Todo mês, o Google divulga as estatísticas de uso para cada versão do Android, de acordo com o número de acessos à Play Store. E o sistema atingiu um marco notável: o Marshmallow 6.0 enfim se tornou mais popular e ultrapassou o Lollipop.

Foto por Takahiro Yamagiwa/Flickr

O Android Marshmallow tem 31,2% de participação, contra o Lollipop (5.0 e 5.1) e seus 30,1% de base instalada. O Nougat, por sua vez, está em 11,5%.

Vale lembrar que o Marshmallow trouxe várias melhorias importantes. Ele permite gerenciar permissões individualmente para cada aplicativo: por exemplo, você pode liberar sua localização, mas barrar o acesso a seus contatos — não é “tudo ou nada” como em versões anteriores do Android.

Além disso, ele oferece o Google Now a um toque (Now on Tap); consome menos bateria graças ao Doze; permite que os desenvolvedores guardem os dados de cada app na nuvem; e tem suporte nativo a USB Type-C e a leitores de impressão digital.

O código-fonte do Marshmallow foi lançado em outubro de 2015. Ou seja, essa versão levou 21 meses para se tornar a mais popular. Nunca na história do Android isso aconteceu de forma tão devagar, como você pode conferir na tabela abaixo:

O problema é que o Nougat está crescendo ainda mais devagar. O gráfico abaixo mostra que o Android 7.x mal conseguiu seguir o ritmo do Marshmallow, e este já foi mais lento que o Lollipop:

Não é um bom sinal para o Android O, previsto para o terceiro trimestre. Sim, o processo de atualização costuma ser lento, mas parece estar piorando: as fabricantes estão levando o Nougat para seus tops de linha, mas outros aparelhos estão ficando para trás.

Até o momento, esta é a lista de aparelhos atualizados para o Nougat pelas principais fabricantes:

  • Samsung: Galaxy S7, Galaxy S7 Edge, Galaxy Note 5, Galaxy S6, Galaxy S6 Edge, Galaxy S6 Edge Plus, Galaxy A5 (2016), Galaxy A3 (2016), Galaxy Tab S2, Galaxy Tab A 10.1 (2016)
  • Motorola: Moto Z, Moto Z Play, Moto G4, Moto G4 Plus, Moto G4 Play, Moto X Style, Moto X Play, Moto X Force
  • Asus: ZenFone 3, ZenFone 3 Deluxe, ZenFone 3 Max, ZenFone 3 Zoom, ZenFone 3 Laser, ZenPad 8, ZenPad Z8, ZenPad 3S 10
  • LG: G5, V10, G4
  • Sony: Xperia X, Xperia XZ, Xperia X Performance, Xperia X Compact, Xperia XA Ultra, Xperia Z5, Xperia Z5 Compact, Xperia Z5 Premium, Xperia Z3 Plus, Xperia Z4 Tablet
  • OnePlus: 3, 3T
  • HTC: HTC 10, One M9, One A9

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

jacob
Melhor que negue, esse marshmallow é uma porcaria.
jacob
Finalmente, pensei que fosse o único que achava esse Marshmallow uma bela porcaria. Meu Moto X2 que com o Lollipop era um avião, com o marshmallow virou uma lesma, dá vontade de jogar o celular na parede.
Leandro

Crie novo android aqui http://adf.ly/1nGBel

Adriano
Tudo bem! Sem problemas.:)
John Smith
É. Tive uma interpretação diferente do seu post.
John Smith
Se você não sabe a resposta para essa pergunta, não vale nem a pena debater.
Jhon
Uma. E qual a relevância disso?
Adriano
John, o fato da Apple ter um único aparelho, é justamente o que permite que façam um excelente trabalho a nível de software. O afinado trabalho de atualizações, é consequência disso. O Google já percebeu que a fragmentação de seu sistema operacional, é seu grande problema, o que não ocorre com o iOS. Isso é fato. Não sou fã boy da Apple, gosto do iPhone e o utilizo desde sua primeira versão, pela sua inegável e excepcional qualidade, não pela marca.
Diogo
Ridículo e não vir de fabrica com o Android 7. Pois lançou em 2017.
Rafael Leite
Improvável, mas seria legal.
Jack Silsan
O Google, no I/O 2017, falou justamente sobre a modularização do Android, em uma iniciativa batizada de Project Treble https://www.manualdousuario.net/google-io-kotlin-e-a-furia-da-oracle/
Felipe Xavier
Sempre que "aciono" o cadeado, funciona lindamente. Spotify, Netflix (ela ficava fechando quando usava no Chromecast), Mi Band Tools, Runkeeper... Enfim, ela não é perfeita, mas eu gostei muito mais de um sistema com MUITAS funções nativas, do que ficar instalando 300 apps (pagando ou convivendo com propagandas).
Jack Silsan
Essa questão do Spotify me parece ser um problema do app. Explico: Tenho um Lumia 730 aqui e nele estão instalados Tubecast e myTube, ambos clientes de YouTube. Enquanto o Tubecast simplesmente não funciona direito em segundo plano, com o myTube eu posso posso por pra tocar apenas o áudio e posso bloquear a tela de boa. Dois apps com o mesmo propósito, mas com diferentes níveis de qualidade. Some a isso o fato de o Android ser muito fragmentado, o que dificulta ainda mais a vida dos devs
Rafael
Isso seria excelente, mas não acho que isso vá acontecer não...
Rodolfo Catucci Brasil
No LG G4 versão Dual SIM ainda não tem Android Nougat....
Exibir mais comentários