Início » Negócios » Xiaomi se torna maior fabricante de wearables do mundo

Xiaomi se torna maior fabricante de wearables do mundo

Paulo Higa Por

A Xiaomi desbancou a Fitbit e se tornou a maior fabricante de wearables do mundo. De acordo com a Strategy Analytics, os chineses venderam 3,7 milhões de dispositivos vestíveis, incluindo pulseiras fitness e relógios inteligentes, no segundo trimestre deste ano, um aumento de 23% em relação ao mesmo período de 2016. É Mi Band pra caramba!

Com o crescimento, a Xiaomi foi responsável por 17,1% dos wearables vendidos entre abril e junho de 2017. A Apple também melhorou no período, de 9% para 13%. Enquanto isso, a Fitbit despencou em apenas um ano: antes com 28,5% e a liderança absoluta de mercado, passou para apenas 15,7%. Estes são os números de vendas, segundo a consultoria:

  1. Xiaomi: 17,1% (3,7 milhões de unidades)
  2. Fitbit: 15,7% (3,4 milhões de unidades)
  3. Apple: 13,0% (2,8 milhões de unidades)
  4. Outros: 54,2% (11,7 milhões de unidades)

As próximas colocadas não foram divulgadas, mas Samsung e Garmin são as empresas que costumam estar entre as cinco maiores.

E por que houve a troca de posições? “As pulseiras fitness Mi Band, da Xiaomi, são extremamente populares na China, devido ao seu preço altamente competitivo e ricas funcionalidades, como monitores de batimentos cardíacos, contadores de passo e alertas de calendário“, diz a consultoria.

Sem contar que a Fitbit não anda bem das pernas. Rumores apontam que a compradora da Pebble enfrenta dificuldades no desenvolvimento de seu smartwatch, que deve concorrer com o Apple Watch. Houve problemas para tornar o design à prova d’água, e os primeiros protótipos não estavam recebendo sinal forte de GPS, o que obrigou os engenheiros a redesenharem o produto, segundo as informações. A empresa demitiu 110 funcionários devido às vendas fracas em 2016.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

leandrw
A miBand?
Rafael Alves
Na verdae nem precisa mais do MiBandTools, depois da versão 3.0 o MiFit tem essas opções inclusive algumas de caminhada, corrida, bike, etc com direito a guardar o percurso.
danielnbl

Ótima dica! Vou cancelar a compra pra comprar assim

daniel
Ótima dica! Vou cancelar a compra pra comprar assim
Guilherme Borges Cunha
Compra no boleto da Gearbest ou da Banggood que o IOF é 0,38% e quase certeza que só uma Mi Band no pacote não vai ser tributado.
danielnbl

É pq tem o IOF, taxa dos correios(12,50) e o imposto de 60%. Quase o mesmo preço de comprar no ML no brasil

daniel
É pq tem o IOF, taxa dos correios(12,50) e o imposto de 60%. Quase o mesmo preço de comprar no ML no brasil
danielnbl

Na verdade, todo produto que seja comprado deve ser taxado.
Não se pode taxar é presente que tenha valor(contando) frete que tenha valor inferior a $50.

daniel
Na verdade, todo produto que seja comprado deve ser taxado. Não se pode taxar é presente que tenha valor(contando) frete que tenha valor inferior a $50.
Anderson Gomes
Se for abaixo de US$50 é proibido por lei taxar. Se taxarem (como ocorreu com um amigo meu), abra reclamação p tirarem o tributo (o problema é que vai demorar mais) mas abaixo de 50 dólares é lei
Gesonel o Mestre dos Disfarces
E nem deveriam, porque mesmo pegando duas na mesma encomenda, dificilmente ultrapassa a cota de US$50 :)
Thiago Marques
Comprei uma tem 2 semanas, estou completamente satisfeito com a mi-band, principalmente pelo consumo da bateria, que até agora está na primeira carga. Muito boa a relação custo/beneficio.
Guilherme Borges Cunha
Dificilmente é taxado algo assim. Mesmo com tributação ainda vale a pena importar.
Guilherme Borges Cunha
É justamente por ser limitada que é tão interessante. Não vejo nenhuma boa razão pra gastar centenas de reais em smartwatches cheios de recursos que provavelmente não vou usar e ainda têm autonomia limitada. Já é um saco ter que carregar o smartphone todos os dias, imagine ter que recarregar o smartphone e o relógio.
danielnbl

Fiquei interessado em comprar essa miband.. tá uns 80 reais.. mas se for taxado prefiro comprar no mercado livre por 150.

Exibir mais comentários