Início » Gadgets » Todo mundo resolveu lançar fones de ouvido sem fios

Todo mundo resolveu lançar fones de ouvido sem fios

Beoplay E8, Samsung Gear IconX (2018) e Sony WF-1000X são novos earbuds totalmente sem fios

Paulo Higa Por

Pelo visto, as empresas realmente gostaram da ideia de lançar fones de ouvido totalmente sem fios, com conexão Bluetooth e nenhum cabo entre os dois lados. Eu poderia encher a capa do TB com os lançamentos de áudio, mas preferi reunir tudo aqui. Eis os detalhes dos novos earbuds da Bang & Olufsen, Samsung e Sony:

Beoplay E8

A Beoplay, marca da Bang & Olufsen, trouxe o E8. Como de costume na empresa, há uma certa atenção com relação ao design: ele tem uma superfície sensível ao toque nos dois lados que é circundada por um anel de alumínio, e acompanha uma pequena case com acabamento de couro com grão de qualidade superior.

O Beoplay E8 é o primeiro fone de ouvido totalmente sem fios da B&O. Possui resistência a água e poeira; tem controles de toque para músicas, ligações telefônicas e também para a Siri; traz um modo de transparência que permite ouvir o som ao seu redor; e, olha, fica bem bonito na orelha:

As baterias (60 mAh do lado esquerdo e 85 mAh do lado direito) aguentam 4 horas de reprodução de música, e a case possui uma bateria interna (365 mAh) que permite fazer mais duas cargas, elevando a autonomia para até 12 horas sem uma tomada por perto. Ele será lançado no mercado americano em 12 de outubro por US$ 299.

Samsung Gear IconX (2018)

A Samsung está atualizando o Gear IconX com a versão 2018. Eu testei a geração atual, e ela tinha dois problemas importantes: primeiro, a duração de bateria era absolutamente terrível (na prática, menos de duas horas de reprodução de música por Bluetooth) e a qualidade de áudio era apenas “ok”, o que era preocupante para um produto caríssimo.

O Gear IconX (2018) tenta corrigir os problemas, continuando com o foco em esportes. Ele tem armazenamento interno de 4 GB para músicas e possui controles de toque e retorno de áudio (Running Coach) para monitoramento de exercícios. No modo independente, sem estar conectado a um smartphone, a bateria promete durar até 7 horas; quando pareado, 5 horas.

https://www.youtube.com/watch?v=onVzSjdVh3A

Na nova versão, a Samsung destaca a compatibilidade com a assistente pessoal Bixby: basta tocar e segurar no IconX, e então dar seus comandos de voz. Outro detalhe bacana na ficha de especificações é que o carregamento da case (que permite uma carga extra, elevando a autonomia para 14 ou 10 horas) agora é feito por USB-C (yay!).

O preço e a data de lançamento do Gear IconX (2018) ainda não foram anunciados. A versão atual chegou por US$ 199 nos Estados Unidos e R$ 1.399 no Brasil.

Sony WF–1000X

A Sony também investiu no formato com o WF–1000X. A principal diferença em relação aos concorrentes da Beoplay e Samsung é que o WF–1000X tem cancelamento de ruído (que pode ser ativado ou desativado).

Você pode fazer ligações, controlar a equalização por meio de um aplicativo dedicado e ouvir músicas por até 3 horas (boo!), sendo que a case eleva a autonomia para até 9 horas.

O WF–1000X será lançado em setembro nos Estados Unidos por US$ 199,99. Ele será acompanhado de outros formatos: o WI–1000X (US$ 299,99), que também conta com cancelamento de ruído, mas é um neckband com autonomia de 10 horas; e o WH–1000XM2 (US$ 349,99), que é um headphone circumaural para concorrer com os Bose QuietComfort, com 30 horas de bateria.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Renan
Com esses preços dá mais vontade de comprar fones de ouvido de três metros
Bruno Silva Manoel
É, esse valor de $250 é o Special Edition, que introduz alguns caprichos (cor diferente, e hard case e alguma outra coisa que não me lembro) que, na minha opinião, não valem os $50 a mais, com relação ao Backbeat Pro 2 normal, que custa $200. O problema é que não tive oportunidade de testar todos eles, pra eu mesmo poder julgar a qualidade do áudio (não sou audiófilo, mas gosto de um áudio de qualidade). Analisando puramente specs, reviews e preço, esse Plantronics está extremamente interessante pra mim. A indecisão está realmente difícil, hahahahaha, Obrigado pela opinião.
Thalys Dos Reis Guimarães
Olha, eu acabei não colocando $ porque tinha um QC35 e vendi. Mas pra mim é o melhor fone disponível no mercado hoje. O Bose é fantástico, mas o Sony tem mais som, NC melhor. É caro, muito caro pra um fone. Mas se você gosta e tem condição de fazer esse capricho, tanto o QC35 quanto o MDR1000X valem pra mim. Aqui na empresa todo mundo me achou louco quando comprei o Bose por causa do valor, mas todo mundo que testou, comprou um. Hahahaha.
Thalys Dos Reis Guimarães
Bruno, nunca testei o Plantronics. Na verdade nenhum fone da marca, mas em relação a Bose vs. Sony, meu review é: QC35 ganha no conforto (extremamente leve, ficava horas com ele sem perceber estar de fone) e o app era sensacional. Amava a forma que ele fazia uma espécie de smart pairing com dois devices. Conseguia deixar simultâneo no Macbook e no celular e ele "gerenciava" as trocas muito bem. Sony ganha no som (por muito, na minha opinião), na construção (além de eu achar mais bonito, o que é subjetivo), no noise cancelling que não dá sensação de pressão no ouvido e em funções legais como o ambient sound que o Bose não tem. Se tiver oportunidade de comprar fora, vi que o Plantronics tá US$250, pegue o Refurbished do Sony. Acho que não vai se arrepender.
Mickey Sigrist
Bacana, Bruno. Obrigado pela indicação, vou dar uma pesquisada!
Marcelo Lacerda
"US$ 199 nos Estados Unidos e R$ 1.399 no Brasil" Triste realidade...
Francisco Bruno de Figueredo F
Para mim o importante é fazer e receber ligações sem tomar multas, para isso uso já há bastante tempo um Motohint 2 (comprado fora). Ah, depois de ver a equipe do Tecnoblog no Loop ao Vivo pude ver o quão profissionais eles são. Parabéns. Passei a ver o blog todos os dias.
farias
Pois é. Talvez no futuro fique inevitável (e talvez até desejável), mas, por enquanto, tô ok com os fios.
nanz0
Comprei recentemente um fone chamado X2T, paguei 20 dólares nele... Estou esperando chegar, pelas avaliações no gearbest e reviews gringos dizem que é um ótimo fone dentro da sua faixa de preço, até queria um de marca boa mas é totalmente inviável investir 200 ou 300 dólares num gadget destes, então vamos começar com os "Xing ling" enquanto essa tecnologia não se populariza...
Doug
Uau ! Beoplay na lista. Valeu Higa pelo post.
Douglas Ullmann
Comprei um fone nesse estilo há uns meses atrás, mas daqueles vendidos na GearBest (QCY Q29), baratinho (30 dólares). É razoável pro meu uso. Não quero fones com fio nunca mais.
Theo Queiroz
Cara, não é headphone bluetooth, mas tenho um headset da Plantronics (Gamecom 388) que é show de bola. O som é muito bom mesmo e eu me surpreendi com essa marca. Nunca tinha usado nada deles.
Bruno Silva Manoel
Também estou nessa luta. Sugiro que você pesquise sobre o Plantronics Backbeat Pro 2. Acabamento premium e vários outros recursos curiosos. Pelo que vi nos reviews, ele perde no quesito qualidade de áudio, mas já esperava isso, visto que ele custa 100 Trumps a menos. Estou na dúvida entre 3: MDR-1000X, QC35 e Backbeat Pro 2. No final do ano tenho um conhecido que irá pra fora e irá trazer um pra mim. Tenho que decidir até lá, rs
Caleb Enyawbruce
Natural que isso fosse ocorrer. E até demorou.
Bruno Silva Manoel
Estou na busca de um fone sem fio e você citou 2 que estão na minha lista: MDR-1000X e o QC35. O outro seria o Plantronics Backbeat Pro 2, que seria uma opção mais "em conta". Hoje, estou pendendo para o Backbeat Pro 2, mais por uma questão de preço. Infelizmente, não tive oportunidade de testar nenhum deles. Gostaria de ouvir tua opinião a respeito, já que tu até deixou o QC35 de lado.
Exibir mais comentários