Início » Aplicativos e Software » Firefox Quantum promete dobro de desempenho e visual renovado

Firefox Quantum promete dobro de desempenho e visual renovado

Por
2 anos atrás

Se render ao domínio do Chrome não é uma opção para a Mozilla. Determinada a manter a relevância do Firefox, a organização vem trabalhando em um projeto de renovação do navegador chamado Quantum. Os resultados desses esforços podem ser conferidos na recém-liberada versão beta do Firefox 57.

Firefox Quantum

A Mozilla destaca que o Firefox Quantum é fortemente focado no desempenho. Sim, é comum toda atualização bater nessa tecla, mas as diferenças de velocidade são realmente perceptíveis aqui: quem usa o Firefox todos os dias provavelmente vai perceber que a nova versão abre mais rápido e é mais ágil na renderização de páginas, mesmo as mais pesadas.

O ganho de desempenho se deve principalmente a um novo motor de renderização de CSS desenvolvido com base na linguagem Rust. Além disso, o navegador foi preparado desde o início para consumir menos memória RAM — até 30% a menos que o Chrome — e trabalhar com os múltiplos núcleos do processador. Com isso, a carga de processamento é distribuída de modo mais eficiente.

Eis o efeito: o Quantum conseguiu ser até duas vezes mais rápido que o Firefox 52 (lançado no ano passado) nos testes feitos pela Mozilla com o Speedometer 2.0. Na comparação realizada com o Chrome, o novo Firefox pôde vencer a maioria dos testes conduzidos pela organização, como mostra o vídeo abaixo.

O visual também mudou. O Firefox 57 beta traz a nova interface Photon, que prioriza um design mais limpo, linhas retas em detrimento de cantos arredondados, ícones com contraste forte, menus reformulados, animações mais suaves e alguns recursos de personalização, como a possibilidade de unificar rapidamente a barra de endereços com a de busca.

Firefox Quantum

Como esta é uma versão não finalizada, alguns problemas podem surgir com relativa facilidade, como “crashes”. Mas, no geral, dá para notar que o Firefox Quantum está em fase avançada de desenvolvimento. De fato, o estágio atual é apenas de correção de bugs e refinamento. A Mozilla pretende lançar a versão final do Firefox 57 em 14 de novembro.

Tenocast 070 — É o fim da guerra dos browsers?

Em um passado muito distante (pelo menos em anos de internet), um dos passatempos preferidos dos aficionados por tecnologia era testar vários navegadores diferentes. Assim, metade dos tópicos em fóruns de tecnologia eram de usuários enaltecendo os novos recursos do seu navegador predileto.

Mas, de acordo com Andreas Gal (ex-CTO da Mozilla), esses tempos ficaram para trás. O Chrome não só venceu, como é bem possível que todos os seus concorrentes estejam mortos em dois ou três anos (menos o Safari). Será? Discutimos o assunto no Tecnocast 070. Dá o play e vem com a gente!