Sem fazer barulho, a Snap contratou a equipe responsável pela startup suíça Strong.Codes. Seria mais um simples e rotineiro processo de expansão da equipe de desenvolvedores se não fosse por um detalhe: os novos funcionários terão como principal missão proteger o código-fonte do Snapchat.

É uma reação à cópia desenfreada de recursos por parte do Facebook? A Snap não afirma isso categoricamente, mas não nega que uma das principais complicações ao seu negócio é o Instagram e, consequentemente, os recursos da rede social que são “inspirados” no Snapchat. Assim, é impossível não pensar que a companhia está tentando se proteger do Facebook e outras redes sociais.

Como as novas contratações podem ajudar? A Strong.Codes era uma startup especializada em criar ferramentas que obscurecem o código-fonte de softwares para dificultar a prática de engenharia reversa.

Snapchat - iPhone

O envolvimento da Strong.Codes com a Snap começou no início do ano, quando Laurent Balmelli, um dos fundadores da startup, foi contratado para trabalhar com o Snapchat. Recentemente, o restante da equipe se juntou a Balmelli. Com isso, as atividades da Strong.Codes foram encerradas. É quase como se a Snap tivesse comprado a startup.

As contratações não vão parar por aí. A Snap ainda tem vagas abertas para especialistas em segurança que deverão trabalhar na Suíça — os engenheiros oriundos da Strong.Codes permanecem no país. Além disso, a companhia é uma das patrocinadoras da conferência sobre segurança Black Alps 2017, provavelmente, com a intenção de encontrar talentos por lá.

É óbvio que as novas contratações não são suficientes para evitar a cópia de recursos do Snapchat — terceiros podem simplesmente desenvolver funções semelhantes do zero. O objetivo aqui, certamente, é erguer mais uma barreira, ainda que ela não seja intransponível.

A Snap tem que reagir, de qualquer forma. É perceptível que o Snapchat já não atrai tantos usuários e, para piorar, as ações da Snap estão perdendo força na bolsa de Nova York.

Com informações: Bloomberg

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Cortana ✔

Ué, mas não estamos na Era do código aberto?

Cortana ?
Ué, mas não estamos na Era do código aberto?
Josiel Hen
De fato, quando se tem um vasto conhecimento em programação, código fonte é algo dispensável.
Adriano
Ninguém precisa do código fonte de um aplicativo de Chat para copiá-lo. Basta uma olhada no funcionamento das ferramentas e fazer igual. Eu duvido que tenham pensado nessa solução com esse fim. É muito amadorismo.
Doug
Me parece tarde demais. Vamos acompanhar...
Tácio Andrade
Neste ponto pode realmente funcionar, agora como solução ao roubo de funcionalidades, desista, pois isso dai só se resolve de uma forma, judicialmente.
Eduardo Spaki
a questão é que escrever código para os softwares deles é simples, não precisa nem roubar/olha!
Cobalto
Utilidade disso pra questão das cópias de função por terc*cofcoffacebookcor*eiros: Nenhuma. Agora se disserem que é pra evitar clientes não oficiais, aí sim faz sentido.
Yago Oliveira
Vejo como marketing para tentar acalmar investidores. A empresa tem que tentar mostrar alguma reação.
Tácio Andrade
Isso dai não resolverá em NADA!!! O Facebook não precisa fazer engenharia reversa das funcionalidades do Snapschat, seus engenheiros podem muito bem desenvolver essas funcionalidades eles mesmos..... Algumas das funcionalidades até mesmo alguns amigos meus que são desenvolvedores Plenos (não sênior) conseguem desenvolver em um tempo relativamente rápido, imagine os desenvolvedores que o Facebook pode contratar com a grana que possui...... Ao meu ver é jogar dinheiro fora.
Ricardo - Vaz Lobo
Os caras lá do SNAP (?14,12, - 2,49%) deveriam queimar pestana pra revolucionar o mercado de app de interação social e não contratar uns caras caros pra botar lençol em cima daquilo que quem queria copiar já copiou.