Início » Software » Firefox finalmente ganha suporte a multiprocessos

Firefox finalmente ganha suporte a multiprocessos

Já existente em outros navegadores, recurso deve melhorar desempenho e segurança

Por
19 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Boa parte das atualizações de navegadores traz promessas de melhorias no desempenho que, na prática, não fazem diferença. Mas o recém-lançado Firefox 54 deve cumprir essa promessa: com o update, o browser finalmente passa a trabalhar com múltiplos processos por padrão, coisa que o Chrome e o Safari, por exemplo, fazem há algum tempo.

Firefox

Com o novo modo de funcionamento (de codinome Electrolysis ou E10s), o Firefox divide a carga de processamento das páginas em até quatro processos que são distribuídos em blocos de memória independentes. O efeito direto é a otimização dos recursos. A divisão em processos impede que uma aba muito pesada afete o desempenho de outras páginas que estão abertas, só para você ter ideia.

Note, porém, que a estratégia aqui não é abrir um processo para cada aba, como no Chrome. As páginas são distribuídas entre os quatro processos, na verdade. De acordo com a Mozilla, essa abordagem traz equilíbrio, pois a abertura excessiva de processos pode elevar consideravelmente o uso de memória RAM e, assim, deixar o computador mais lento.

Firefox 54

De qualquer forma, é possível aumentar o limite de processos digitando about:config na barra de endereços e colocando o número desejado no item dom.ipc.processCount. No entanto, alterações nesse parâmetro só são recomendadas para computadores que têm 8 GB de RAM ou mais.

Para a grande maioria dos casos, a configuração padrão deve ser suficiente. A Mozilla afirma ter executado testes comparativos com os rivais Edge, Chrome e Safari cujos resultados indicam que o Firefox com multiprocesso consome muito menos RAM.

Firefox versus Chrome versus Safari

A Mozilla garante que não vai parar por aqui. A organização trabalha atualmente em um projeto chamado Quantum que, entre outros recursos, trará um novo motor de JavaScript para o Firefox e otimizará o uso de hardware (especialmente da GPU) pelo navegador.

Firefox - Tecnoblog

O Firefox 54 com multiprocesso está disponível para Windows, Linux e macOS.

Mais sobre: , ,
  • André G

    Poderiam melhorar o Firefox para Android, eu só uso para visualizar algo que acessei no pc, como favoritos e senhas salvas e também para rodar o YouTube em segundo plano, dá até para bloquear a tela com o YouTube rodando no Firefox.
    Mas para navegar não dá pra usar o Firefox para Android, é lento e alguns sites não aparecem muito bem.

    • Burnerman_X

      A maioria dos sites mobile são feitos para webkit por razões óbvias (Safari e Chrome). Isso complica muito pro Firefox que é disparado minoria.

    • Concordo!

      Sou fã da raposa no desktop, mas admito que é horrível no mobile.
      Até tentei usar, mas não durei muito tempo.

      • Jefferson Rodrigues

        Ele é muito pesado, quando está rodando vídeos ou quando o site tem muita coisa. Sempre acaba sendo finalizado pelo sistema. Tô usando o Chrome.

    • PC-PS4-XONE

      Uso somente o Firefox no meu MotoG4 Plus e não sinto pesado e nem tenho problemas com ele, seu celular tem hardware inferior ao G4? Se sim, talvez seja isso, pode ser pesado sim, mas é um otimo browser pra quem tem hardware.

      No meu PC nem devo defender, com a maquina que tenho rodo Forza 6 a 60fps e Overwatch a 120fps, Firefox é tão leve quanto a calculadora ou notepad rsrsrsrs

  • Molinex

    Conversa furada pra enrolar miguelão de memoria, o que eu quero é saber quando esse tal de projeto quantum vai tirar o Servo do papel, e finalmente aposentar o gecko…

    • Trovalds

      Em breve™.

      • Molinex

        Pois é Trovalds, estou contando as versões… Quem sabe na 55…

    • Wolfgang Marcos

      O Firefox não vai injetar o resultado do Quantum inteiro de um release pro outro, na verdade a Mozilla já está adotando partes do Quantum desde o FF 53 que saiu em Abril, saca só: https://blog.mozilla.org/blog/2017/04/19/first-big-bytes-project-quantum/

      • Molinex

        Vish mano, eu tava esperando um lançamento bombástico tipo:
        Novo firefox, agora com novo motor de renderização…
        Não sabia que essas novidades que saíram nessas ultimas versões já faziam parte do projeto Quantum. Se eles estão colocando aos poucos as coisas que estão estáveis, algo me diz que vai demorar, até implementar o projeto inteiro.

        • Júnior Silva

          Versão 57 pra lá, o Firefox vai ter grandes mudanças!
          Esse site é ótimo pra saber sobre oque vem no Firefox, mudanças nas extensões etc… https://www.ghacks.net/category/firefox/

          • Molinex

            Site é bom, e muitas novidades legais chegaram com essa versão. Mas eu to ansioso pra ver logo o transplante de coração…
            Desde que prometeram trocar o gecko, por um motor de renderização moderno, eu fiquei meio impaciente. Cada versão que sai, eu dou uma caroçada pra ver se já vem com o Servo…

        • ochateador

          Problema é soltar tudo de uma vez e ganhar uma onda de reclamação.
          Melhor soltar dividir a nova ferramenta em 10 partes e liberar 1 parte a cada 2 meses, assim evita-se ao máximo as reclamações e vai fazendo ajustes finos com o passar do tempo.

          • Molinex

            Depende de como tá o projeto. Se você já tem um projeto estável, que você confia, é bom lançar tudo de uma vez, até pra causar o impacto, que ajuda com o marketing…
            Se o projeto ainda esta em desenvolvimento, é melhor ir implementando aos poucos, como você falou, pra facilitar a manutenção…
            Eu não sei em que pé anda, ou andava, esse projeto. Mas vendo o jeito que eles estão soltando as atualizações, acho que ainda deve ter partes em desenvolvimento, e sim eles estão fazendo o certo, em soltarem as novidades aos poucos…

          • ochateador

            Ao menos na empresa onde trabalho atualmente (3 anos já) sempre usei firefox e nunca usei outro navegador.

            Já teve épocas que era uma lentidão desgraçada, mas hoje está rodando de forma suave, sem problemas e rápida pra cacete e não tem problemas em carregar as páginas.
            Sem falar que o uso de CPU e RAM são baixos e não interfere no desempenho do PC (como um certo navegador interfere)…

          • Molinex

            Durante um bom tempo o Firefox foi meu navegador padrão também, e não tenho problemas com ele, em uma navegação básica…
            O problema agora, é que, com as novas possibilidades do html5, do CSS3, e o javascript finalmente sendo usado para desenvolver aplicações, e não só para validar formularios, o gecko sentiu a pressão…
            Tem gente portando o primeiro tomb rider pra rodar dentro de um , as pessoas enlouqueceram…
            Quando você tiver um tempo, testa esse joguinho no FireFox, e no navegador que interfere na memória, e depois, me diz como foi…
            http://hex.frvr.com

  • Jack Silsan

    “(…) motor de JavaScript”. Nunca chegará à Windows Store 😕

    • Tori

      Quase nenhum ira chegar
      Microsoft exige navegadores rodando a Edge Engine, ou seja, um clone do edge (vide UCBrowser e Maxton), o que limita demais as coisas

  • Flavio

    Melhorou bastante mesmo. Eu já tinha deixado de o usar o Firefox. Estou rodando ele o dia inteiro e até me parece bem estável. Antes eu não conseguia rodar nem por 2 horas que ele ficava super lento!

    • Veritas

      Ele já estava estável há tempos.

      Agora está mais rápido e leve.

      • Strompa Trompa

        E isso é ótimo.

        • John Smith

          Opa, site errado…

  • Leandro

    Atualizei e roda apenas um processo… Alterei o dom.ipc.processCount para 10, estava com 1…
    Será que alterei errado?

    • Vitor Hugo

      quantas abas? não sabemos como ele faz essa divisão. será que abrir 2 abas faria ele usar 2 processos ou você teria que abrir várias?

      • Leandro

        Cara tem uma 20 abertas… e como aumentei os processos para 10, teria que ter os 10 processos abertos…

        • Wolfgang Marcos

          Se for no Windows 10 no gerenciador de tarefas você precisa descer bastante o scroll pra ver os outros processos (pelo menos é assim comigo). Tem certeza que você está alterando a chave certa? Tem que ser exatamente a dom.ipc.processCount (e não a
          dom.ipc.processCount.web ou
          dom.ipc.processCount.tabs, etc). Depois de alterar o valor da chave tem que reiniciar o Firefox.

          • Leandro

            Cara fiz isso… Estou usando a versão 32bits, será que é só na 64bits?

          • Anderson Freitas

            Leandro, você está certo. Fiz a atualização e continua mostrando apenas 1 processo

          • Wolfgang Marcos

            Qual o sistema operacional que você está usando?

          • Leandro

            Windows 10

          • Wolfgang Marcos

            vai em about:support e vê se tem alguma extensão bloqueando o multiprocesso, o Firefox não ativa se você estiver usando alguma extensão que ainda não é compatível. Minhas fontes informam que pode ser isso.

          • Leandro

            Não tem extensão bloqueando. Obrigado.

          • ochateador

            Provável que seja apenas na 64 bits mesmo.
            Já que programas 32 bits ficam limitados em 4GB de ram, então devem ter desativado a função para evitar problemas.

          • Leandro

            Instalei a versão 64bits mas não alterou o comportamento.

    • Leandro

      Quando abro uma nova janela ele cria um novo processo, mas com 20 abas abertas em uma janela ele cria apenas um processo…

    • O Firefox não cria multiplos processos visiveis no gerenciador de processos, ele cria 4 processos, como dito no link https://wiki.mozilla.org/Electrolysis (a parte que fala e10s-multi), estes 4 processos tem funções distintas, e o controle das UIs rodam entre alguns deles, eles provavelmente usam sub-processos ou threads, ou gerenciam o que esta “pesado” em um dos 4 processos em quanto o que esta funcionando bem fica no processo principal… Só para constar um destes 4 processos deve ser o “main” que controla os outros 3. O gerenciamento de abas não precisa ser exatamente um processo isolado para ser eficiente, depende muito da estratégia, o Webkit2 (usado no navegador Safari) usa um conceito muito parecido com o do Firefox.

      • Leandro

        Então está explicado, apesar de não conseguir visualizar esses outros três.

        Mas quando abro novas janelas ele cria novos processos.

    • Antônio Vinícius Duarte

      browser.tabs.remote.autostart e browser.tabs.remote.autostart2 estão ativados?

  • O Firefox JÁ TEM isto desde a versão 50 (creio que desde o 48 na verdade, não lembro) chamado E10S (https://developer.mozilla.org/en-US/Firefox/Multiprocess_Firefox), tanto que eles enrolaram entre o Firefox 45 e 49 justamente porque ainda não estava bem testado, o que mudou na versão 54 foi uma melhoria no funcionamento do multi-processo e no consumo de recursos da máquina.

    • Adriano Garcez

      Cara, até onde sei tinha que mexer nos settings para ativar, já que estava em beta.
      Foi o que fiz; ativei na época, mas com essa última atualização, percebi uma melhoria considerável de performance.

      • Isso era no Firefox entre o 40 e 45 (mais ou menos), creio que no 48 passou a vir ativo (ou 50), sim essa “ultima atualização” versão 54 melhorou porque foi a que justamente eles fizeram a tal melhoria que citei, a questão que estou falando é que o artigo da tecnoblog fala como se fosse algo “super-novo” e ainda dizem que outros navegadores já tinham, como se fosse novidade para o Firefox, minha critica é voltada ao texto da tecnoblog
        😉

        • Adriano Garcez

          Você que parece entender bem sobre o Firefox, sabe me dizer se tem como carregar na memória as abas que abri no background somente quando as torno ativas?

          Procuro uma forma de fazer isso há anos, mas até agora não achei.

          • Por padrão deveria ser assim, pelo menos em meu Firefox as abas só carregam quando as torno visiveis novamente, isto após fechar e abrir o Firefox na próxima vez, talvez você tenha ajustado algo nas Flags internas, você pode tentar acessar about:config e trocar de true para false o valor de “browser.tabs.loadInBackground”.

          • Adriano Garcez

            Eu falo a respeito de poder abrir um link numa nova aba em background e poder carregá-la somente quando a torno ativa. Tenho o costume de abrir um monte de abas de uma vez e isso diminuiria a carga no notebook.

          • Entendi, então nas configurações avançadas do Firefox não encontrei nada, mas um add-on que funcionou pra mim foi este https://addons.mozilla.org/en-US/firefox/addon/load-tab-on-select/

          • Adriano Garcez

            Acabei achando esse add-on logo depois que comentei.

            É exatamente o que eu queria. Queria, no passado. Vi que não é muita vantagem. Melhor deixar o FX comer processamento por alguns segundos do que esperar um tempo considerável para abrir cada aba. hahaha

  • Francisco

    Eu tenho no Windows 10 o Edge e o IE (que já vieram junto. O IE nunca uso), Firefox, Chrome e o saudoso Opera.

    Uso o Chrome com mais frequência, depois vem o Firefox, que diga-se de passagem melhorou muito com essa atualização. O Opera uso bastante também. O Opera é do tipo pai de todos, muito bom e pouco usado pela maioria.

    No Linux, quem venho testando e amando, tenho usado o Chrome, Firefox, Opera e o Vivaldi.

  • Raphael

    Usei o Firefox por muito tempo, mas migrei pro Chrome há anos e pelo fato dos meus dados estarem todos lá (favoritos, senhas, histórico do tablet/celular/desktop) embora tenha interesse em usar o Firefox de novo acabo continuando no Chrome pelos dados sincronizados. Alguém sabe uma maneira de sincronizar a conta Google no Firefox?

    • betacaroteno

      extensão xmarks.

      • Yuri Barbosa

        Ou mesmo o importador na inicialização inicial depois da instalação do firefox.

      • Adriano Garcez

        Esse não está para fecharem os serviços?

    • E aí, Raphael! Beleza? Olhe, você só precisar importar os seus dados pro Firefox:
      https://support.mozilla.org/pt-BR/kb/importar-favoritos-google-chrome.
      Para as senhas, existem extensões que fazem todo o trabalho pesado 🙂

  • Josué Junior

    Eu uso hoje quase que exclusivamente o Edge, algumas vezes o Chrome. Até usava o Firefox algum tempo atrás, mas, pelo menos no meu computador, tá inutilizável. Trava muito em páginas leves. O Edge também trava no meu computador (principalmente no Facebook), mas é bem mais estável que o Firefox. Espero que isso melhore no Firefox.

    • Josué Junior

      Sem falar que o consumo de RAM e CPU são muito maiores que o Edge, e até que o Chrome. Além disso, é muito lento pra carregar os sites, mesmo que sejam leves

  • Fabio Alvez

    Estou testando, um problema que encontrei foi ao tentar acessar um site da caixa e a página não foi aberta, deu uma mensagem de erro devido ao adblock edge, e ao abri a mesma página e também usando um adblock, a mesma abriu.

  • Adriano Garcez

    Melhorou a performance, mas não está tão boa quanto no Chrome.

  • INCRIVEL, a tecnoblog excluiu meus comentários? Ou foi impressão minha? Eu comentei que esta matéria esta equivocada, não esta de todo errado, mas eles afirmam algo que já existia no FF, o que mudou é como ele funciona, a estratégia de multitarefas da UI é que melhorou, mas esta coisa de multi-tarefas já existia, pelo amor, aprendam a aceitar uma critica na boa e pesquisar melhor as fontes antes de postar coisas errôneas. FICO MUITO AGRADECIDO.

  • Alterando a configuração “dom.ipc.processcount” via “about:config” para um número alto fica muito bom!