Início » Mobile » Tecnocast 073 – O Xou da Apple

Tecnocast 073 – O Xou da Apple

Por
14/09/2017 às 19h26
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Essa semana a Apple apresentou uma nova versão do Apple Watch e dois novos iPhones. Como já é de costume, os rumores se encarregaram de estragar a maioria das novidades, mas o evento serviu para indicar a direção que a empresa pretende seguir daqui para frente.

Dá o play e vem com a gente!

Participantes

Assistente de Compras do TB

Comprar pelo melhor preço é muito mais fácil com o Assistente de Compras do Tecnoblog. Nossa extensão monitora milhões de produtos em centenas de lojas e te avisa se ele está em seu melhor preço. Ela ainda conta com um módulo Testador de Cupons que coleta e aplica automaticamente cupons de desconto no seu carrinho de compras.

Usando o Assistente de Compras no seu Chrome você também ajuda o TB a produzir o melhor conteúdo de tecnologia do Brasil. Baixe agora!

Assine o Tecnocast

Edição e Sonorização

Tecnocast é editado por Rádiofobia Podcast e Multimídia.

Arte da Capa

Arte da capa por Ilustrata.

  • Ótima capa, como sempre (sem mencionar a bela
    sacada do título) 👏

    • Binho_0

      achei infantiloide: aparelhinhos com carinhas numa festinha de aniversário e uma alusão, intencional ou não, a um programa infantil. se for uma espécie de crítica à empresa (especialmente por conta dos emojis animados), perfeito! do contrário, não…

      • Correndo o risco de dar uma de capitão óbvio, aqui, mas… você sabe que iPhone X significa “iPhone 10”, porque é a edição comemorativa de 10 anos do aparelho, certo?

        O que tem de “infantilóide” em representar isso com uma festa de aniversário, então?

        • Jack Silsan

          Bela sacada.
          Já me adiantando aqui em relação ao tema do podcast, particularmente não me agradou esse design diabólico da tela (repare, a tela do iPhone “Xis/Éks” tem um par de chifres). Essas penínsulas no alto da tela que estão colocando são feias (sim, gosto é pessoal, e deve ter alguém que tenha gostado). Ainda assim me parece que esse smartphone deve vender bem. E se tivesse o preço “normal” do iPhone 8, tenho quase certeza que venderia horrores, canibalizando os datados iPhones 8 e 8 Plus.
          Aquele efeito que foi comentado no podcast anterior, de induzir o cliente a comprar o modelo “do meio”, usando um super top de linha como chamariz pra marca e oferecendo praticamente os mesmos recursos, deve se repetir aqui.
          Ainda falando o “Ten/Dez”, gostei dos recursos novos, especialmente do Face ID e dos comandos por gestos (que deixaram o iOS parecendo o BB10, quem diria 😁). Mas definitivamente dava pra ter mantido o Touch ID, colocando o recurso na maçã 🍎 na parte de trás, conforme muita gente pede, ou em uma das laterais, embora eu ache que isso traria problemas com a Sony.
          De qualquer forma, se eu tivesse grana pra isso e tivesse que escolher, eu pegaria o Note 8 ao invés do iPhone X, muito por conta da caneta que é bem útil. A Samsung conseguiu realmente dar utilidade a uma coisa que tinha tudo pra ser uma firula inútil. Eu até imaginei que apps eu deixaria disponíveis no carrossel: OneNote e apps de edição de fotos tipo o Prisma e versões mobile do Photoshop estariam entre eles. Fora que achei genial poder tirar o celular do bolso, pegar a caneta e anotar qualquer coisa na tela bloqueada… Enfim, quando eu ganhar na sena mo próximo fim de semana eu compro um Note 8 lol 😂
          Parabéns a todos do Tecnoblog pelo ótimo trabalho e continuem assim.

        • Binho_0

          Então, é q qdo se apela ao antropomorfismo, mesmo sem se estar propondo ou trazendo uma fábula (que o caso dessa imagem), isso acaba levando a um recurso muito comum na literatura infantil, percebe? É errado isso? Não… É mais um reflexo do tempo mesmo: as empresas nos tratam de modo infantiloide e, por vezes, agimos e respondemos desse mesmo modo. Às vezes é só um reflexo, q passa a ser um hábito e se transforma num comportamento. E qdo se transforma num comportamento, a coisa fica mais complicada, pq, afinal, há consequências qdo, entre adultos, determinados assuntos são tratados de maneira infantiloide. E, deixo claro, falar q a imagem é infantiloide não é o mesmo q dizer q o autor dela, seja quem for, tb o seja. Se o comentário ofender alguém, é uma pena, pq é só uma crítica à imagem mesmo.

          • Brother, vou ser bem sincero: você tá se esforçando tanto pra parecer inteligentão, e em uma coisa tão banal, que eu não to nem conseguindo ler o seu comentário inteiro.

            E diferente do que você disse ali em cima, chamar de infantiloide é querer humilhar, sim. Enfim, vamos apenas aceitar que a capa não te agrada, e é só, ok? O mundo não precisa ser exatamente do jeito que a gente quer. 🙂

          • Saulo Benigno

            Pior que a arte está sensacional. Que viagem a dele viu, tentou porque tentou explicar.. eu parei de ler também não consegui 🙂

          • Binho_0

            Se vc concordar com a sua própria frase, de q ‘o mundo não precisa ser exatamente do jeito q a gente quer’ e aceitar q eu tb não preciso concordar em apenas aceitar q a capa não me agrada e só, até podemos apertar as mãos, pq aí estaremos, ambos, de acordo q o q conta é a possibilidade de se falar o q se pensa. E, te asseguro, não foi intensão humilhar nem ofender.

          • É você que está chamando o meu trabalho de infantilóide, só porque não te agradou. hahaha

            Eu não caí em contradição na minha frase, porque não sou eu que estou tentando mudar as coisas só porque não me agradam. 😉

          • Binho_0

            Tá bom. Se é o q vc acha, a vida já está seguindo seu rumo, pq nem chegou a ser interrompida. Boa sorte!

          • Você escreveu 1 kilo e eu entendi 1 grama. Desculpe, mas achei a arte muito bem feita e minha interpretação a mesma que o Mobilon descreveu.

          • Binho_0

            Se eu falar q me parece contraditório vc usar o nome alberth e usar a foto do q me parece ser o albert einstein e dizer q não entendeu ‘1 grama’ das coisas bem simplórias q eu disse, eu espero sinceramente q vc não se chateie.

          • Thiago

            Nem se eu fizesse esforço eu conseguiria entender menos o seu textão.

          • Binho_0

            Tranquilo, amigo, o Brasil têm sério problemas educacionais e não é de hj. Mas boto fé q vc pode mais! Força!

          • Thiago

            Falou o cara que em 20 laudas frente e verso não consegue expressar sua ideia. E com o agravante de não entender uma coisa tão óbvia quanto a capa do episódio 🤷🏻‍♂️.

          • Binho_0

            Tá certo… agora vamos seguir em frente!

          • antônio

            Criança, tu fala que “o Brasil têm (sic) sérios problemas educacionais” e acentua o verbo ter com o sujeito no singular? Por favor

          • Binho_0

            Nossa! É verdade… Vou corrigir! E vc não viu ainda ainda q faltou o s em “sério”. O negócio é mais grave do q parece, rapaz! Se vc quiser me seguir nas redes sociais… vc poderia, por favor, ir apontando todos os meus erros no uso do nosso idioma? Já aviso q vai dar trabalho, pq eu sou disléxico.

          • antônio

            Ok

      • Jack Silsan

        Às vezes eu acho que você pega um pouco pesado na crítica man… Tipo, ok, pode ter sido “infantiloide”, mas esse resultado pode ter sido proposital. Não passou isso pela sua cabeça?

        • Binho_0

          Sim, passou, tanto q considerei essa possibilidade no próprio comentário. E, não, não pego pesado, porque não busco humilhar, ofender ou mesmo atacar ninguém (com raríssimas exceções, claro, e em determinadas discussões q envolvem questões graves como homofobia, por exemplo).

          • Jack Silsan

            Ok.
            Particularmente não gosto das maior parte das capaz usadas no Tecnocast #prontofalei mas geralmente entendo o contexto delas. Arte sempre tem zilhões de significados. Eu percebi essa imagem tanto quanto uma metáfora do aniversário quanto como uma alusão à “mágica do campo de distorção da realidade”, usando termos comuns de críticas ao “jeito Apple” de se vender.

          • Binho_0

            Pode ser infantiloide e ainda assim estar no contexto. Mas, olhando em retrospecto, a capa do programa 22, por exemplo, foi uma forma bem adulta de tratar um assunto bem pertinente: um homem acordado, um pet e uma mulher adormecidas e um outro aparelho carregando. Tem até uma alusão ao célebre ‘penso, logo existo’, do Descartes. Agora, não é arte, pq não tinha finalidade artística, mas se vc usar um reportório da crítica de arte pra analisar essas capas, vc tem muito o q discutir. Só essa imagem mesmo do programa 22, com o animal e a mulher dormindo… cara, só isso rende uma grande discussão, pq a forma de representar a mulher (e os animais) na história da arte são muito recorrentes e o q se produz tem muito de inconsciente e de referências q vamos acumulando ao longo da vida.

          • Jack Silsan

            Essa discussão sobre o que é ou não arte e finalidade artística vai longe, imagino que seja melhor conversar sobre isso em algum Post Livre. Mas basicamente discordo as capas não sejam arte… Essa era uma discussão que dividia as salas de design gráfico na Bela Artes. Enfim.

          • Binho_0

            já abriu. vou colocar algo sobre isso por lá.

      • Leandro Amaral

        Eu não acredito que tão problematizando a capa do Tecnocast a ponto do Mobilon ter que vir explicar o contexto da arte! Hahahahahahaha

        • hahaha haters gonna hate

        • Binho_0

          Não sei se vc reparou, mas o assunto está encerrado. Mas se mesmo assim se seu interesse em ânus permanecer, eu acho q vc pode buscar mais informações por aí… Do meu não tem, mas deve ter quem compartilhe isso.

  • Conrado Perdigão

    Eu só acho que para o iPhone 8 deveriam dois pontos, a frente e os cabos. A frente, claro, que não como o X, diminuído a margem e a câmeras e talz, porque daria. E os cabos é porque não faz sentindo terem lançado o cabo com a entrada tipo A. Acho que foi usar produto que estava no estoque, esses dois pontos não acho que tem justifica de não ter mudado.

  • Fabio Hamza

    tecnocast tá no Spotify tb?

  • Luiz Aleixo

    Higa, você definiu o nirvana de 2017!!
    S8 com iOS.
    Dá até pra aturar o sensor de impressão digital no lugar errado.
    Keep up the good work!!!

  • Marcus Araújo

    Eu achei o evento e as novidades tão xoxas que o ponto alto, para mim, foi a conectividade presente no Apple Watch (algo que em algum momento viria a acontecer, seja pelas mãos da Apple ou de alguma outra empresa). A diferença é que o Apple Watch permitirá utilizar a mesma linha de celular presente no iPhone, achei isso uma belíssima sacada e evita o efeito “vários chips pra tudo”.

    O iPhone X para mim foi uma decepção. E eu ainda não estou convencido das praticidades e da suposta segurança do FaceID. Quer dizer que se eu deixá-lo sobre a mesa e alguém pegá-lo e apontá-lo para meu rosto seria o suficiente para ter acesso aos meus dados? Eu ponho o aparelho na mesa, mas não fico vigiando se alguém aparece com a intenção de pegá-lo. Enfim, algo que passou pela minha cabeça e achei meio bizarro. O aproveitamento de tela, como dito no podcast, também não ficou bacana como nos aparelhos da Samsung, e o dente/chifre me incomodou mais do que as bordas. As especificações, digo em especial em relação ao processador, porém, são matadoras, mas sendo um iPhone, e sendo um iPhone de 10 anos de iPhones, eu esperava muito mais do que um Galaxy S8 com reconhecimento facial digno, tela com chifre e sem botão Home; processador móvel matador a Apple já apresenta todo ano, e todo ano superam etc, e assim segue o baile.

    • Jack Silsan

      Esse problema do Face ID poderia ser facilmente resolvido se tivesse um Touch ID na maçã 🍎, ou se houvessem algum comando a mais, tipo arquear uma sobrancelha pra confirmar o desbloqueio, ou alguma outra expressão facial a escolha do usuário.

      • Marcus Araújo

        Acho que FaceID+TouchID tiraria a praticidade do FaceID, já que no fim das contas daria quase o mesmo de utilizar só o TouchID.

        Mas o reconhecimento de voz poderia ser utilizado em conjunto com o FaceID para dificultar um pouco mais. Uma palavra ou frase que o usuário quisesse colocar, algo assim. Desbloquear por só olhar o aparelho me parece dar acesso muito fácil a terceiros.

        • Jack Silsan

          Falar também é uma possibilidade bacana, mas fazer uma certa expressão facial me parece melhor por ser algo silencioso rsrs.

          • Marcus Araújo

            É uma alternativa muito bacana também.

  • Lucas

    achei exagero dizer que o iPhone X é o que tem mais bordas entre os telefones “sem bordas”… 82,9% da face dele é tela, o S8 até tem uma porcentagem maior (83,6%) mas não só é pouca coisa como é justamente pela tela curvada.

    e concorrentes como o LG V30 ou o Xiaomi Mimix 2 tem menos tela na frente ainda… http://www.gsmarena.com/compare.php3?idPhone1=8858&idPhone2=8161&idPhone3=8712

    • Arlys Souza

      Eu entendi que eles estavam se referindo às bordas laterais, visto que o Higa ou o Thassius comentaram da tela curvada do S8, etc…

  • Bruno Cavalcanti

    As vezes tenho impressão que um não está ouvindo o outro. Um acaba de falar uma coisa, e o outro fala a mesma coisa como se não tivesse sido acabado de falar.. Aconteceu umas 4 vezes nesse tecnocast.

    No mais, continuem com o ótimo trabalho.

    abs.

    • Eu percebi que isso aconteceu em um momento, mesmo. É que tivemos problemas de conexão nesse episódio.

      Mas vamos ficar mais atentos, obrigado!

      • Bruno Cavalcanti

        Ah sim.. então ta explicado rs.

        abs!

  • Arlys Souza

    Só uma correção, o Thassius disse que a carga por indução não funciona se o celular estiver usando capinhas, funciona sim. Eu uso há mais de um ano um carregador sem fio da Samsung.

    • Victor Danner

      Eu tinha uma LG G3 e só funcionava corretamente quando eu retirava a capa de silicone. Acho que cada aparelho deve ter uma sensibilidade diferente.

      • Arlys Souza

        O meu é um Galaxy S6. Mas também pode ser a qualidade do carregador em si…

    • Thiago Miranda

      O Carregador original do LG G3 é por indução e funciona muito bem não esquenta e carrega rapido.
      Eu comprei um destes do DX por R$50 e uso sobre a mesa no trabalho funciona bem, não leva 7h para carregar com disse o Higa, mas esquenta que é uma beleza, geralmente coloco só de tarde e quando saio do escritório tenho 100% de batera.

    • Falha minha. Obrigado pela correção aqui nos comentários =)

  • Gabriel C. Duarte

    Eu consigo definir que apenas as mensagens da minha esposa me alertam na minha MiBand 2 e sim, é super útil. Não é comum esta seleção por usuários nos outros modelos de pulseira/relógio?

  • Luis

    A apple faz celulares espetaculares, sim concordo, mas eu não pago o que ela pede por um celular! É INACEITAVEL isso, não importa que seja o 6/6s/7 e esses novos ai, nenhum vale tudo isso

  • Highlander

    Até quando vocês acham que o iPhone continuará sendo um fenômeno de vendas?

  • Depois que o Bill Gates roubou da Apple, a Apple roubou da MS a ideia de pular pro “10”? hehehehe Brinks
    Esse negócio de reconhecimento facial parece ser promissor, principalmente nos testes de segurança e controle de fraudes. Creio que será melhorado através de atualizações, conforme uso, mas já temos um avanço interessante na tecnologia.

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • IgorOzz

    Comecei a acompanhar o Tecnoblog recentemente, depois que vocês apareceram em uma live do Loop Infinito. Assinei também ao tecnocast para ouvir no carro, achei bacana… vocês discutem sobre vários temas que, no geral, são muito interessantes.

    Como uma crítica (espero que positiva e construtiva), por exemplo no tecnocast 073, tive a impressão de que algumas informações ditas não foram corretamente pesquisadas e apuradas, acho que antes de poder compartilhar algumas informações devemos ter certeza ou então discutir entre os participantes no momento da gravação para que, quem esteja ouvindo, tenha a informação correta. Por exemplo:

    – foi dito que o Qi Charging não funciona com uma capa/case no aparelho, o que é incorreto. Funciona, sim!

    – os aparelhos samsung utilizam scanner de íris como uma das opções de biometira, não de retina.

    – o Face ID, na apresentação da Apple, não falhou. Ele estava desabilitado, provavelmente por terem tentado utilizar com uma outra pessoa, que não aquele apresentador no momento da apresentação.

    – a pessoa que apresentou o iPhone X, com o Face ID naquele momento, não era o Phill Schiller, mas sim o Craig Federighi.

    Entendam isso como sugestões para melhoria de vocês! Ahhh… e o Qi Charging eles falam “Chi” Charging porque em chinês pronuncia assim! hahaha… acho que é isso que eu li por aí!

    Falou…

    • Saulo Benigno

      Boa!

      Também achei estranho quando falaram que não funcionava o carregamento com capa.

      Imagina todo mundo ficar tirando a capinha para carregar o celular. Ninguem iria usar isso, ia ser fail total. Já usei e nunca tive problema.

    • Opa, bem vindo! 😀

      – Sobre não funcionar com capinha, isso varia muito em cada aparelho. O Thássius seria a melhor pessoa pra responder o porque ele disse que não funcionaria, mas é fato que *qualquer* coisa no meio do caminho pode influenciar na eficiência do carregamento.

      – Eu falei retina? Foi pensando em íris. Confusão boba de palavras, mas não muda o ponto do argumento: as pessoas confundem o Face ID com scanner de retina. São coisas diferentes e o uso diário vai ser diferente, também.

      – A informação sobre o motivo da falha só apareceu uns dias depois da gravação. A discussão que veio depois disso era interessante, por isso não cortamos.

      – Sim, era o Craig. Eu falei Phill, e fui perceber que confundi os executivos só depois. Mas again, acho que o nome do executivo aí foi só um detalhe. A discussão era sobre outra coisa…

      Obrigado pelo comentário! 🙂

      • Sobre a capinha em celular com recarga por indução: de fato essa possibilidade existe e me passou batida durante a gravação do podcast. Fica aqui o agradecimento pela correção. Segue o baile!

  • jrzbraga

    Os caras discutindo a imagem de capa do episódio e o design da tela do iPhone…. Adoro a internet. 😍

  • Maicon Bruisma

    Gostei muito desse podcast. Mas devo mencionar que não entendi muito bem a menção do S8 e Windows Hello em relação ao leitor de íris. O Lumia 950 e o Surface Pro lêem a íris mesmo de óculos, o mesmo presenciei com um S8*. Ele tem um sensor infravermelho e o leitor de íris, não é usada a câmera. Confio mais nele que em leitor facial, mas não posso pré julgar o Face ID, ainda não testei.
    Percebi que ninguém mencionou a Siri, falaram que ela estaria melhor, e depois da apresentação do iPhone X e seu chip de rede neural eu fiquei mais crédulo, porém até agora nada. Será que realmente a Apple tornou a Siri mais inteligente?

  • Maicon Bruisma

    A Apple gosta de nos testar. Tirou o P2 para obrigar a usar o Bluetooth ou acessórios, tirou o Touch ID para forçar o usuário a usar o Face ID. Me sinto como se ainda usasse Windows Phone.

  • Guilherme J F Moreno

    Finalzinho do cast falaram nos americanos dividindo o valor dos iphones. Isso esta acontecendo por causa do aumento da inflação nos eua, que começou a correr mais rápido. Isso é culpa dos programas de impressao de dolar utilizado pelo governo americano para tentar combater a crise de 2008.

  • Francisco

    Secretárias(os) reais (muitas(os) não tem tanta IA assim) precisam de “comandos” pré determinados para dizerem coisas do tipo: “O Souza não “poderá estar te atendendo” durante o evento Apple o qual ele se encontra no momento”.

  • Robson Lima Rosa

    Pessoal, só uma pequena correção: não sei em relação ao sistema que vai ser utilizado pela Apple, mas ao contrário do que foi dito no cast, os celulares (pelo menos os da Samung) podem sim ser carregados por indução mesmo que estejam com a capinha.
    Possuo um S7 e minha esposa um S6, e conseguimos carregar ambos normalmente no carregador da Samsung (esse mais novo, não me lembro o modelo) sem ter a necessidade de retirar as capinhas, sendo que o tempo de carregamento não varia estando ou não com elas.
    Pode ser que nessas capinhas mais grossas, ou dependendo do material, o carregamento seja prejudicado, mas pelo menos com as capinhas normais de silicone não há problema algum.
    Parabéns pelo ótimo trabalho.