Início » Negócios » Qualcomm processa Apple na China e quer interromper produção de iPhones

Qualcomm processa Apple na China e quer interromper produção de iPhones

Paulo Higa Por

O episódio mais recente da disputa judicial entre Qualcomm e Apple foi parar do outro lado do mundo. A fabricante de processadores entrou com uma ação contra a Apple na China e quer interromper a produção de iPhones no país — de onde saem a maioria das unidades distribuídas no mundo.

De acordo com a Bloomberg, a Qualcomm abriu um processo em um tribunal de propriedade intelectual de Pequim, exigindo medidas contra a Apple por violação de patentes. A empresa de Tim Cook não estaria pagando royalties de invenções que envolvem gerenciamento de energia e tela sensível à pressão, caso do Force Touch presentes nos iPhones mais novos.

A briga acontece especialmente porque a Qualcomm quer cobrar os royalties com base em uma porcentagem do valor total dos iPhones — o que certamente rende um bom dinheiro, ainda mais com aparelhos sendo vendidos a mil dólares. Tim Cook não concorda, e diz que as patentes da Qualcomm abrangem somente uma pequena parte do que o iPhone é.

Fato é que, por enquanto, a Qualcomm é quem está se dando mal. A empresa já sofreu duas derrotas da Apple nos tribunais americanos. Para piorar, na quarta-feira (11), ela foi condenada a pagar multa de US$ 773 milhões em Taiwan por abusar de sua posição dominante no mercado de modems para celulares; a Apple também acusa a Qualcomm de se aproveitar do monopólio para cobrar taxas exorbitantes de royalties.

Mais sobre: ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

MynahBird®™
Qualcomm é a criadora da tecnologia e quer ganhar baseado no preço do iPhone. Apple se nega a pagar baseada nesse modelo, e de castigo, deixa de repassar qualquer valor... Isso vai dar merda, e das grandes...
Ligeiro
https://uploads.disquscdn.com/images/fe100ad48034028a0103d74b048a0d7860c607721e484a5e5f29a710b6e90a4a.png
Wellington Gabriel de Borba
https://uploads.disquscdn.com/images/0bf709f3d5245e1d5e3c7992e1e52090bd62ddb481e45bf9391f88437f1987cd.jpg Como assim é tudo igual?
Rodrigo Moralles
Boa tentativa da Qualcomm, ainda mais na China, que é um pais reconhecido mundialmente por respeitar propriedades intectuais.
Silvio Ney
aehiuaheuiaheuiaheae
João Almeida
Coitada da Qualcomm. Deveria parar de gastar dinheiro a toa perdendo processos kkkkk
Henrique Seraph
creio que não
Renan
Sim filha da puta 80 km é 80 km arrombado
Henrique Seraph
Uber e Qualcomm os dois a 80KM quem tem mais polêmicas?