Início » Negócios Telecom » Grupo escandinavo vai assumir controle da Nextel por US$ 200 milhões

Grupo escandinavo vai assumir controle da Nextel por US$ 200 milhões

Por
20 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Endividada até o pescoço, a Nextel Brasil só tem uma saída para a sua história não ter um desfecho trágico: vender as suas operações. Esse processo já começou. Nesta terça-feira (6), a NII Holdings anunciou um acordo no valor de US$ 200 milhões que fará o grupo escandinavo AINMT assumir o controle da operadora.

A NII Holdings é a controladora atual da Nextel. Após o último balanço, divulgado em maio, a companhia alertou acionistas e o mercado sobre o ano difícil que a operadora está enfrentando, de um lado por conta da crise econômica e política do Brasil, do outro, devido ao número cada vez menor de usuários adeptos da iDEN, a rede com tecnologia de rádio digital oferecida pela Nextel.

Loja Nextel

Na ocasião, a NII Holdings deixou claro que, se não recebesse aportes ou conseguisse renegociar dívidas, a Nextel teria grandes chances de dar calote. Mas, com o recente acordo, a operadora ganha fôlego para tentar reestruturar as operações.

Vai ser assim: a AINMT, que já opera na Dinamarca, Suécia e Noruega com a marca Ice, fará um investimento inicial de US$ 50 milhões e, assim, assumirá uma fatia de 30% da Nextel Holdings, subsidiária da NII Holdings que controla a operadora.

Depois disso, a AINMT terá a opção de investir mais US$ 150 milhões na Nextel. Se fizer isso, a companhia passará a deter 60% de participação na Nextel Holdings, ficando os 40% restantes com a NII Holdings. Note que, com essa proporção, a AINMT terá controle majoritário da Nextel.

O grupo escandinavo tem até 15 de novembro para executar o aporte adicional. Se isso for feito, as partes envolvidas terão que concluir o repasse da participação de 60% até o final de janeiro de 2018.

Não é um negócio simples. A conclusão dependerá de vários fatores, incluindo aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), aval de acionistas e renegociação de dívidas, que não são poucas: a Nextel encerrou 2016 devendo US$ 756 milhões.

Nextel - sede

Atualmente, a maior base de clientes da operadora está concentrada no eixo Rio-São Paulo. Para as demais partes do Brasil a companhia depende da infraestrutura da Vivo. Com a chegada da AINMT, a Nextel alimenta não só a esperança de tirar a corda do pescoço como também a de atuar com rede própria em outras localidades.

A expectativa de crescimento da Nextel junto com a intenção de marcar presença no Brasil pode explicar o interesse da AINMT pelo negócio. A venda parcial ou total da operadora é esperada há algum tempo, mas havia a crença de que a oferta viria da Claro, TIM ou Vivo. Nesse sentido, a negociação com a AINMT é uma grande surpresa.

Uma surpresa positiva, é verdade, mas só até certo ponto. O buraco em que a Nextel se meteu é tão fundo que os US$ 200 milhões só darão um alívio mesmo. Provavelmente, a companhia precisará de outro aporte generoso no futuro. Isso pode resultar na sua venda total.

Com informações: Valor, Estadão

Mais sobre: ,
  • Manoel Guedes

    Esperando um pregador da Igreja dos Filhos do Tim Beta aparecer para fazerem suas pregações…

    • CtbaBr

      Amém!
      Sem ironias, eu tenho um Claro, meus pecados estão parcialmente pagos!

    • Diogo Nóbrega

      Ah mas a Tim já é controlada por uma empresa italiana, 20 GB, 50 reais, etc.

    • Leandro

      Quanto rancor…

  • Jefferson Rodrigues

    Na minha cidade, ela só tem umas três torres instaladas. Nem propaganda dela chega aqui.

    • brunocabral

      Aqui no interior do Rio a qualidade do serviço da Nextel é excelente e a um preço competitivo.

      • Jefferson Rodrigues

        To satisfeito com a TIM e a OI. Nem faço questão de ela vir pra cá.

    • Yago G. Oliveira

      E aqui tem 19, sendo que as outras tem 12 no máximo. E nem propaganda ela faz. Me diz se não estão jogando dinheiro fora? Imagine no resto do país.

      • Jefferson Rodrigues

        Não vi nada demais nos planos dela. Prefiro a TIM e a OI. Bem melhores que ela.

        • Yago G. Oliveira

          Exatamente, a Nextel fez investimentos altíssimos e hoje não tem um plano que preze ao menos para a utilização dessa rede.

          • Jefferson Rodrigues

            A porto segura é outra que não tem nenhum plano interessante. São caros em relação às quatro operadoras. Nenhuma das duas me faz falta.

      • LuizF

        Aki não tem nenhuma torre, não tem nextel aki (RS). Mas tem propaganda huehueheu

  • Só pra constar: a AIMNT tem como especialidade montar redes de dados 4G usando frequencias mais baixas (Dinamarca, Suécia, Indonésia e Filipinas; somente na Noruega é uma operadora “mais completa”).

    Eu não me surpreenderia se a Nextel desse uma virada pro foco em dados. E acho que agora resolver a confusão do refarming da faixa de 800MHz para 4G passou a ser essencial.

    • brunocabral

      A Nextel é excelente no 3G

    • Diego F. Duarte

      Lembre-se q temos um latifundio em 450Mhz livres no Brasil e nenhuma operadora quer utilizar por mimimi. Lembre-se que as Scandinavas ja tem operacoes maduras nessas frequencias. Inclusive varios equipamentos que operam no mundo usando essa frequencia tem tecnologias e patentes brasileiras, dado q fomos os primeiros a testar LTE nessa frequencia. (Ola CNPQ)

      Infelizmente nao temos um orgao regulador decente nesse momento q possa retomar as licencas nao usadas como deveria, dado q ja tem quase 2 anos q elas foram leiloadas, enfim… E o pior e que na epoca houve uma operacao de guerra pra tornar essa faixa disponivel, pra simplesmente jogarem fora.

  • Frink, o cientista

    Não tem algo errado nessa conta ? Como uma empresa que encerrou um ano devendo 756 só vale 200 ?

    • Trovalds

      Má gestão. Simples. Existem várias empresas por aí que devem bem mais o que valem. Por aqui mesmo tinha uma rede de supermercados que deve R$ 180 milhões só em impostos estaduais, fora dívidas trabalhistas e outros. E quando decretaram a falência do grupo os ativos somados não valiam R$ 10 milhões.

      Você vai dando garantias a seus credores de que vai quitar a dívida e vai sanar a empresa. Hoje paga a primeira parcela de uma dívida que negociou, amanhã não paga e por aí vai.

  • Não entendi esse parágrafo:

    “A NII Holdings é a controladora atual da Nextel. Após o último balanço,
    divulgado em maio, a companhia alertou acionistas e o mercado sobre o
    ano difícil que a operadora está enfrentando, de um lado por conta da
    crise econômica e política do Brasil, do outro, devido ao número cada
    vez menor de usuários adeptos da iDEN, a rede com tecnologia de rádio
    digital oferecida pela Nextel”

    Quando eles entraram no 4G, esses fdp fizeram os clientes trocarem o iDEN por 4G a todo custo, agora tão se ferrando por causa disso? Acho pouco.

    Eu fui cliente Nextel por 1 ano e foi o pior erro que cometi.
    Aqui no Rio só funcionava no meio do Centro, e se você não tivesse nenhuma folha de papel entre você e a torre. Não tinha um ambiente com teto que eu entrasse e mantivesse o sinal.

    Aliás, tinha. Minha casa que era com visada para uma antena, mas por motivos óbvios eu não dependia tanto assim da internet deles lá.

    Região dos Lagos a Nextel nem sabia que existia no mapa.

    • brunocabral

      Aqui no interior do Rio funciona super bem. Tanto quanto a Vivo e melhor que a Tim. O pacote de internet deles é o melhor que tem. 8 Cunhas por 1 GB

      • Luiz Henrique

        Eu uso aquele Nextel Happy e funciona bem aqui, quando não tem sinal da Nextel tem o que é da infraestrutura da Vivo então é raríssimo eu ficar sem cobertura

    • FABIO NEVES

      Esse panorama já mudou bastante. Faz tempo que o sinal da Nextel é bem satisfatório aqui no Rio.

  • Yago G. Oliveira

    Até hoje não entendo porque a Nextel não se estruturou ainda. Investiu ultimamente em muitos locais, principalmente aqui no nordeste com rede própria, mas não tem lojas e nem planos pré, algo que hoje é fundamental para o público brasileiro.
    Deram um aval de falida muito cedo, subjugam seus próprios equipamentos, onde poderiam estar oferecendo internet ilimitada por conta do baixo público.

  • Ricardo – Vaz Lobo

    Se a OI tá devendo a alma por 7 reencarnações e ainda respira, o que são 200 doletas?

    • Yago G. Oliveira

      Eu me pergunto é por que o empresariado brasileiro não tá nem aí pra essas coisas, se fosse fora estariam fazendo leilão.

  • Wellington Gabriel de Borba

    No App da Anatel acusa a Nextel com 29 torres em Goiânia. Hoje alguém usa, conhece ela por aqui? Nada, nunca entendi esse close errado, montar uma rede e não usar. É jogar dinheiro fora mesmo. Agora me pergunto, a Nextel vai virar Gelo?

    • Johnny Nobre

      As torres podem ser alugadas para outras operadoras de telefonia também, mas a própria não soube usar.

    • Yago G. Oliveira

      Isso acontece no país inteiro.

  • Gustavo

    a nextel faz cagada desde que eu trabalhei lá (2010) e agora que tá quebrando quer por a culpa na crise e no governo? kkkkk

    o empresariado brasileiro é engraçado, na hora do lucro eles são perfeitos, eficientes, inovadores e etc…. na hora do preju, se eles puderem passar a culpa e a divida pro governo, passam sem pensar duas vezes…

    no mais, espero que a venda se concretize, qt mais operadoras saudaveis, melhor pro consumidor