A Acer anunciou novos dispositivos na IFA 2017, e o que mais se destaca é o Switch 7 Black Edition. Trata-se do primeiro dois-em-um com chip gráfico dedicado da Nvidia e sem ventoinha. Como isso é possível? Em parte, graças à eficiência energética da arquitetura Pascal.

O tablet de 13,5 polegadas possui um chip gráfico GeForce MX150, modelo de entrada da Nvidia e sucessor da linha 930M/940M. Graças à arquitetura de 16 nanômetros, o desempenho por watt triplicou, permitindo que a GPU funcione sem ventoinha — ela usa a tecnologia de refrigeração Acer Dual LiquidLoop.

A tela IPS possui resolução 2256 x 1504 e vem acompanhada por uma caneta Wacom que não requer bateria; ela detecta inclinação e 4.096 níveis de pressão.

O leitor de digitais na parte frontal tem suporte a Windows Hello e permite fazer login sem senha. O corpo é de alumínio, e possui um kickstand na traseira. Por dentro, temos um processador Core i7 de 8ª geração. Ele pesa 1,13 kg.

O Acer Switch 7 Black Edition será lançado nos EUA em dezembro, custando a partir de US$ 1.699.

Na IFA, a Acer também anunciou o Aspire S24, um computador tudo-em-um bastante fino, com apenas 5,97 mm de espessura:

A tela é de 23,8 polegadas. Na base, ficam o processador Intel Core de 8ª geração, SSD de até 256 GB e disco rígido de até 2 TB. O Acer Aspire S24 será lançado nos EUA em janeiro de 2018, custando a partir de US$ 999.

Com informações: SlashGear, Engadget, Mashable.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Meninão Bobo
Eu tb tenho 1 e recomendo muito, esse se vier para o Brasil com preço bom, da para comprar tb!!
Felipe Ventura
Realmente, fica na base; o Mashable corrigiu o texto, e nós também.
Lucas Carvalho
Computador alione.
John Smith
O hardware do computador no Aspire S24 fica realmente atrás da tela? Se for é realmente impressionante, considerando a espessura dela. Me parece que fica tudo na base...
Luander Falqueto Beltrame
Eu tenho um switch alpha 12 e gosto bastante dele, único pecado é não ter leitor de digitais. Esse daí porém, se chegar no Brasil, vai custar muito caro.
https://tecnoblog.net/?post_type=post&p=404942