Início » Aplicativos e Software » Os melhores antivírus grátis para Windows

Os melhores antivírus grátis para Windows

Proteja o seu computador com os melhores antivírus e soluções mais eficazes que o Windows Defender segundo o AV Comparative

Jean Prado Por
2 anos atrás

Qual o melhor antivírus grátis? É importante que você tenha um bom antivírus que proteja o seu computador sem deixá-lo lento e também que seja gratuito. Parece impossível, mas tem como sim. Nós listamos esses antivírus para Windows em 2018.

Para piorar, a Microsoft oferece, como padrão, a proteção do Windows Defender. Mas, será que é bom mesmo? Vamos colocar vários programas e testes de desempenho de antivírus no papel para indicar qual o melhor antivírus grátis para o seu computador.

Fazendo os testes com os melhores antivírus

Vamos usar como base dois testes especializados do AV Comparatives, que faz diversas análises do tipo. Um é o Real-World Protection Test, o mais complexo que eles fazem e que testa os antivírus contra usos do mundo real. Os computadores usados têm Flash e Java instalados, softwares que podem ter falhas de segurança.

Outro que levamos em consideração é o Performance Test feito pelo mesmo site (e no mesmo período do teste anterior). Não adianta nada um antivírus funcionar constantemente mas deixar o seu computador uma carroça, né? Nos resultados, cruzamos os dois testes e classificamos os melhores programas para te proteger.

E aí, qual é o melhor antivírus para Windows?

Segurança

O melhor antivírus, segundo o AV Comparatives, é aquele que bloqueou todos (ou quase todos) dos 186 testes diferentes de infecção por malware, deu poucos falsos positivos e não dependeu tanto da ação do usuário. Veja os antivírus mais eficazes:

  • Avast (98.9% de eficácia e 4 falsos positivos)
  • AVG (98.9% de eficácia e 4 falsos positivos)
  • Avira (100% de eficácia e 2 falsos positivos)
  • Bitdefender (100% de eficácia e 2 falsos positivos)
  • BullGuard (98.9% de eficácia e 15 falsos positivos)
  • Emsisoft (99.5% de eficácia e 0 falso positivo)
  • ESET (98.9% de eficácia e 1 falso positivo)
  • F-Secure (99.5% de eficácia e 8 falsos positivos)
  • K7 (98.9% de eficácia e 7 falsos positivos)
  • Kaspersky Lab (100% de eficácia e 0 falso positivo)
  • McAfee (99.5% de eficácia e 7 falsos positivos)
  • Microsoft Windows Defender (100% de eficácia e 19 falsos positivos)
  • Panda (100% de eficácia e 8 falsos positivos)
  • Quick Heal (100% de eficácia e 4 falsos positivos)
  • Symantec Norton (99.5% de eficácia e 6 falsos positivos)
  • Tencent (100% de eficácia e 3 falsos positivos)
  • Trend Micro (100% de eficácia e 8 falsos positivos)
  • VIPRE (98.9% de eficácia e 1 falso positivo)

Curiosamente, o Windows Defender foi 100% eficaz, mas também foi o pior no teste de desempenho: recomendamos desativá-lo ao instalar outro antivírus na sua máquina.

Bônus: dicas de desempenho

No Performance Test, o AV Comparatives dá umas dicas legais para quem quer tirar o máximo do computador e do antivírus. A principal dica deles é usar apenas um antivírus, ainda mais se a proteção em tempo real estiver ativada: o programa escaneia constantemente o seu HD. Se tiver mais de um fazendo isso, vai ficar tudo bem lento.

Outra dica é fazer uma boa limpa no seu HD, removendo pastas, fotos e arquivos que você não usa. Não se esqueça também de desinstalar programas que você não quer mais, assim os antivírus não ficam olhando milhares de coisas que não são mais úteis.

Os relatórios completos (em inglês) estão disponíveis a partir do link: Real-World Protection Test e Performance Test. Os dados utilizados neste post coletamos de ambos os relatórios que foram publicados em maio de 2017 pelo AV Comparatives.

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.