Em meio a novos iPhones e outros dispositivos, a Apple também revelou uma atualização para o iTunes com uma mudança importante: ele não tem mais App Store.

Isso tem dois objetivos, segundo o TechCrunch: focar o iTunes em recursos de entretenimento, deixando-o menos complicado de usar; e direcionar mais tráfego para a App Store do iOS 11, com um novo design e sugestões do que baixar.

Se você tiver sincronizado apps, ringtones e livros antes, eles continuarão na pasta de mídia do iTunes (C:\Usuários\[nome do usuário]\Música\iTunes\ no Windows; Ir > Início > Música > iTunes no macOS). Ou seja, se você tiver um app antigo que foi removido da App Store, ele continuará no seu computador.

E você ainda poderá movê-los manualmente para dispositivos iOS. Conecte o dispositivo ao computador, abra o iTunes, abra a pasta de mídia e arraste o item desejado — apps, ringtones ou livros — para a barra lateral:

Ainda assim, a mudança pode ser inconveniente. Como usuário de Android, às vezes eu acho mais prático visitar a Play Store na web — para instalar vários apps de uma vez, por exemplo. Enquanto isso, a App Store na web até perdeu o botão “Baixar”, já que não adianta nem usar o iTunes.

Isso também pode ser irritante para quem baixava um app uma vez no iTunes e o sincronizava entre vários dispositivos iOS, em vez de baixá-lo diversas vezes em cada lugar.

Como explica a Apple, o iTunes 12.7 “se concentra em música, filmes, programas de TV e audiobooks”. Membros do Apple Music podem criar perfis e seguir outras pessoas; as coleções educacionais do iTunes U foram migradas para a seção Podcasts; e as estações de rádio foram para a biblioteca de música.

Com informações: Apple, TechCrunch, MacRumors.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Julio Cesar Silvio Campanhola
Ja era ruim Agora Ficou uma bosta mesmo
Djjad
Tinha este receio. Hoje em dia só uso iTunes para sincronizar músicas especificas e instalar iOS clean/Full Backup. A mudança da Apple é até compreensiva. Eu tenho Mac e iPhone, e nunca usei iTunes para instalar app no aparenho em 4 anos...
Cássio Amaral
Um amigo que tem iPhone e fica perplexo com a facilidade de transferir arquivos do Android para o PC dele. Só plugar e abrir as pastas pelo Explorer. Enquanto isso, há algum tempo, ele estava quebrando a cabeça porque precisava fazer um backup dos arquivos no iPhone dele para enviar para a assistência técnica, e precisava instalar o câncer do iTunes no PC para transferir os arquivos pessoais. Só que não havia espaço suficiente no HD, e o tamanho do backup era menor que o espaço exigido pelo iTunes. No final das contas, tive que desinstalar meia dúzia de programas e limpar arquivos inúteis para liberar espaço e poder instalar o lixo do iTunes. Para mim beira o masoquismo usar iOS e iTunes, horrível aquilo, tudo cheio de restrição que a Apple impõe.
Fabio Alvez
Não sei qto às outras pessoas, mas eu não coloco milhões de mp3 dentro de centenas de sub-pastas. Todos os meus mp3 estão em uma única pasta principal, sem sub-pastas. Nomeados como apenas, e com as demais informações como álbum, gênero e etc. nas tags de cada arquivo. É o que me basta e me permite tocar o estilo, lista que tô afim de escutar no momento.
Josué Rolin
Na minha opinião não é questão de fascínio, pra mim sempre foi pra ser mais organizado mesmo
Ed
Caralho, que trabalheira mano! O iTunes (ou qualquer outro player que use o conceito de biblioteca) daria uma boa mão na roda pra fazer o mesmo, hehe
MynahBird®™
Garoto organizado é assim mesmo. Parabéns. Eu também faço isso.
Caleb Enyawbruce
Tenho iPhone mas nunca usei iTunes. Espero nunca precisar
Renan Maia Fernandes
Entendo, eu pra organizar sigo igual o que o iTunes faz, mas de forma mais manual mesmo, separo por pasta de nome do artista e depois o álbum, no final fica um caminho de no máximo 3 pastas (Pasta de músicas > pasta nome do Artista > pasta álbum do artista), todos com capa e tags corretas, não foi do nada que deixei assim, mas me acostumei e levo isso a uns bons 8 anos desse jeito que chegou a um ponto que não tem como me separam mais. https://uploads.disquscdn.com/images/6ec9f07cdd20935f8d2eb232d97470c229c2060acb1d9a4fe3a003f9aa5e2f0a.png
Lucas Blassioli
iTunes sem App Store... melhor assim, do que com os Apps (que nunca deu para gerenciar direito)
Senhor Bean
Meu problema não é com a música offline, é com a tara por pastas e mais pastas. Prefiro ver tudo bonitinho no iTunes com capinhas, tags todas preenchidas (sem falar que é só arrastar um MP3 dentro da janela do iTunes que ele já identifica e manda pra pasta certa), etc. Eu hoje uso o Apple Music, mas uso o iTunes desde o lançamento dele.
vin
Ainda está dentro do iTunes. :(
Renan Maia Fernandes
Eu ainda sou um dos "conservadores" das músicas offline, uso por alguns motivos, os maiores são a organização, a não dependência do online e a principal seria a de muito conteúdo que não tem nos serviços online, uso o Spotify, mas tem muitas músicas e remixes que gosto que não tem, por esses motivos fico meio a meio ainda.
Senhor Bean
Nunca entendi o fascínio que as pessoas tem em organizar manualmente milhares de arquivos MP3 dentro de centenas de pastas. Também nunca entendi como isso pode ser uma vantagem.
MacielLucas
Apple music funciona como um app independe te ou ainda fica dentro do itunes ?
Exibir mais comentários