Início » Negócios » Amazon Drive é mais um serviço de nuvem "ilimitado" que agora tem limite

Amazon Drive é mais um serviço de nuvem "ilimitado" que agora tem limite

Antes com armazenamento ilimitado, Amazon Drive passa a oferecer 1 TB de espaço por US$ 59,99 ao ano

Paulo Higa Por

Nem a Amazon conseguiu manter sua oferta de armazenamento ilimitado na nuvem. Sem dar explicações, a empresa anunciou nesta quinta-feira (8) que o antigo plano de US$ 59,99 por ano do Amazon Drive, que permitia guardar um número infinito de arquivos, foi eliminado. Agora, pelo mesmo valor, os usuários terão direito a 1 terabyte de espaço.

Novos usuários não podem mais assinar um plano ilimitado. Quem já era assinante será migrado na próxima renovação. Quando isso acontecer, você terá 180 dias para excluir o conteúdo que estiver ultrapassando o limite de espaço; caso não faça isso dentro do prazo, a própria Amazon vai deletar seus arquivos (começando pelos uploads mais recentes) até que você esteja dentro da cota.

Com o fim do plano ilimitado, o Amazon Drive passa a oferecer três opções: 100 GB (US$ 11,99 por ano), 1 TB (US$ 59,99 por ano) e até 30 TB (US$ 59,99 por terabyte por ano). Não há mais espaço ilimitado para fotos, exceto para quem for assinante do Amazon Prime; para todo o resto, qualquer tipo de arquivo descontará do limite principal do Drive.

Em contrapartida, a Amazon lançou um plano gratuito com 5 GB nos Estados Unidos — que o Brasil já tinha acesso há pelo menos três anos. Na minha conta, o Amazon Drive agora informa que há 10 GB de armazenamento total; entramos em contato com a Amazon para confirmar se os brasileiros realmente terão mais espaço que o resto do mundo e atualizaremos este post quando recebermos uma resposta.

Os antigos planos do Amazon Drive

Não é a primeira vez que oferecer espaço ilimitado dá errado. O caso mais famoso é o da Microsoft, que chegou a remover os limites de armazenamento no OneDrive para assinantes do Office 365. Em menos de um ano, a empresa voltou atrás, acusando alguns usuários de estarem “abusando” do serviço ao enviarem dezenas de terabytes para os servidores da empresa.

O Evernote já ofereceu uploads ilimitados no Premium, mas também desistiu e começou a restringir os envios a 10 GB por mês; o serviço de anotações afirmou que alguns usuários passaram a utilizá-lo indevidamente para fazer backup de arquivos. E o Bitcasa, um dos primeiros serviços de nuvem com espaço ilimitado, fechou para sempre depois de perceber que seu negócio não era sustentável.

Ainda que essas empresas tenham discos suficientes para guardar petabytes de arquivos, fica claro que vender armazenamento ilimitado antes de inventarem um HD ilimitado não é muito vantajoso. Especialmente quando, bem, alguns usuários consomem um pouquinho mais do que a média.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ueritom Ribeiro Borges

acho que você não entendeu o que ele quis dizer. É que vai ter nego renomeando tudo que é tipo de arquivo para a extensão JPG.

Jonas Rafael Rossatto

e se eles perderem os arquivos, onde você reclama?

Indestrutivel

jpeg??? BMP!!!

Otaku 24H ON
? ?Otaku???24H ON??
https://criticalhits.com.br/homem-testa-upload-infinito-amazon/
Otaku 24H ON

To meio atrasado, mas fala isso pra um cara que nem esse daqui : https://criticalhits.com.br...
O cara botou 1.8 PB (1.8 Milhões de GB), de videos porno, para ''testar'' a rede.

? ?Otaku???24H ON??
To meio atrasado, mas fala isso pra um cara que nem esse daqui : https://criticalhits.com.br/homem-testa-upload-infinito-amazon/ O cara botou 1.8 PB (1.8 Milhões de GB), de videos porno, para ''testar'' a rede.
Alessandro Dias
userscloud e ilimitado gratuito já uso a 2 anos
fran

Quero gratis!

Antonio Araújo
O uptobox ta com uma promoção interessante... 405 dias por 10 dolares. A plataforma não é muito amigável, e pode não ser muito segura(não ter backup, segurança) mas pelo preço vale a pena upar os arquivos por lá;
Antonio Araújo
Da uma sacada no uptobox, tudo ilimitado. 405 Dias por 10 dolares por ano. É uma forma de ter um backup extra.
Antonio Araújo
Verdade, mas tem serviços baratos que fazem backup dele, não como o Amazon e Google Drive, mas faz uma copia por precaução. Eu testei o backblaze e...detestei. Mas tem outra opção, Google Drive de conta corporativas, no ML tem gente vendendo por 25 reais conta ilimitada, não é garantida que seu backup vai ficar pra sempre mas vai ter uma copia garantida. É verdade que eles podem apagar a conta e resetar a senha, a saida é criptografar os dados no envio, tem ferramentas boxcryptor e varios outros que fazem aumanticamente antes do upload. Quanto as fotos Diego, eu recomendo fazer uma copia no Google Photos, é ilimitado para todos, apesar dele compactar o tamanho, ele promete manter a qualidade. Até videos em 1080* ele aceita. Antigamente quando não tinha essa historia de nuvem, eu me lembro que criava varias contas de e-mail e upava as fotos com anexos, separados, 25mb cada, rs, dava um trabalho, mas ta lá até hoje.
diegovcarvalho
É uma boa opção... o problema é que HD externo com alta capacidade corre o risco maior de perder muitos arquivos de uma só vez. Eu comecei armazenar nas nuvens justamente por ter tido um HD externo danificado. Do nada ele parou de funcionar... era bem um HD com fotos e vídeos da família desde 2001. Dá pra imaginar o desespero. A sorte que uma parte eu ainda tinha as mídias antigas em dvd que arquivava e outra parte eu consegui recuperar pelo backup online que já usava. Foi o segundo HD danificado, continuo usando eles mas deixo como segunda opção. Meu primo perdeu esses dias um hd de 2tb com gravações que ele fazia da TV. Daquelas coisas que você não consegue "baixar novamente". É complicado.
Antonio Araújo
tem hds de 5tb por 600 reais no ML(dock incluido), é mais jogo do que midia bluray
Antonio Araújo
tem hds de 5tb por 600 reais no ML(dock incluido)
Exibir mais comentários