, mais espaçoso, muito melhor.
    Pros motoristas é melhor porque é inaceitável ter um carro novo e pagar a mesma coisa que as tranqueiras 2008, 2009, 2010 da uber. Esses unos, clios, c3, palios da vida deviam ser excluídos.

    • Lira

      Quem sofre somos nós com Renault logan 16, Pq não entra no Black, aí vem a select e tbm não está selecionado. Aí você vai correr atrás da história e o logan saiu como um dos melhores carros pra transporte de passageiro.
      Só matando essa uber.

  • Burnerman_X

    E o Uber completamente perdido…..

    Mais um sinal que a qualidade do Uber X irá ladeira abaixo.

    • Reinaldo RT

      o problema do uber x é que desce fevereiro/16 a uber passou a aceitar as tranqueiras. Antes selecionava os carros, depois passou a aceitar palio, gol, fox, uno, corsa e todos esses lixos horriveis e, pior, os velhor de 2008, 09, 10…

      • Diego F. Duarte

        Eu nem vejo problema no carro ser de 2008/2009 nao. Tem mto carro “velho” por ae q ta em melhor condicao do q alguma tranqueira 2016, e so dar manutencao DIREITO no carro.

        O problema do conforto e q simplesmente passaram a aceitar subcompactos, a unica coisa q detonou foi isso.

      • Anderson

        Sou dono de um Palio, não o modelo antigo, e sim o novo, adquirido em 2016, 0 km. Apesar de possuir um motor 1.0, ele é um carro que possui um bom espaço interno e que chama a atenção dos passageiros, que muitas vezes fazem questão de me avaliar com cinco estrelas, não só pelo atendimento, como também pelas condições em que o meu veículo se encontra.
        Não sei se você sabe, mas cada avaliação negativa que você dá ao motorista, devido ao carro que ele dirige, sem avaliar, na verdade, as únicas coisas que realmente importam, que são: cordialidade, estilo de direção e atendimento, em vez de balinhas e água, joga a média de avaliação do sujeito lá pra baixo e faz com que a UBER possa, caso a média esteja abaixo do mínimo exigido, bloquear ou até cancelar a conta do parceiro, sem que ele ao menos possa se defender. Isso, além de injusto, mostra que muitos passageiros, como você, não entendem que o UBER é um serviço de CARONAS PAGAS, o que dá a quem é dono de um veículo a possibilidade de obter uma renda com um bem que antes só lhe dava despesas. Sendo assim, de que não seja um carro muito desconfortável, é possível, sim, ele estar prestando tal serviço, sem a necessidade de alguém o estar criticando negativamente. Portanto, pare com isso e utilize o serviço com consciência.

        • Reinaldo RT

          Eu citei o carro. O palio é um carro muito muito ruim. Porém, também citei os anos. Esses carro não seria aceito se tentasse o cadastro em dez ou jan/2016.
          Acha justo um motorista com um cobalt 2012, 13… 2017 ganhar a mesma coisa que um palio 2008, 2009… 2016?
          Sabe se a cabify, maior concorrente da uber e ganhando espaço a cada dia, aceita esse seu carro? Sinto, mas não preciso responder.
          O passageiro avalia o serviço, mas o conforto é essencial e se fosse um diferencial, como não é na uber, mas é na cabify e na 99, que se avalia não só o serviço do motorista, mas também o CARRO, não estaria tão bem assim.
          Tanto que após perder mercado de montão por causa exatamente dos carros, a uber resolveu separar as tranqueiras.
          Por fim, vc tá enganado. Não sou só passageiro (sou também).
          Sou motorista, tenho um versa sl cvt 2017 e não me conformava, até hoje, ganhar a mesma coisa na uber dos que dirigem tranqueiras igual ao seu carro que nem taxi pode ser (com o perdão da expressão, é um ótimo carro pra uso doméstico, mas não serve pro serviço de motorista com outros tantos muito melhores pra dirigir com apps).
          Por causa disso, também sou motorista da cabify e 99. Cá entre nós, como motorista, cabify é melhor que uber, mas a demanda ainda é menor.

          • Anderson

            Pelo que vejo, você está muito mal informado. O Novo Palio, para a informação, não é uma tranqueira, muito pelo contrário. E outra, ele também é aceito pela Cabify. Eu fiz o meu cadastro, porém, como ela ainda não está operando aqui em Salvador, esse processo está pendente.
            Eu já levei, inclusive, um passageiro em um bairro nobre, um dos bairros que possuem um dos metros quadrado mais caros da cidade, que não só o achou um belo carro, e com um ótimo espaço interno, como também afirmou que futuramente adquiriria um, após ter andado no meu.
            Acho bom você se informar melhor.

          • Reinaldo RT

            Meu filho, mal informado é vc. Ou troca de carro ou contente-se só com a uber.
            Sabe quando a cabify vai te chamar com esse carro? NUNCA.
            Seu Palio é week? é o adventure? Não? Esquece.

          • Anderson

            “Meu filho”, não vou entrar nesse debate contigo, haja vista não ser necessário. Quando a Cabify chegar aqui e impuser os seus critérios é que será possível saber se o meu carro se enquadrará no serviço ou não. Até lá…

          • Reinaldo RT

            boa sorte! Mas sempre há a possibilidade da cabify querer aceitar tudo como a uber, apesar de discursar veementemente o contrário.
            Abre o site e vai ver, não precisa debater comigo. Veja você mesmo.
            http://www.cabifydicas.com/carros-aceitos-no-cabify/

  • Ramon Gonzalez

    Acho q tava faltando mesmo. Tenho um camarada q dirige Uber e o carro dele se enquadra justamente nessa faixa entre o X e o Black. Agora tá melhor.

  • Breno

    Uber Select tá disponível há um tempão no Brasil e se chama Cabify.

    • Reinaldo RT

      é por isso quer a uber tá perdendo mercado.
      lançou por causa da cabify

      • Diego F. Duarte

        Nao duvido q seja por isso

    • Anderson

      Pena que ainda não chegou em Salvador.

  • Marcelo Ferraz

    Se a uber realmente fosse legalizado não precisaria de liminar parar atuar ou depender de decreto e outra porque o congresso não regularizou quando podia ja que estava pronto o regulamento sera que esse aplicativo se interessa pela regularizacao ou esta se pagando algo por fora ja que os presidentes das duas casas estao na lava jato e para tudo ha regulamentacao querem concorrência entao entra na mesma regra do jogo .

  • Josias Beltrami Acauan

    Quem se ferra de verdade são os motoristas do Black.

  • Eleonora Dias

    O problema é que a tarifa paga pelo uber num carro maior, tipo SUV, no meu caso, não compensa porque mal cobre o gasto com gasolina. Agora 2012 já não resolve nada, porque nosso carro é 2010. Tem todo conforto, bancos de couro, ar, 5 passageiros, etc, e está novo, mas é 2010 modelo 2011. Então é melhor um 2012 com 150.000 km é super rodado. Carros tem que ser avaliados um a um. A willgo tem essa diferenciação, afinal, se você está com a família ou vai viajar, precisa de um carro maior. Não é só uma questão de conforto.

  • Ricardo – Vaz Lobo

    Fiz uma simulação ontem num trajeto conhecido: R$ 10 no UX; R$ 12 no Select e R$ 16 no Black.

  • Vitor Fernandes

    Sim Galera… E a situação da Spin LTZ 7 lugares ninguém falou, to vendo na lista o Nissan Livina mas a Spin passou longe, não acho justo uma nave feito esse carro ficar fora, pois o mais é mais carro que o Livina e acredito ser o melhor da categoria Mini van.

  • Rodrigo Rocha

    E a porcentagem que o Uber cobra, sabe-se que no X fica com 25% e no Black 20%.

    No Select qual seria? 22,5%???