Tecnoblog

Microsoft anuncia Surface Laptop com Windows 10 S

Notebook premium para um sistema não premium

A Microsoft apresentou nesta terça-feira (2) o Windows 10 S, uma versão voltada para o mercado educacional. E o primeiro notebook da empresa com o novo sistema operacional é o Surface Laptop: uma máquina com tela de 13,5 polegadas (2256×1504 pixels), bateria de longa duração e design de alumínio.

Diferente do Surface Book e do Surface Pro, o Surface Laptop é um notebook tradicional, com tela sensível ao toque, mas que não se destaca para virar um tablet. Apesar disso, o foco no segmento premium se manteve: ele pode ser equipado com processadores Core i5 ou i7 de sétima geração, até 16 GB de RAM, até 512 GB de armazenamento em flash, e promete aguentar 14,5 horas longe da tomada.

A empresa diz que o Surface Laptop é mais potente que o MacBook Pro com Core i7 e tem mais bateria que qualquer MacBook Air. O notebook possui 1,5 cm de espessura, pesa 1,25 kg e tem portas USB 3.0 (que não é USB-C) e Mini DisplayPort. A tela multitouch (com proporção 3:2) suporta os acessórios Surface Pen e Surface Dial, vendidos separadamente.

Mas o principal detalhe é que ele roda Windows 10 S, uma versão que suporta apenas softwares baixados da Loja do Windows; ele pode executar tanto os aplicativos universais (UWP) quanto os programas Win32 portados. Há restrições, portanto: você ainda não pode utilizar o Photoshop ou o Premiere no Surface Laptop, a não ser que faça o upgrade para o Windows 10 Pro (grátis até 31 de dezembro).

O Surface Laptop será lançado nos Estados Unidos em 15 de junho. A versão menos cara, que custará US$ 999, será equipada com Core i5 e 128 GB de SSD.