A Vivo fechou uma parceria com a francesa JCDecaux para instalar small cells nas maiores cidades brasileiras. Isso significa que, nos próximos meses, teremos relógios de rua, pontos de ônibus, totens e afins ampliando o acesso à internet de vários centros urbanos.

O objetivo, de acordo com a Vivo, é melhorar a cobertura das redes 3G e 4G nos locais em que há dificuldade para ampliação da telefonia móvel pelas vias tradicionais. A operadora já tem cerca de 150 small cells em São Paulo e Rio de Janeiro. No caso da capital paulista, a maior parte foi instalada em orelhões.

Ponto de ônibus com peça da JCDecaux

Ponto com peça publicitária da JCDecaux

Small cells são pequenos equipamentos com antenas que são usados principalmente para ampliar o alcance de redes móveis em locais que concentram muitas pessoas e, por isso, podem ficar com a cobertura sobrecarregada. É por essa razão que small cells vêm sendo cada vez mais usadas em estádios de futebol e estações do metrô, por exemplo.

Ao trabalhar junto com a JCDecaux, a Vivo espera instalar small cells em pelo menos 6.900 pontos de cidades como Belo Horizonte, Brasília, São Paulo, Salvador e Rio de Janeiro.

Caberá à JCDecaux fornecer energia elétrica para cada ponto de instalação. A Vivo, obviamente, cuidará do sinal. Com a parceria, a operadora se beneficiará do reforço de sua cobertura. Já a JCDecaux poderá usar cada ponto para exibir anúncios — a companhia é especializada em publicidade externa e já tem totens em várias partes do Brasil.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ricardo - Vaz Lobo
Uma reportagem na revista "Minas faz Ciência", março-maio/2017, trata do assunto. Vale uma olhadinha.
Robledo Gomes
Aí o 5G chegando e nem o 3G tem em todo lugar
Felipe Silva
Morreu e enterraram. Muitos problemas de interferência, a velocidade não é tudo isso, e se não me engano a tecnologia é proprietária. Internet cabeada só vale a pena investir em fibra optica, o resto é gambiarra. xDSL tá com os dias contados, ninguém mais faz redes novas com essa tecnologia, DOCSIS parece que vai durar um pouco mais, mas tá bem próximo do limite físico, sem falar que o upload é uma merda.
Douglas Baião
Estou muito satisfeito com a cobertura 4G da TIM e seus planos que atendem dignamente os clientes. Aliás, na praça de alimentação do shopping Cidade, no Centro de BH,vc fica SEM SINAL da Vivo, enquanto na TIM tenho sinal em 100% dos locais que vou em BH e região metropolitana (dentro da minha realidade). A Vivo nem é mais tão superior em sinal e só se preocupa em oferecer o básico, nenhum benefício digno pro consumidor e tudo caro.
felipecn
A JCDecaux faz parte do Ottima hehe
Anayran Pinheiro
Trollagem bem sucedida xD
Ricardo - Vaz Lobo
As falhas das novas tecnologias vão aparecendo e sendo corrigidas a medida que são implantadas; enquanto isso não acontecer, a torradeira vai derrubar o acesso ao site de receitas da Palmirinha. A grande sacanagem é a transmissão simultânea ficar dentro da gaveta dum burocrata fdp qualquer. Há um piloto indo bem em Sete Lagoas (MG), tocado pela CEMIG e a FAPEMIG.
??? ?'??? H?????
Tá, mas...e o meu monstrocérebro? Essas antenas tão baixinhas e eu lá, esperando o monstrobus!
David Diniz
Isso explica o por que de um tempo para cá apareceu 4G da vivo em 1,8GHz nas estações Trianon Masp, Consolação e Clínicas... E é um bom motivo para eu continuar na Operadora, sempre com o melhor sinal 4G(+) e 3G aqui na cidade de SP e agora tem 4G em algumas estações da linha verde.
AposThoro Valdemito
Sem palavrão, por favor! ??
Sckillfer
Em São Paulo tb, o nome é porque são otimistas!
Jack Silsan
É foda!
LuizF
E por isso o Brasil não vai pra frente. Se vc for pensar...é triste
Cazalbé
Mestre, eu não falai que só tem na Asa Sul não, eu simplesmente disse que não foram distribuídas por toda a cidade. Sei que tem sim no SCS, no SCN, Eixo Monumental... Apenas citei a Asa Sul porque no caso da foto e do artigo, trata-se de uma que fica numa estação do metrô da Asa Sul.
Anayran Pinheiro
Mentira, porque lá no setor comercial sul é norte só tem as paradas de alumínio. E sim, elas são uma merda em comparação às paradas de tijolo (além de bem mais caras)
Exibir mais comentários