Bloqueadores de conteúdo são suportados nativamente pelo Safari do iOS, mas existem também os que somem com as propagandas dentro de outros aplicativos. E a Apple não gosta muito deles: a empresa Future Mind, que desenvolve três (!) aplicativos do gênero, percebeu isso quando tentou publicar uma atualização do AdBlock para iOS na App Store.

O AdBlock funciona no Safari e também utiliza um VPN para barrar o acesso a servidores de anúncios; isso também impede que outros aplicativos mostrem propagandas. Ele custa US$ 1,99 e existe desde 2012, mas a última versão foi recusada na App Store por violar as regras da Apple.

O CTO Tomasz Koperski conta ao MacRumors que recebeu uma ligação para avisar que “a Apple mudou oficialmente sua política com relação aos bloqueadores de anúncios baseados em VPN e certificados raiz na App Store, e não está mais aceitando atualizações de aplicativos que bloqueiam diretamente conteúdo em aplicativos de terceiros”.

Curiosamente, a resposta da Apple à imprensa é diferente. A empresa conta ao 9to5Mac: “Nós nunca permitimos aplicativos na App Store que são feitos para interferir com a performance ou as funcionalidades de outros aplicativos”. E adiciona: “sempre apoiamos a publicidade como uma das muitas formas pelas quais os desenvolvedores podem ganhar dinheiro com aplicativos”. Não seria nada novo, portanto.

Independentemente de quando a Apple resolveu mudar sua política, o fato é que agora os bloqueadores de anúncios em aplicativos deverão ser… bloqueados. Os únicos permitidos serão os que utilizam a API do iOS (que funciona apenas no Safari), além, claro, de navegadores específicos para essa tarefa, como o Firefox Focus.

Quanto ao AdBlock, a Future Mind ainda não sabe o que fazer: ela pode liberar uma atualização que utilize somente a API do iOS, mas está com receio de decepcionar os usuários que já pagaram pelo bloqueador de anúncios dentro de outros aplicativos; por enquanto, ele ficará sem atualizações.

Tecnocast 030 – A Internet sem Ads

A internet como conhecemos está prestes a sofrer grandes transformações. E iniciativas, como bloqueadores de anúncio em dispositivos móveis, podem ser o grande ponto de virada nessa transformação.

Nesse episódio conversamos sobre como seria a internet sem o banner e quais seriam as alternativas viáveis para a sobrevivência da mídia independente. Clica no play e vem com a gente!

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

John Smith

Tem 7 meses esse comentário. Que coisa, não? :o

Bruna C. C. de S. Wojtenko

Serve :)

John Smith
Serve um joinha de consolação? :|
Bruna C. C. de S. Wojtenko
Eu queria ter feito este comentário antes. Valeu, cara :(
Rubens dos Santos
Affs
Molinex
Ah mano, ta certa a Apple... Na moral, se o cara entope o app dele de anúncio, eu simplesmente desinstalo, e não uso mais. Da mesma forma um site, se ficar inviável de navegar por conta dos anúncios, não acesso mais. Agora bloquear os anúncios do cara eu acho injusto. Se eles estão lá tem alguma finalidade, mesmo sendo pouco, é alguma renda que entra pro cara... Se me incomodar, eu não uso mais o serviço. Agora se eu for usar, o minimo que eu posso fazer, é não alterar o trabalho do cara, e com isso, não tirar uma fonte de renda dele...
Edilson Alzemand
Apple Bloqueia o App que Bloqueia o Bloqueio da App Store que Bloqueia apps de bloqueadores de anúncios de apps na App Store
Bruno Martins Santana
Relaxa, que logo lançam um App que Bloqueia o Bloqueio da App Store que bloquea os Bloqueadores de Anuncio
DumbSloth87
AdBlock pago? iSheep é um bixo estranho mesmo né?
Jefferson Rodrigues
Sem falar que a publicidade, em excesso, acaba com a franquia de dados.
Baidu feat MC Brinquedo
O lance é que o adaway só funciona bem com root. No momento estou sem root (celular novo) e tô recorrendo à outras maneiras kkk.
Krosna Terrestre
adb install adaway.apk
Bruno
Bloquear anúncios pode, desde que não sejam os meus. Apple.
palatoqueimado
Ahh ta! Eu tinha entendido na notícia que era o AdBlock pro Safari do Mac, por isso me preocupou. Nessas extensões do iOS sem dúvidas é por VPN. Foi mal aí hahah
John Smith
No Android existem aplicativos de Firewall que utilizam a funcionalidade de VPN no sistema para bloquear conexões sem root. Como o sistema força todas as conexões a passarem pelo aplicativo de VPN, o aplicativo em si já faz o bloqueio das conexões com base nas regras que o usuário quiser. Penso que talvez seja algo similar que esse app faça no iOS. Ou seja, de fato não há redirecionamento de tráfego por uma VPN nesse caso, mas se trata de um uso dessa funcionalidade no sistema.
Exibir mais comentários